O Papa Franscisco defende uma reforma da Organização das Nações Unidas (ONU), que, para ele, “demostrou seus limites” diante da pandemia e da guerra na Ucrânia.

As declarações estão em um novo livro segundo trechos de um novo livro do pontífice, publicados pelo jornal italiano La Stampa neste domingo, dia 16.

Intitulado “Peço-vos em nome de Deus. Dez orações para um futuro de esperança”, o livro será publicado na próxima terça-feira, dia 18, na Itália.

Metro1