Participante do BBB faz birra e reclama com produção do programa

Participante do BBB faz birra e reclama com produção do programa - brasil

Uma das participantes da 17 edição do Big Brother Brasil, Ieda Wobeto, em momento de xilique, reclama do figurino da festa do programa nesta sexta-feira (3). Ao contrário dos demais brothers, a participante de 70 anos deu uma dura na produção do reality show.

“Eu falei na semana passada que a roupa estava apertada e nesta semana eles mandaram outra ainda mais justa. Tá ridículo isso, eu não vou usar”, protesta. A participante Emilly tenta convence-la que está enganada, mas a gaúcha bateu o pé. “Ainda me mandaram esse short-cinta para me apertar ainda mais. Não gosto de coisa que me aperte”, finalizou. (Bahia.ba)

Com entorse no tornozelo, lateral desfalca o Vitória contra o Botafogo (PB)

Com entorse no tornozelo, lateral desfalca o Vitória contra o Botafogo (PB) - brasil

O Vitória tem uma baixa para o duelo do próximo domingo (5), contra o Botafogo da Paraíba, pela Copa do Nordeste. Na reapresentação do elenco nesta sexta (3), o Departamento Médico vetou o lateral-direito Norberto.

O jogador, que deixou o campo no triunfo sobre o Vitória da Conquista com dores no pé teve detectada uma entorse no tornozelo direito O atleta já iniciou o tratamento.

Sem o titular, o técnico Argel Fucks escalará o reserva Leandro Salino. O Rubro-Negro enfrenta o time paraibano às 16h de domingo, em João Pessoa (PB). (Galáticos Online)

Etanol sobe em 14 estados e no Distrito Federal

Etanol sobe em 14 estados e no Distrito Federal - brasil

Os preços do álcool nos postos brasileiros subiram em 14 estados e no Distrito Federal e caíram em 12 nesta semana. No período de um mês, as cotações do produto acumulam alta em 23 Estados e no Distrito Federal e queda em Alagoas, Paraíba e Roraima.

Em São Paulo, principal Estado produtor e consumidor, a cotação caiu 0,39% na semana, para R$ 2,781 o litro, e no período de um mês acumula alta de 2,73%. Na semana, o maior avanço das cotações foi registrado no Amapá (3,73%), enquanto o maior recuo ocorreu em Alagoas (-2,65%). A maior alta mensal, de 5,09%, foi em Mato Grosso do Sul e a maior queda foi também em Alagoas (-2,65%).

No Brasil, o preço mínimo registrado para o etanol foi de R$ 2,29 o litro, em São Paulo, e o máximo foi de R$ 4,429 o litro, no Rio Grande do Sul. Na média, o menor preço foi de R$ 2,735 o litro, em Mato Grosso, e o maior preço médio foi verificado no Amapá, de R$ 3,89 o litro. (Estadão Conteúdo)

Aedes aegypti: em 2016 2,175 milhões de pessoas tiveram doenças ligadas ao mosquito

Aedes aegypti: em 2016 2,175 milhões de pessoas tiveram doenças ligadas ao mosquito - saude, brasil

A previsão da tríplice epidemia se confirmou. Boletim divulgado nessa quinta-feira, (02/02), pelo Ministério da Saúde mostra que em 2016 o País conviveu com epidemias simultâneas: dengue, chikungunya e zika. Ao todo, foram 2,175 milhões de casos de infecções, com 846 mortes. Chama à atenção o expressivo número de óbitos provocados por chikungunya.

Durante 2016, 196 pessoas morreram em razão da infecção, 14 vezes mais do que o registrado em 2015, com 14 óbitos Quando o vírus foi confirmado no País, autoridades sanitárias afirmavam que a doença trazia pouco risco de morte. A zika, outra doença também que era tida como “prima fraca” da dengue, provocou 8 mortes.

O boletim indica que a epidemia de dengue ocorreu em todas as regiões do País. Os Estados mais castigados foram Minas (com 2.531 casos a cada 100 mil habitantes), Goiás (com 1.845 casos a cada 100 mil habitantes), Mato Grosso do Sul (com 1.684 casos a cada 100 mil habitantes) e Rio Grande do Norte (com 1.670 casos a cada 100 mil habitantes).

