Adriano da Silva Borges, de 27 anos, também conhecido como ‘Galego’, que teve a casa invadida durante na madrugada de terça-feira, dia 17, foi encontrado morto no final da manhã desta quarta-feira (18) em uma área de mato ao lado do terreno do Fluminense de Feira, no Vale do Jacuipe, em Feira de Santana (BA). Ele estava em casa, no bairro Caraíbas, quando desconhecidos arrombaram o imóvel e o levaram.

Após levarem a vítima, familiares receberam uma mensagem dos criminosos, no próprio celular de Adriano, exigindo o resgate de R$ 300 mil. A família alegou que não tinha tal quantia e comunicou o fato à polícia. Familiares alegam que a vítima não tinha envolvimento com nada errado.

O corpo de Adriano foi encontrado com marcas de tiro na cabeça, com as mãos amarradas para trás e amordaçado com uma camiseta. Próximo ao corpo também foi encontrado um veículo pertencente a um vizinho, que foi assaltado e amarrado pelos criminosos. O delegado Rodolfo Faro presidiu o levantamento cadavérico e encaminhou o corpo para o IML para ser necropsiado.

Blog Central de Polícia