Um homem que negociava vendas de terrenos que não eram da sua posse se dizendo dono deles foi preso nesta terça-feira na cidade de Prado, no sul da Bahia. O suspeito de estelionato recebia o dinheiro da venda dos lotes urbanos e quando os clientes chegavam no imóvel, descobriam a mentira.

De acordo com a Polícia Civil, o homem de 23 anos se passava por dono de terrenos e negociava a venda, recebendo o valor de sinal. Quando o comprador procurava o imóvel, descobria que o dono verdadeiro não tinha ideia da transação e que o terreno, na verdade, não estava em venda.

Ainda segundo a PC, as vítimas foram ouvidas pela Delegacia de Prado, que também coletou provas das atividades ilícitas e pediu a prisão preventiva do suspeito. Além das acusações de estelionato, o preso também é investigado por violência doméstica contra a mulher, afirmou a polícia.

Metro1