A relação de selecionados e suplentes pelo Edital Transformando Energia em Cultura 2022, uma das principais iniciativas de fomento à arte e à cultura do país, foi anunciada nesta sexta-feira (21) pelo Instituto Neoenergia. Em parceria com a Neoenergia Coelba, Neoenergia Cosern, Neoenergia Brasília e a Baluarte Cultura, foram definidos os até 47 projetos socioculturais, sendo da Bahia, Distrito Federal e Rio Grande do Norte que receberão aporte financeiro por meio de leis de incentivo estaduais (Câmara Cascudo, LIC-DF e FazCultura).

Na Bahia, a Lei de Incentivo Fazcultura oferecerá recursos a oito projetos socioculturais. Os projetos selecionados como aprovados atuam alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), promovendo a inclusão social de crianças, jovens e mulheres em vulnerabilidade social, assegurando geração de trabalho e renda, bem como a valorização das culturas e tradições locais.

Está lista a ONG Raso da Catarina, que atua no município de Macururé com ações que buscam dirimir e combater a pobreza no semiárido baiano, atráves do fomento à educação, a cultura, a igualdade racial e a igualdade de gênero. Também estão na lista de selecionados: Associação São Jorge Filho da Goméia, Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Auditivos do Estado da Bahia, Tao Produções Culturais Projetos e Consultoria ltda, Oficina das Artes, Sociedade Lítero Musical Minerva Cachoeirana, João Vanderlei de Moraes Júnior e Sol Movimento da Cena Centro de Pesquisa para o Desenvolvimento Cultural.

“É uma honra para nós abraçarmos, mais uma vez, ações socioculturais que impactam tão positivamente a vida das pessoas. O Edital é uma iniciativa grandiosa, que tem como principal objetivo impulsionar o potencial transformador da arte e da cultura para a criação de uma sociedade melhor. Investir nesses projetos fortalece o movimento em prol do alcance dos desafios impostos pela Década da Ação da ONU e afirma o nosso compromisso com o desenvolvimento sustentável”, afirma Renata Chagas, diretora-presidente do Instituto Neoenergia.

Ao todo, o Edital Transformando Energia em Cultura 2022 recebeu 199 inscrições, 27 delas do Distrito Federal, 64 do Rio Grande do Norte e 108 da Bahia. Confira aqui a relação de projetos selecionados e seus suplentes.

ASCOM