A chikungunya afetou sobretudo o Nordeste. Sete de nove Estados apresentaram níveis considerados muito altos, com incidência superior a 300 casos por cada 100 mil habitantes. No Sudeste, a maior incidência ocorreu no Rio, com 108 casos a cada 100 mil habitantes. Os casos de zika foram em menor número: 215.319. A maior incidência foi no Mato Grosso (671 casos por 100 mil), Rio de Janeiro (414 casos por 100 mil) e Bahia (340 por 100 mil). (Editado por Tribuna do recôncavo | Fonte: A Tarde)

Michel Temer publica nomeação de Imbassahy como ministro

Michel Temer publica nomeação de Imbassahy como ministro - brasil

O presidente Michel Temer (PMDB) publicou a nomeação de Antônio Imbassahy (PSDB-BA) a ministro da Secretaria de Governo e de Luislinda Valois como ministra dos Direitos Humanos, no Diário Oficial da União desta sexta-feira (3), como havia prometido.

Foi criada também, a Secretaria Geral da Presidência, que terá status de ministério. O atual secretário-executivo do Programa de Parceria para Investimentos (PPI), Wellington Moreira Franco (PMDB-RJ), será o titular da pasta, que abrangerá as secretarias de Comunicação Social, de Administração e o cerimonial da Presidência. Com o anúncio das duas novas secretarias, o governo passa a ter 28 pastas. (Bahia.ba)

Rodrigo Maia é reeleito presidente da Câmara dos Deputados

Rodrigo Maia é reeleito presidente da Câmara dos Deputados - brasil

Com um total de 293 votos, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) permanece na presidência da Câmara Federal, após eleição nesta quinta-feira (2). Disputavam o posto os parlamentares Jovair Arantes (PTB-GO), que teve 105 votos, André Figueiredo (PDT-CE), que levou 59, Júlio Delgado (PSB-MG), com 28, Luíza Erundina (PSOL-SP), com 10, e Jair Bolsonaro (PP-RJ), que recebeu apenas quatro. Houve ainda cinco brancos.

O democrata foi eleito para um mandato temporário em julho do ano passado, quando sucedeu Eduardo Cunha (PMDB-RJ), fator que motivou uma ação de André Figueiredo ao Supremo Tribunal Federa (STF) para tentar barra a candidatura – a solicitação, no entanto, foi rejeitada.

O congressista foi o primeiro presidente do DEM, criado em 2007 – ele está no seu quinto mandato como deputado federal. Em pré-delação ao Ministério Público Federal , o ex-diretor da Odebrecht Cláudio Melo Filho disse que Maia era o ponto de interlocução dentro da Câmara na defesa dos interesses da empresa e acusou o parlamentar de receber um pagamento de R$ 500 mil em 2010. Postulante à 1ª vice-presidência, o baiano Lúcio Vieira Lima (PMDB) ficou em terceiro lugar e não conseguiu chegar ao segundo turno. (Bahia.ba)

Em nota, Moro destaca ‘atuação independente’ de Fachin

Em nota, Moro destaca ‘atuação independente’ de Fachin - brasil

O juiz federal Sérgio Moro divulgou nota nesta quinta-feira (2), elogiando o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Edson Fachin, novo relator das investigações da Lava Jato na Corte.

“Tomo a liberdade, diante do contexto e com humildade, de expressar que o ministro Edson Fachin é um jurista de elevada qualidade e, como magistrado, tem se destacado por sua atuação eficiente e independente”, assinalou o juiz da Lava Jato em Curitiba.

Fachin foi escolhido por sorteio para assumir das dezenas de inquéritos e ações penais da Lava Jato que estavam no gabinete do ministro Teori Zavascki, morto no dia 19 em um acidente aéreo em Paraty (RJ).

