Para Dilma, eleição indireta seria um ‘golpe dentro do golpe’

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) disse nesta quinta-feira (22), em Buenos Aires, que, caso o presidente Michel Temer (PMDB) seja afastado do cargo ou renuncie depois de 31 de dezembro e isso cause a necessidade de uma eleição indireta, via Congresso, haveria “um golpe dentro do golpe”. E acrescentou: “Com o golpe de 1964 ocorreu algo parecido, ele só se concretizou mesmo em 13 de dezembro de 1968 [data do Ato Institucional-5, que endureceu o regime]. Também agora estamos vendo um longo processo de golpes, que começaram com a minha saída por meio de um impeachment fraudulento.”

A ex-mandatária classificou o processo que vive o Brasil como um “ataque de fungos e parasitas que está corroendo nossa democracia.”

Dilma participou de um evento organizado pela CLACSO (Conselho Latino-americano de Ciências Sociais), muito concorrido por um público de estudantes, militantes de movimentos sociais e políticos ligados à ex-presidente argentina Cristina Kirchner. Festejada pelos funcionários do governo Kirchner, Dilma retribuiu sempre sorridente.

Ela abraçou efusivamente o ex-ministro de Economia argentino Axel Kicillof e recebeu outras figuras de destaque do universo kirchnerista, como o ex-diretor da Biblioteca Nacional Horacio González, líder do grupo de intelectuais que apoiaram Cristina, a presidente das Avós da Praça de Maio, Estela de Carlotto, e outros representantes de movimentos sociais. (Folhapress) (mais…)

EUA indicam acerto de R$ 50 milhões com ministros petistas

Documentos do Departamento de Justiça dos Estados Unidos indicam o repasse de R$ 50 milhões da Odebrecht, por meio do setor de propina da empresa, para a campanha presidencial de Dilma Rousseff em 2010. O pagamento teria sido feito em troca de um benefício à Braskem, braço petroquímico do grupo em sociedade com a Petrobras.

Os americanos descrevem uma ação da Odebrecht e da Braskem com autoridades do governo, de 2006 a 2009, para garantir um benefício tributário à petroquímica. Para que as negociações avançassem, as empresas receberam um pedido de um ministro de Luiz Inácio Lula da Silva. O jornal O Estado de S. Paulo apurou que a solicitação foi feita por Guido Mantega, então titular da Fazenda.

O departamento americano não menciona os nomes das autoridades e executivos envolvidos nas tratativas, mas descreve o acerto da propina com o primeiro escalão. Primeiro foi feito um apelo a uma autoridade brasileira do governo Lula, identificada como o ex-ministro Antonio Palocci. Mesmo depois de deixar o governo, ele atuava como consultor da Braskem, segundo os investigadores. O apelo, conforme os relatórios americanos, era para que Lula pedisse que tratasse do assunto. (Estadão Conteúdo) (mais…)

Jô Soares renova com a Globo, mas terá ‘ano sabático’

Jô Soares fechou novo contrato de um ano com a Rede Globo. A pedido do apresentador, a emissora carioca lhe deu um ano sabático – período de 12 meses em que alguém com rotina agitada se propõe a desenvolver um projeto pessoal, retirando-se de suas atividades normais. Jô ficou de apresentar um novo projeto para 2018. Ainda não se sabe se ele vai se encaixar na TV aberta ou fechada. Jô terá liberdade para sugerir. (Blog Direto da Fonte, do jornal Estadão) (mais…)

Lula pede mudanças na economia e eleição antecipada

Em mensagem de fim de ano divulgada na tarde desta quinta-feira, 22, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu mudanças na política econômica do governo Michel Temer e cobrou a antecipação das eleições presidenciais de 2018.

“Primeiro nós sabemos que é preciso restabelecer a democracia e só pode fazer o que estou falando um presidente que tenha respaldo popular e respaldo popular chama-se voto na urna. Portanto é preciso antecipar o processo eleitoral. É preciso que o povo volte a eleger um presidente pelo voto direto”, diz Lula no vídeo de aproximadamente três minutos divulgado em sua página no Facebook.

Com um discurso em tom eleitoral, o ex-presidente critica e pede mudanças na política econômica de Michel Temer – cujo responsável, Henrique Meirelles, integrou os governos do petista “O governo não pode só falar em corte. É preciso mudar o tom da música. O país está parado e vai continuar se o governo não mudar a política econômica”, diz Lula que, na sequência, se coloca como alternativa ao dizer que está “falando com conhecimento de causa porque já fiz isso uma vez”. (Estadão Conteúdo) (mais…)

Valeska Reis é destaque em ensaios de escolas de samba do Anhembi

Na noite desta quinta-feira (22), foi dada a largada da temporada aos ensaios técnicos gerais no Sambódromo do Anhembi em São Paulo. Época que as escolas de samba possuem para realizar a simulação oficial de seus desfiles para o próximo carnaval. A abertura não poderia ser diferente e teve estreia com a escola campeã do Carnaval de 2016, Império de Casa Verde, e que por sinal será a única a realizar este tipo de ensaio antes da virada do ano.

O grande destaque da noite, ficou para a modelo e assistente de palco do Programa Hora do Faro, Valeska Reis, que é a Rainha de Bateria da agremiação. A beldade compareceu com o look repaginado utilizando dread nas madeixas e com um micro vestido totalmente cravejado apenas com cristais swarovski, que segundo fontes, o valor do mesmo chegaria ao custo de uma viagem de réveillon para o exterior.

