O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos recuou 0,9% no segundo trimestre de 2022 na comparação com o mesmo período em 2021, informou o Centro de Análises Econômicas nesta quinta-feira, dia 28. A divulgação contrariou a expectativa do mercado, que projetava um crescimento de 0,5%. O dado é considerado preliminar, e será revisado nos meses de agosto e setembro. O PIB teve queda de 1,5% no primeiro trimestre deste ano.

As revisões costumam ser a norma, e não a exceção, uma vez que o Departamento de Comércio refina repetidamente seus cálculos à medida que novas informações se tornam disponíveis. Cerca de um terço dos números iniciais do PIB dependem de extrapolações estatísticas e suposições na ausência de dados concretos, de acordo com o Federal Reserve de San Francisco. Com o resultado de dois recuos consecutivos, o país entra na chamada recessão técnica.

Entretanto, a declaração oficial desse cenário só é feita nos Estados Unidos pelo Centro de Análises Econômicas, o que ainda não ocorreu. O centro define uma recessão como “um declínio significativo na atividade econômica espalhada por toda a economia, com duração superior a alguns meses, normalmente visível na produção, emprego, renda real, e outros indicadores”.

Bahia.Ba