Na quarta-feira (1º), ele trocou da Primeira para a Segunda Turma da Corte, que é responsável pela Lava Jato, após solicitar a mudança à presidente do ST, Cármen Lúcia. (Estadão Conteúdo)

Baiana, Luislinda Valois assume Ministério dos Direitos Humanos

Baiana, Luislinda Valois assume Ministério dos Direitos Humanos - brasil

A baiana Luislinda Valois será a nova ministra dos Direitos Humanos, pasta criada pelo presidente Michel Temer (PMDB) e anunciada nesta quinta-feira (2).

Primeira juíza negra do Brasil, a magistrada tornou-se, às vésperas do recesso do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), desembargadora titular por antiguidade após oito anos de luta. Filiada ao PSDB, foi candidata a deputada federal em 2014 e era secretária de Promoção da Igualdade Racial do Ministério da Justiça.

A Secretaria de Direitos Humanos já existia com status de ministério.  Em maio do ano passado, quando Michel Temer assumiu como presidente em exercício,  transferiu as responsabilidades da pasta para o Ministério da Justiça que, na ocasião, passou a ser Ministério da Justiça e Cidadania.  (Bahia.ba)

Correios vão reduzir número de agências

Correios vão reduzir número de agências - brasil

Com quatro anos seguidos de prejuízo, os Correios estudam fechar agências próprias em grandes centros urbanos de todos os Estados brasileiros. A fusão de agências faz parte de um plano de economia que está sendo implementado pela direção para tentar reverter a crise que a Empresa Brasileira dos Correios e Telégrafos (ECT) enfrenta, mais de dez anos após ser o palco inaugural do escândalo do mensalão.

O número ainda não está fechado, mas a estatal – que registrou em 2016 prejuízo em torno de R$ 2 bilhões, patamar semelhante ao de 2015 – vai fundir agências consideradas “superpostas”, ou seja, muito próximas. Um exemplo: na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, em um raio de 10 km, existem 20 agências próprias da empresa, uma a menos de um km da outra.

Atualmente, os Correios contam com 6.511 agências próprias. Responsável pela condução do estudo de fusão das agências, o vice-presidente da rede de agência e varejo, Cristiano Morbach, adianta que o “número vai cair bastante”. A estratégia da empresa será ampliar a rede de agências franqueadas, pouco mais de mil hoje. Campos ainda planeja criar a figura de microempreendedor postal, uma pequena empresa que assumiria os serviços postais em localidades menores. (Estadão Conteúdo) (mais…)

Febre amarela: Governo de Minas Gerais confirma 51 mortes

Febre amarela: Governo de Minas Gerais confirma 51 mortes - saude, brasil

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) confirmou 51 mortes por febre amarela nesta quinta-feira (02/02). Outros 77 óbitos ainda são investigados, de acordo com o órgão. Em relação ao boletim desta quarta-feira (01/02), foram mais três mortes confirmadas e mais uma notificada, totalizando 128 ocorrências de óbitos. Os casos confirmados de febre amarela em Minas subiram para 138, de acordo com a Secretaria. Ainda estão sob investigação, 602 casos da doença relacionados ao estado.

Este é o pior surto de febre amarela já registrado em Minas Gerais. Na semana passada, o subsecretário de Vigilância e Proteção à Saúde de Minas Gerais, Rodrigo Said, disse que a SES espera que os números de novos casos e mortes de febre amarela comecem a reduzir. Conforme a SES, a maioria dos casos suspeitos tiveram os sintomas entre os dias 08 e de janeiro de 2017, inclusive os novos números desta semana.

Ainda segundo a Secretaria, os casos confirmados já passaram por exame laboratorial detectável para febre amarela; exame laboratorial não detectável para dengue; histórico vacinal (não vacinado/vacinação ignorada); sinais e sintomas compatíveis com a definição de caso; e exames complementares que caracterizam disfunção renal/hepática.

