Leilões do pré-sal podem gerar mais de 500 mil empregos

Foto: Stéferson Faria/ Ag. Petrobras

Investimentos, arrecadação de impostos e royalties, além de crescimento econômico, são parte dos efeitos esperados após a realização próximo leilão para de petróleo na camada pré-sal. Com a expectativa de R$ 100 bilhões serem aplicados nas novas áreas de exploração, haverá outra consequência positiva no dia a dia das pessoas: a geração de empregos. Com a retomada da cadeia de produção de petróleo a partir de novos leilões, a Abespetro, entidade que representa empresas de serviço do petróleo, estima a criação de 500 mil empregos diretos e indiretos.

Eles virão nas mais diversas áreas, da indústria naval ao comércio, passando por transportes, turismo e educação. “O efeito [na cadeia de produção] é sempre muito diversificado”, explica o analista Walter de Vitto, da Tendências Consultoria. “Você tem sempre o metalúrgico, produtores de aço para construção de navios e plataformas”, citou ele, ao exemplificar áreas com alto potencial para geração de postos de trabalho. Em uma área que registrava 836 mil empregos em 2013, a estimativa da Abespetro simboliza uma retomada ao patamar alcançado anteriormente.

Especialista da Ativa Investimentos, Phillip Soares aponta que o impacto da exploração de petróleo na economia possui um efeito cascata, em especial nas localizações onde essa atividade é desenvolvida. “Em termos de atividade, [a exploração] tem um efeito cascata”, afirmou. Ele cita como exemplo o setor imobiliário em Macaé, no Rio de Janeiro, que se beneficiava com o interesse das empresas, em particular a Petrobras, no setor de consumo na região, já que, com emprego, as pessoas passam a comprar mais.

Regras claras (mais…)

Auxílio-desemprego nos Estados Unidos atinge menor nível em 44 anos

Foto: Dan Scavino Jr/ Fotos Publicas

O número de pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos recuou 22 mil na última semana e atingiu o total de 222 mil, menor indíce desde 31 de março de 1973, informou, nesta quinta-feira (19), o Departamento do Trabalho norte-americano. De acordo com os dados, a queda foi provocada pela falta de energia em Porto Rico e nas Ilhas Virgens causada pela passagem dos furacões Irma e Maria.

Muitos trabalhadores que precisavam fazer o pedido tiveram que realizar a solicitação por meio de fichas de papel. Mesmo com a interrupção do servidores, no mês passado, o número de pedidos de auxílio-desemprego subiu nos dois territórios. Já na Califórnia, nas próximas semanas, a quantidade de solicitações também pode aumentar devido a série de incêndios que atingiram a região.

De qualquer maneira, o indíce norte-americano segue perto das mínimas históricas, o que representa um mercado sólido e saudável.    Por sua vez, o desemprego dos Estados Unidos recuou a 4,2% em setembro, taxa mais baixa desde o início de 2001. (ANSA)

TCU aponta prejuízo de R$ 304 milhões em operação entre BNDES e JBS

Foto: Divulgação/ JBS

O Tribunal de Contas da União (TCU) apontou nesta quarta-feira (18), que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) sofreu prejuízo de pelo menos R$ 304 milhões ao financiar uma operação de compra de frigoríficos nos EUA pela JBS, em 2008.

Na lista da Corte estão 18 pessoas suspeitas de participação na operação, entre elas o empresário Joesley Batista, um dos donos da J&F, controladora da JBS; o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega; e o ex-presidente do BNDES Luciano Coutinho.

Mantega, Coutinho e Joesley e os outros citados têm 90 dias para apresentarem defesa ou recolherem o valor do prejuízo aos cofres do BNDES. (Bahia.Ba)

Encontro de Economia Baiana começa nesta quinta-feira em Salvador

Foto: Max Haack/ Agecom

O 13º Encontro de Economia Baiana, que anualmente reúne em Salvador pesquisadores acadêmicos, economistas e estudantes, será iniciado nesta quinta-feira (19), na Casa do Comércio, em Salvador, com apoio do Governo do Estado, por meio das secretarias da Fazenda (Sefaz), Planejamento (Seplan) e Infraestrutura (Seinfra). Com o tema ‘Economia Baiana: panorama atual e tendências’, o evento terá a presença do vice-governador e secretário estadual do Planejamento, João Leão, e do professor Fernando Ferrari Filho, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), que fará conferência sobre o tema ‘Cenários e Perspectivas da Economia Brasileira’.

