A Câmara de Vereadores de Cruz das Almas, no Recôncavo baiano, realizou na noite deste sábado (02/02), a Sessão de Abertura dos Trabalhos do ano 2019. A sessão contou com a presença do prefeito Orlando Peixoto, do vice-prefeito Max Passos e do juiz de Renato Pimenta, além de secretários municipais e o povo.

Com a intenção de justificar as ausências, os vereadores de oposição protocolaram um oficio que foi lindo no início da sessão. No trecho, a bancada afirma que a ausência foi um protesto contra o atual prefeito que nos últimos anos não tem “respeitado” o parlamento.

Na oportunidade, Orlandinho deixou a mensagem do Executivo e aproveitou para criticar a bancada de oposição: “Acho uma total falta de respeito a esta Casa a ausência dos vereadores de oposição”, disse. Em seguida, elencou as obras já realizadas e as que estão em andamento na cidade. O prefeito concluiu sua fala prometendo a realização do concurso público ainda no primeiro semestre deste ano.

Na mensagem do presidente da Câmara, Renan de Romualdo, o mesmo reafirmou seu compromisso de muito trabalho e dedicação por Cruz das Almas e seu povo.

O vice-prefeito Max Passos não economizou nas críticas quando o assunto foi à ausência da bancada oposicionista no início dos trabalhos do Legislativo: “Ao longo de minha trajetória política nunca deixei de prestigiar as sessões, por esse motivo tenho que afirmar que é vergonhoso o que está acontecendo diante da ausência da banca de minoria”, alfinetou. A primeira Sessão Ordinária da Câmara acontece na próxima segunda-feira (04), a partir das 19h30.

Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: Forte na Noticia

Cruz das Almas: Com ausência da oposição, Câmara abre trabalhos legislativos - cruz-das-almas

Foto: Reprodução/ Forte na Noticia