Pelo quinto ano consecutivo, o cantor Danniel Vieira comandou seu “Arrastão do Gordinho” na quarta-feira de Cinzas, em Salvador! O trio saiu do Farol da Barra logo depois das 10h, recheado de convidados. Esse ano, o artista se vestiu de salva vidas para homenagear a turma da Salvamar.

O cantor, que sempre chama atenção para uma das categorias envolvidas na festa, resolveu alertar e prestar reverência aos salva vidas, que às vezes passam despercebidos quando o assunto é Carnaval.

 “Ano passado foram em média 1000 resgates nas praias de Salvador durante o Carnaval. Esse ano, esse número subiu para mais de 1200. Muita gente não lembra desses profissionais, que dão a vida para salvar o próximo e, por isso, a justa homenagem”, disse Danniel.

Salvador: Danniel Vieira comanda arrastão na quarta-feira de Cinzas - salvador

Foto: Matheus Caratt

No trajeto, perto do Cristo da Barra, Danniel desceu ao ver a turma da Limpurb (homenageada do ano passado) para registrar o momento com os agentes de limpeza. Como o dia é de muita festa para todo mundo que trabalhou na folia, o trio do sertanejo celebrou ainda a diversidade musical que é marca registrada da Bahia.

A primeira convidada a cantar foi Alice Moraes, que além de sucessos do sertanejo, cantou ainda um grande clássico do Carnaval, “Pequena Eva”. Logo na sequência, ainda no Morro do Gato, teve Mambolada tocando suas canções e trazendo o ritmo da lambada para as ruas.

Mas a última manhã de festa teve muito mais música. O vocalista Matheus Vidal, do Olodum, trouxe toda a energia percussiva para o trio e cantou inúmeros sucessos do grupo, entre eles Rosa, E Lá Vou Eu e Faraó. O arrocha deu tom, já em Ondina. Kart Love subiu com muito romantismo e irreverência, brincou com os foliões, chamou a turma que ainda estava nos camarotes e cantou sua atual música de trabalho “Quero Meu BB de Volta”.

Quem encerrou a sequência de participações foi Tierry, cantor e um dos maiores compositores do Brasil! Ele começou sua participação com o hit Cracudo, um dos indicados a música do Carnaval em diversas pesquisas! Além de Cracudo, Tierry cantou outros sucessos seus e composições suas gravadas por grandes nomes da música brasileira.

“Fazer o Arrastão é uma festa. A gente se diverte, recebe muitos amigos e consegue confraternizar depois de tantos dias seguidos fazendo dois, três shows por noite! Se depender de mim, estarei aqui sempre!”, concluiu o Gordinho.

No final do circuito, já na entrada da Adhemar de Barros, Danniel e Léo Santana fizeram o já tradicional encontro de trios, conversaram com os fãs e cantaram juntos, encerrando oficialmente o Carnaval de Salvador 2020!

Matéria: Pipa Comunicação Integrada