Por Alberto André é CEO do Plusdin

Quem nunca passou por um verdadeiro “perrengue” com um cartão de crédito, que atire a primeira pedra! Pois é…infelizmente não somos educados, desde a infância, a saber lidar com o dinheiro e isso acaba impactando nossas vidas enquanto adultos. Essa relação de ‘amor e ódio’ com o cartão ocorre porque fazemos mal uso desse recurso, que na verdade é um dos que mais proporciona flexibilidade de usos.

Em linhas gerais, o cartão de crédito é um meio de pagamento com limite pré-estabelecido junto a uma instituição financeira, que possibilita a compra de produtos, serviços e bens de consumo, por meio de uma máquina específica para essa modalidade de pagamento. Além disso, vale lembrar que o valor gasto será cobrado posteriormente e ainda permite a divisão durante certo período de tempo.

Para se ter uma ideia, segundo dados do Serasa, em nosso país, cerca de 70% das pessoas usam três ou mais cartões de crédito. Já de acordo com a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), as principais compras realizadas por meio de cartões de créditos são Supermercado e Alimentação (17%), Farmácia (15%), Eletrodomésticos (14%) e Roupas (11%).

Diante desse cenário, o ponto deste artigo, caro leitor, é destacar que o cartão de crédito nem sempre é o vilão das despesas na vida das pessoas. Isso porque ele proporciona algumas vantagens, para aqueles que sabem a melhor forma de utilizá-los.

A primeira delas é a segurança. Morando em grandes cidades, todos sabemos que não é seguro ficar andando com dinheiro em espécie e o uso do cartão, com senhas, se torna mais eficaz. A facilidade de pagamento também é uma vantagem, pois permite ter mais condições de parcelamento e prazo.

Outro ponto positivo é que muitos cartões oferecem bônus, premiações e até mesmo milhas, gerando engajamento dos usuários, que acabam ganhando outros benefícios ao fazer uso dos cartões de crédito. Além disso, os aplicativos dos cartões enviam, em tempo real, pushes de utilização e limite, ajudando na organização financeira.

Por fim, é preciso desmistificar que o cartão de crédito é o grande vilão das finanças das pessoas. Ele é, quando utilizado da forma correta, um grande aliado na amplitude financeira do usuário. Pense sobre isso, escolha o cartão que mais se aproxima de seu perfil e aproveite os benefícios.

Sobre o autor:

Alberto André é CEO do Plusdin, fintech que ajuda brasileiros a tomarem as melhores decisões financeiras para suas vidas, com transparência e segurança.