O encontro prossegue até sexta (20), com a instalação de 12 mesas de debates. Às 14h, será debatido o tema ‘A Situação Econômica Atual da Bahia: Tendências e Alternativas de Investimento’, com participação de técnicos da Luis Mário Ribeiro Vieira (SEI), Arthur Souza Cruz (SEI) da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), e Paulo Roberto Britto Guimarães, da Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Estado (SDE). Na palestra de encerramento, às 15h, o professor Márcio Guedes Pereira Júnior, da PangeaPartners, abordará o ‘Mercado de Capitais e o Financiamento de Projetos de Infraestrutura’.

Realizam o evento  a Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), vinculada à Seplan, Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia) e Programa de Pós-Graduação em Economia da Universidade Federal da Bahia (Ufba), com o patrocínio da Companhia de Gás da Bahia (Bahiagás), Federação do Comércio do Estado da Bahia (Fecomércio) e Conselho Regional de Economia (Corecon). Em 13 anos, mais de dez mil pessoas passaram pelas edições anuais do evento, com apresentação de cerca de 400 trabalhos acadêmicos nas áreas de economia baiana, economia regional e financiamento do desenvolvimento. (Ascom/Agência de Fomento do Estado da Bahia)

Petrobras anuncia alta de 0,80% na gasolina e queda de 0,20% no diesel

Foto: Marcos Santos / USP Imagens / Fotos Públicas

Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com aumento de 0,80% no preço da gasolina nas refinarias e queda de 0,20% no preço do diesel. Os novos valores valem a partir deste sábado, dia 14.

A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente. Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais. (Noticias ao Minuto)

Ocupação hoteleira em zonas turísticas da Bahia chega a 90%

Foto: Rosilda Cruz/ Ascom

A ocupação da rede hoteleira nas zonas turísticas da Bahia alcança a média de 90% neste feriadão de 12 de outubro. A possibilidade de folga estendida favorece a movimentação de visitantes que se anteciparam efetuando reservas em hotéis e pousadas, tanto na região litorânea quanto na Chapada Diamantina. Eventos programados para esta data intensificam a movimentação turística, como em Mucugê, onde haverá o I Festival de Forró da Chapada Diamantina, com expectativa de atrair público de 12 mil pessoas, entre quinta-feira (12), e sábado (14).

Com apoio do Governo do Estado, o evento homenageia o rsanfoneiro Targino Gondim, que estará presente todos os dias. Os cerca de 1.000 leitos oferecidos pelas 20 pousadas da região estão todos reservados. Muitas casas foram alugadas, e as cidades vizinhas (Andaraí, Ibicoara e Igatu) também estão com ocupação total. Segundo o recepcionista Vitor Mendonça, da Pousada Mucugê, o movimento está intenso, tendo as reservas sido feitas com antecedência. De acordo com o secretário municipal de Turismo, Cultura e Meio Ambiente, Euvaldo Ribeiro, a cidade está sendo preparada para bem atender aos turistas.

O maior público esperado é o de Salvador, mas as reservas incluem pessoas que moram em Vitória da Conquista, Feira de Santana e Juazeiro, dentre outras. O mesmo movimento entusiasma o proprietário da Pousada Bons Lençóis, Romarco Cavalcante, que obteve reservas de 100% dos 19 quartos do estabelecimento, situado na cidade de Lençóis. “A procura por hospedagem tem sido boa”, afirmou. Na Pousada Casa da Geleia, o gerente também comemora a ocupação plena.

Litoral  (mais…)

Polícia Federal deflagra segunda operação que apura fraudes contra a Caixa

Foto: José Cruz/ Agência Brasil

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (11), a segunda fase da Operação Duas Caras, que apura fraudes contra a Caixa Econômica Federal. Ao todo, 25 policiais foram escalados para cumprir nove mandados judiciais: quatro de busca e apreensão, um de prisão preventiva, dois de prisão temporária e dois de condução coercitiva nas cidades paranaenses de Curitiba, São José dos Pinhais e Colombo.

Em nota, a PF informou que trata-se de um grupo especializado na prática de “diversos crimes” contra a Caixa”. Após analisar materiais apreendidos na primeira fase da operação, os policiais identificaram novos fatos e novos suspeitos e, para dar sequência às investigações, fizeram representações junto à Justiça Federal.

