As regiões ucranianas de Donetsk e Luhansk iniciam, nesta sexta-feira, dia 23, consultas populares sobre a anexação das áreas à Rússia. Moradores das áreas ocupadas por forças russas e suas milícias aliadas terão até a próxima terça-feira, dia 27, votar no referendo.

Os referendos ocorrem após uma contra ofensiva ucraniana no campo de batalha que levou a Rússia a perder territórios no nordeste da Ucrânia. O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, declarou que essa é uma oportunidade para o povo decidir seu destino.

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, assegurou que os referendos não terão efeito sobre a ação que tem sido feita para expulsar os soldados russos. Ele prometeu ainda “liquidar” a “ameaça russa”.

Metro1