Dando continuidade às ações comemorativas da Semana Nacional do Livro e Leitura, instituída pelo Decreto n° 84.631, a Fundação Pedro Calmon (FPC/SecultBa) apresenta um conjunto de dados e informações que compõem a Diretoria de Biblioteca Pública (DIBIP). Composta por seis bibliotecas públicas estaduais localizadas em Salvador (uma delas a Biblioteca de Extensão), uma no município de Itaparica e uma biblioteca virtual, a DIBIP registra aproximadamente 900 mil exemplares em seu acervo.

Destaque para a Biblioteca Central do Estado da Bahia (BCEB), que, além do seu tradicional acervo com mais de 600 mil exemplares, a unidade contabiliza aproximadamente seis mil livros no setor Braille. Criado a partir do decreto 22.103 de 4 novembro de 1970, o setor realiza atividades no apoio ao ensino da escrita Braille, à leitura e pesquisa para pessoas cegas ou com baixa visão.

Segundo Marcos Viana, diretor da BCEB, “é um setor que busca facilitar a inserção social, cultural e econômica deste público, favorecendo a cidadania plena”. O setor dispõe de tecnologias assistivas como a impressora Braille, Lupa eletrônica, conversor de texto para escrita Braille, audiolivros e livros em Braille e tinta Braille, regletes, jogos adaptados, cabines acústicas para estudos e gravações, além dos óculos Orcam My Eyes.

Gov-Ba