Segundo a polícia, a operação investiga saques em contas poupança de clientes com grandes saldos e que não apresentavam histórico de retiradas. Os criminosos contavam com a ajuda de um funcionário do banco que identificava e repassava a eles os dados desses clientes. O dinheiro era retirado dessas contas até que elas ficassem zeradas ou até que fossem descobertos. (Noticias ao Minuto)

Nobel de Economia premia Richard Thaler por estudos sobre fatores comportamentais

Foto: Divulgação

O Nobel de Economia premiou nesta segunda-feira (09) o norte-americano Richard H. Thaler, 72 anos, “por sua contribuição para a economia comportamental”. O trabalho do economista engloba a influência de fatores como racionalidade limitada, preferências sociais e falta de autocontrole para demonstrar como traços humanos afetam, sistematicamente, tanto as decisões individuais como a demanda de mercado

A avaliação é de que os estudos de Thaler tenham criado uma ponte entre a economia e as análises psicológicas da tomada de decisão individual. Suas descobertas empíricas e “insights” teóricos criaram um instrumental para o desenvolvimento do campo da economia comportamental, com profundos impactos em pesquisas e políticas econômicas. (Bahia Noticias)

Mercedes-Benz anuncia investimentos de R$ 2,4 bilhões no Brasil

Foto: Divulgação

A Mercedes-Benz anunciou nesta segunda-feira (9) um investimento de R$ 2,4 bilhões no Brasil para o período entre 2018 2022. Os recursos serão direcionados à modernização das fábricas de caminhões e chassis de ônibus da montadora em São Bernardo do Campo (SP) e Juiz de Fora (MG). Parte dos investimentos também vão contemplar inovações nas linhas de caminhões e ônibus, segundo Philipp Schiemer, presidente da companhia no Brasil e na América Latina.

“Temos que ser competitivos a nível mundial e felizmente conseguimos a aprovação desse investimento”, disse o executivo na ocasião do anúncio. A fonte de financiamento ainda não está definida. Segundo Schiemer, ainda há fragilidades, mas já é possível prever melhoria do cenário econômico no país.

“O câmbio se mostrou estável neste ano, apesar das turbulências políticas. Tudo isso dá confiança ao empresário. Com inflação estável, juros caindo e dólar mais ou menos estável, o empresário consegue se programar. Isso nos deixa mais animados”, diz o presidente da empresa. A Mercedes estima que as vendas de caminhões devem crescer aproximadamente 20% no mercado brasileiro em 2018.

INVESTIMENTO (mais…)

Nestlé deve ter mais prazo para vender marcas

Foto: Divulgação / viacarreira.com

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) dará mais prazo para a Nestlé vender um pacote de marcas que incluem os chocolates Serenata de Amor, Chokito, Lollo e Sensação. A exigência faz parte do acordo firmado com o conselho no ano passado para aprovar a fusão com a Garoto, que, 15 anos depois, ainda está sob discussão judicial.

A Nestlé terá que repassar um pacote com mais de dez marcas – a lista completa está sob sigilo -, além de receitas e segredos da produção, para garantir que a mesma qualidade seja mantida pelo novo fabricante. O prazo para a venda vai até o fim deste mês, mas o conselho deverá adiar a data para o primeiro semestre de 2018. Isso será feito a pedido da empresa, que requisitou ao Cade mais tempo para a negociação para a venda dos ativos. O entendimento do Cade é que, se a venda não for efetivada, a fusão da Nestlé com a Garoto terá de ser desfeita.

Como foi divulgado em setembro, a Nestlé não poderá repassar as marcas para uma concorrente de grande porte, o que exclui das negociações Lacta (do grupo Mondelez), hoje vice-líder de mercado, atrás da Nestlé. A tendência é que os ativos sejam comprados por concorrentes menores, como Arcor e Hershey’s. O acordo prevê que o nome do comprador terá de ser apresentado ao Cade e aprovado antes da operação. Procurada, a Nestlé não quis comentar o assunto. (Informações: Estadão Conteúdo)

Festa literária potencializa turismo em Cachoeira

Foto: Ascom/ Setur

A Secretaria do Turismo da Bahia (Setur) participa da 7ª edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica), com estande onde são feitas exibições de vídeos institucionais das zonas turísticas e do Recôncavo Baiano, numa parceria com a prefeitura local. O remapeamento – que este ano elevou de 117 para 150 os municípios turísticos da Bahia – é um dos destaques.

Os vídeos apresentam a diversidade de atrativos e a importância da atividade turística. Os técnicos da Setur mostram ao visitante que a Bahia oferece sol, praia e muito mais, como um rico patrimônio arquitetônico e cultura preservada pela arte, música e dança.

Nesta quinta-feira (05), o secretário do Turismo, José Alves, o subsecretário Benedito Braga e a secretária de Cultura, Arany Santana, percorreram estandes da festa literária. José Alves enfatizou a integração natural entre cultura e turismo. “Quem viaja quer conhecer a cultura local e o modo de ser do povo. Eventos como a Flica potencializam o turismo e a economia. Pousadas e hotéis registram ocupação de 100%”, resumiu o secretário. (Ascom)

Selic fechará o ano em menos de 7%, promete Temer

Foto: Beto Barata/PR

O presidente da República, Michel Temer (PMDB), prometeu nesta quinta-feira (05), que a taxa básica de juros, a Selic, fechará o ano abaixo dos 7%. De acordo com o Estadão, o peemedebista repetiu o discurso da retomada do crescimento.

