Iniciada no dia 24 de outubro a 9ª edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica), reuniu cerca de 35 mil visitantes no Recôncavo baiano, segundo os organizadores. A grande movimentação de pessoas na cidade para participar do evento refletiu positivamente na taxa de ocupação hoteleira. Com patrocínio do Governo da Bahia, a Flica seguiu até o dia 27 de outubro, com acesso gratuito e recebeu grandes autores como Thalita Rebouças, Gláucia Lemos e o poeta Bráulio Bessa.

De acordo com o secretário municipal de Turismo de Cachoeira, Cleydson do Rosário, a taxa de ocupação hoteleira na cidade foi de 100%. Além de Cachoeira, os participantes da Flica também se hospedaram em Santo Antônio de Jesus, São Félix, Muritiba e Cruz das Almas.

Um dos empreendimentos mais novos de Cachoeira, a Pousada Pai Tomaz teve todos os 13 quartos reservados. Já a Pousada Treze de Março foi um dos poucos meios de hospedagem com vagas disponíveis, mas os quatro últimos apartamentos foram ocupados com reservas de última hora, de acordo com a recepcionista Renata Araújo.

Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: Ascom/ Secretaria de Turismo do Estado