As mortes confirmadas pela SES estão relacionadas às cidades dos vales do Rio Doce e do Mucuri. Duas mortes relacionadas à Delfinópolis, no Sul de Minas, também foram confirmadas. Outra morte tem relação com a cidade de Januária, no Norte do estado. A SES ainda investiga o local de contágio. A vítima morreu em Brasília, conforme a secretaria. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: G1)

Filme sobre a Operação Lava-Jato terá gravações suspensas

Filme sobre a Operação Lava-Jato terá gravações suspensas - politica, lava-jato, cinema, brasil

As gravações do filme Polícia Federal – A Lei é para Todos foram canceladas. O longa, inspirado nos bastidores da Operação Lava Jato, teria uma nova fase de captação de imagens a partir dessa semana, mas após a prisão de Eike Batista os planos foram abortados.

Isso porque, segundo a coluna de Leo Dias, do jornal O Dia, o empresário era um dos investidores do projeto que reúne atores como Marcelo Serrado, Antonio Calloni e Flavia Alessandra.

Eike Batista atualmente está preso em Bangu 9 por conta da Operação Eficiência, que é do que um desdobramento da Lava Jato. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: R7)

Edson Fachin é novo relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal

Edson Fachin é novo relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal - politica, lava-jato, justica, brasilBrasília - Ministro Edson Fachin em sessão plenária do STF para definir a fixação da tese de repercussão geral nas ações que tratam da desaposentação (José Cruz/Agência Brasil)

O Supremo Tribunal Federal (STF) definiu por sorteio eletrônico, realizado na manhã desta quinta-feira (02/02), que o ministro Edson Fachin vai ser o novo relator da Operação Lava Jato na Corte. A vaga ficou aberta após a morte do ministro Teori Zavascki, o antigo relator, no dia 19 de janeiro.

O sorteio foi realizado entre os ministros da Segunda Turma, que é a encarregada de análise dos inquéritos e recursos ligados ao esquema de corrupção que atuou na Petrobrás. Além do novo relator, a Segunda Turma é composta pelos ministros Celso de Mello, Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski.

A transferência de Fachin, da Primeira para a Segunda Turma da Corte foi publicada, no Diário de Justiça desta quinta-feira (02/02). Esse era o último procedimento formal que poderia causar atraso na redistribuição dos processos da Operação Lava Jato no Supremo. A mudança de Fachin foi autorizada pela presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, depois que os outros quatro ministros mais antigos da Primeira Turma abriram mão da transferência. De acordo com o Regimento Interno, eles teriam preferência caso quisessem mudar de turma, já que Fachin é o ministro mais recente a ter ingressado no Supremo.

Ao menos 364 pessoas são investigadas no Supremo no âmbito da Operação Lava Jato, segundo o balanço mais recente divulgado pelo Ministério Público Federal (MPF), muitas delas políticos no exercício do mandato parlamentar. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Bahia.ba)

Morre aos 66 anos ex-primeira dama, e Lula autoriza doação de órgãos

Morre aos 66 anos ex-primeira dama, e Lula autoriza doação de órgãos - brasil

Depois do anúncio da piora do quadro clínico de Marisa Letícia,  de 66 anos, feito pelo cardiologista Roberto Kalil Filho na noite desta quarta-feira (1º), ela não resistiu e faleceu nesta quinta-feira (2). A informação foi confirmada pelo marido dela, o ex-presidente Lula pelo Facebook, onde ele agradecia às mensagens de apoio. Ainda na madrugada, o jornalista Severino Motta informou através do Twitter que o ex-presidente já havia comunicado aos familiares e amigos mais próximos sobre a morte da esposa.

A ex-primeira-dama respirava apenas com ajuda de aparelhos, de acordo com o médico, e pelo último anúncio o quadro era de morte cerebral. Ela estava na UTI do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o último dia 24, depois de sofrer um AVC causado pelo rompimento de um aneurisma que fora identificado há dez anos atrás. O sangramento no cérebro foi controlado mas ela não resistiu.