Temer visitou a capital paraense para assinatura de um protocolo de intenções firmado pelos ministros do Planejamento, Dyogo Oliveira, e da Defesa, Raul Jungmann, com o arcebispo metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, para destinar à Arquidiocese de Belém um terreno de 10,8 mil metros quadrados, no bairro de Nazaré.

Segundo o presidente, a área fará uma religação dos romeiros com a espiritualidade do Cirio de Nazaré. (Bahia.Ba) (mais…)

Gerência confirma reabertura da agencia do Banco do Brasil de Sapeaçu

Foto: Sapeaçu na Mídia

Após o arrombamento na agência do Banco do Brasil de Sapeaçu, ocorrido no final de julho do ano em curso, os moradores da terra da laranja têm sofrido com o fechamento da agência, já que a mesma é a única da cidade.

Na manhã desta quarta-feira (04), em contato com o repórter Felipe Pereira, da Cultura FM, Pablo, gerente da agência bancária, informou que as superintendências de Feira de Santana e Salvador já deram o aval pela reabertura da agência, faltando somente a de Brasília.

Segundo Pablo, a terceira superintendência deverá aprovar a reabertura nos próximos dias. O mesmo assegurou que na próxima semana o Banco do Brasil de Sapeaçu já deverá estar funcionando normalmente. (Uanderson Alves/Tribuna do Recôncavo)

Juros no Brasil são ‘pornografia econômica’, diz presidente do BNDES

Foto: André Telles/ BNDES

O presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, criticou duramente, na manhã desta quarta-feira (04), os juros altos no Brasil e classificou como “pornografia econômica”.

“Queremos mais moralidade no Brasil? Comecemos pelos juros”, disse, ao ressaltar que “país de juro alto não tem direito a futuro”, em seminário na Câmara Árabe-Brasileira.

Segundo Rabello de Castro, a participação do BNDES na economia brasileira tem caído, mas “a única coisa que não cai é o juro real”. (Bahia.Ba)

Poupança da Caixa tem captação líquida de R$ 1 bilhão em setembro

Foto: José Cruz/ Agência Brasil

A poupança da Caixa Econômica Federal registrou captação líquida de R$ 1,07 bilhão em setembro. Isso significa que houve mais depósitos do que saques no período. Segundo a instituição, os dados confirmam a rentabilidade e segurança da aplicação.

“O crescimento dos depósitos nos últimos meses reflete a maior atratividade da poupança em termos de rentabilidade frente a outros investimentos no varejo”, afirma o vice-presidente de Produtos de Varejo do banco, Fábio Lenza.  Na avaliação da Caixa, apesar da mudança da remuneração, que deixou de ser apenas taxa básica de juros, a Selic, a aplicação continuou atrativa em relação a outros investimentos no mercado, como CDB e fundos de investimento.

Pela legislação, quando a taxa Selic for menor ou igual a 8,5% ao ano, a remuneração passa a ser de 70% da taxa básica mais uma taxa de referência do banco. Na última reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom), a taxa Selic foi reduzida de 9,25% para 8,25% ao ano, o que implicou na mudança de rendimento da poupança. (Informações: Portal Brasil)

Desemprego atinge 13,1 milhões de brasileiros

A pesar da melhora recente, o País ainda contava com 13,113 milhões de pessoas em busca de emprego no trimestre encerrado em agosto, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O resultado significa que há mais 1,090 milhão de desempregados em relação a um ano antes, o equivalente a um aumento de 9,1%. Por outro lado, o total de ocupados aumentou 1,0% no período de um ano, o equivalente à criação de 924 mil postos de trabalho.  Como consequência, a taxa de desemprego passou de 11,8% no trimestre encerrado em agosto de 2016 para 12,6% no trimestre até agosto de 2017.

Em agosto, o País tinha 99 mil brasileiros a mais na inatividade, em relação ao patamar de um ano antes. O aumento na população que está fora da força de trabalho foi de 0,2% no trimestre encerrado em agosto ante o mesmo período de 2016.  O nível da ocupação, que mede o porcentual de pessoas ocupadas na população em idade de trabalhar, foi estimado em 54,0% no trimestre até agosto. (Informações: Estadão Conteúdo)

Voltar à página inicial