Prestes a ser diplomado como próximo governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT) garantiu que a estrutura de sua gestão será anunciada até a próxima terça-feira (20) e indicou que a lista de secretários está “90% fechada”.

Nos bastidores, ainda há a expectativa para que Jerônimo anuncie os nomes dos secretários entre esta sexta (16) e segunda-feira (19). Uma reunião no último sábado (10) com o conselho político, formado por líderes dos partidos que vão compor a base aliada do futuro governo, foi um dos últimos passos antes de Jerônimo abrir para que as legendas indiquem nomes para as funções que devem ser reservadas para que as cotas políticas sejam preenchidas. No campo das especulações, diversas figuras vêm sendo citadas, porém o governador eleito guarda para si as definições.

Integram o núcleo de apoio a Jerônimo os dois integrantes da federação com o PT, PCdoB e PV, além de PSB, PSD, Avante e MDB. No segundo turno, partes do PSC, de Heber Santana, e do Cidadania, de Joceval Rodrigues, também foram incorporados. Todavia, a eventual fusão entre PSC e Podemos pode alterar essa formatação, já que a segunda legenda mantém distanciamento do PT no plano federal.

Bahia Noticias