Desde que começou a receber o tratamento para conter o AVC, Marisa esteve em coma induzido na UTI. Na segunda-feira, dia 30 de janeiro, foi detectada, em um ultrassom, a presença de trombose venosa profunda dos membros inferiores em Marisa. Os médicos realizaram a passagem de um filtro de veia cava inferior com o objetivo de prevenir a ocorrência de embolia. A equipe médica já autorizou a doação de órgãos. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: ma10)

Redução do preço da gasolina não chega nos postos, aponta ANP

Redução do preço da gasolina não chega nos postos, aponta ANP - economia, brasil

O preço da gasolina nos postos de gasolina subiu nesta semana, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira (03/02) pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o que aponta que a redução dos preços cobrados pela Petrobras nas refinarias ainda não chegou ao consumidor.

Segundo a pesquisa, o valor médio do litro da gasolina no país subiu de R$ 3,765 na semana passada para R$ 3,766 nesta semana. Na última pesquisa divulgada antes do reajuste anunciado pela Petrobras, o preço médio estava em R$ 3,774 – maior valor desde o início da nova política de preços da estatal, anunciada em outubro. Em duas semanas o recuo foi de apenas 0,22%.

Na última sexta-feira (27/01), os preços da gasolina e do diesel cobrados pela Petrobras nas refinarias foram reduzidos, respectivamente em 1,4% e 5,1%. Pelos cálculos da estatal, se o reajuste for integralmente repassado ao consumidor, o preço da gasolina nas bombas cairá em 0,4%, ou R$ 0,02 por litro. Já o valor do diesel diminuirá 2,6%, ou R$ 0,08 por litro. (Editado por Tribuna do Recôncavo | G1)

Eunício Oliveira é eleito presidente do Senado

Eunício Oliveira é eleito presidente do Senado - politica, brasil

Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi eleito, nesta quarta-feira, para a presidência do Senado durante o biênio 2017-2018. O peemedebista recebeu 61 votos contra 10 de José Medeiros (PSD-MT), o único adversário. Dez senadores votaram em branco. A votação foi realizada em uma urna eletrônica.

Eunício substitui Renan Calheiros no comando do Congresso, e Renan assume a liderança do PMDB na Casa. A vitória confirma a manutenção da dinastia do PMDB no comando da Casa.

O império se mantém por décadas: desde a promulgação da Constituição, o PMDB ganhou 14 das 16 eleições ocorridas. Apenas o senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) conseguiu interromper por duas gestões a unanimidade do PMDB. (O Globo)

Nota de esclarecimento da Capebi Agroindustrial e a Granja Sossego sobre trabalho escravo

Nota de esclarecimento da Capebi Agroindustrial e a Granja Sossego sobre trabalho escravo - brasil

A Capebi Agroindustrial e a Granja Sossego esclarecem que jamais submeteram seus trabalhadores à condição análoga à de escravo e que todas as exigências solicitadas pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) no primeiro Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), ocorrido em 2011, foram acatadas até o ano de 2015. Entre as melhorias implantadas estão a reforma e construção de mais quatro novos banheiros, reforma do refeitório e dos pontos de apoio, além de contratação de consultoria mensal na área de saúde e segurança do trabalhador.

Atualmente a Granja Sucesso, localizada na cidade de Entre Rios, a 140 km de Salvador, emprega diretamente 250 profissionais, todos com carteira assinada e os benefícios garantidos por lei. A empresa não possui nenhum débito trabalhista e fomenta toda uma cadeia produtiva na região, gerando também centenas de empregos indiretos.Informamos ainda que na visita da Força Tarefa em novembro de 2015, os trabalhadores encontrados retirando esterco não eram funcionários da Granja Sossego.

O produto era vendido para outros empresários que ficavam responsáveis pela retirada do material com a sua própria equipe. Atualmente, a Granja Sossego contratou uma equipe própria, composta por oito empregados devidamente registrados e com todos os EPI’s – Equipamentos de Proteção Individual para desenvolvimento do trabalho de forma segura. A Capebi Agroindustrial e a Granja Sossego esclarecem, ainda, que os autos de infração ainda não foram julgados e até o momento não receberam nenhuma nova intimação do judiciário sobre esta ação. (ASCOM)

MATÉRIA RELACIONADA: Ações flagraram 70 pessoas em trabalho escravo na Bahia em 2016

Voltar à página inicial