Além de ser um vestido valioso, a morena ainda chamou a atenção pelo fato de nas laterais ele ser transparente e mostrava que ela estava aparentemente sambando sem calcinha e sutiã por baixo, deixando muitos marmanjos de plantão de boca aberta. (Renato Cipriano/ ASCOM) (mais…)

Medida anunciada por Temer para cartões está sendo estruturada, diz BC

O Banco Central afirmou nesta quinta-feira (22), por meio de sua assessoria de imprensa, que a medida anunciada pela manhã pelo presidente Michel Temer, na área de cartões de crédito, está sendo estruturada pela instituição.

“A medida anunciada pelo Exmo. Sr. Presidente Michel Temer está sendo estruturada no âmbito do Banco Central com vistas a proposição, ao Conselho Monetário Nacional, de edição de Resolução de competência daquele Colegiado”, informou o BC.

Na quarta-feira (21), o BC participou de reunião do CMN, mas nenhuma resolução para a área foi tomada. A próxima reunião ordinária do conselho está agendada para 26 de janeiro, mas nada impede que sejam convocadas reuniões extraordinárias antes disso.

O Banco Central também confirmou, por meio da assessoria de imprensa, informações divulgadas nesta quinta, tanto pelo governo, quanto por representantes do setor, de que “a proposta em estudo consiste no estabelecimento de prazo máximo para o financiamento de compras no cartão de crédito por meio do crédito rotativo, possibilitando a migração posterior para modalidade de crédito de menor custo”. (Estadão Conteúdo) (mais…)

TCE-BA devolve ao Estado R$ 40 milhões do orçamento de 2016

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA) oficializou, nesta quinta-feira (22.12) a devolução de R$ 40 milhões do seu orçamento de 2016 ao Governo do Estado. Os recursos foram economizados graças a um intenso programa de austeridade e redução de gastos que vem sendo implementado há alguns anos pela Corte de Contas.

Ao comentar a formalização do repasse pelo presidente do TCE/BA, conselheiro Inaldo da Paixão Santos Araújo, o secretário da Fazenda do Estado, Manoel Vitório, enfatizou o exemplo do Tribunal, que, diante da crise econômica, deu sua contribuição no que se refere à contenção de gastos pelo setor público e pode, assim, restituir ao Executivo parte dos repasses que recebeu ao longo do ano.

Para o presidente do TCE/BA, conseguir chegar ao final do ano devolvendo recursos aos cofres estaduais é motivo de muita satisfação, “não apenas por contribuir para as finanças do Estado, mas especialmente porque, num ano tão difícil para toda a administração, foi possível conter os gastos sem descuidar do cumprimento das metas previstas e manter o Tribunal funcionando sem prejuízo de suas atividades operacionais, com nossos servidores trabalhando com afinco no cumprimento de nossa missão de bem fiscalizar os gastos públicos, acompanhando de perto a ação dos gestores, julgando as contas das gestões, dos convênios e contratos firmados pelos órgãos estaduais”. (Bahia.ba) (mais…)

Pituaçu vai receber jogos do Bahia e shows do Harmonia ‘sem prejuízos’

O Bahia e a Arena Fonte Nova informaram que as partidas do time estão confirmadas nos dias 29 de janeiro; 04, 08 e 19 de fevereiro, em Pituaçu. É que ao optar por realizar os ensaios do Harmonia do Samba no estádio, as produtoras envolvidas no evento, a HS Produções e 2GB Entretenimento, planejaram uma estrutura que não inviabilizasse a realização de jogos no gramado durante o período das festas.

O apoio conjunto da Federação Baiana de Futebol (FBF) e da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), foi decisivo no sentido de garantir que as estruturas para os jogos e os shows fossem adequadas aos dois eventos sem prejuízos aos espectadores. Durante o espetáculo, o gramado de Pituaçu contará com proteção especial. (Bahia.ba) (mais…)

Convenção poderá definir a forma como jornada de 44h será executada

Brasília - O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, participa de audiência pública conjunta das Comissões de Direitos Humanos (CDH) e de Assuntos Sociais (CAS) do Senado. (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, afirmou que não haverá aumento da jornada de trabalho na minirreforma trabalhista anunciada nesta quinta-feira (22) pelo governo federal. Entretanto, a distribuição das horas poderá ser definida por acordo em convenção coletiva de cada categoria. “É a convenção coletiva que vai definir a forma que a jornada de 44 horas semanais será executada desde que seja vantajosa para o trabalhador”, afirmou.

O ministro explicou que o limite da jornada mensal permanece em 220 horas e o limite semanal, em 44 horas. A jornada padrão é de 8 horas diárias com possibilidade de 2 horas extras, mas segundo o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, com as modificações e horas extras, a jornada pode chegar a 48 horas semanais. O limite diário, já estabelecido pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), é de 12 horas.

“Nunca esteve, não está e nunca estará na mesa do governo proposta de aumento da jornada de trabalho”, disse Nogueira, mas o ministro ponderou que algumas categorias, como vigilantes, trabalham em regime diferenciado, com 12 horas e folga de 36 horas. Ele defende que a minirreforma vai oficializar os acordos de convenções coletivas. (Estadão Conteúdo) (mais…)

Em 2017, simplifique seus objetivos

Falta pouco para o ano terminar e já é hora de traçar os objetivos para 2017. Mas, será que dessa vez você irá conseguir torná-los realidade? Por acaso, no último ano, quando escreveu suas metas conseguiu cumpri-las? Não?

Tudo bem. Aproximadamente 92% das pessoas não atingem suas resoluções de fim de ano mesmo.

Agora, se mesmo com essa informação você não se sente melhor e a estatística só faz você pensar o quanto gostaria de ser parte dos 8%, confira algumas dicas para não repetir mais esse erro.

Invista no poder da simplificação – antes de pensar em uma super lista de objetivos ou traçar infinitos planos de ação, aprenda a simplificar. Todo mundo acha que pode fazer muito mais do que realmente consegue entregar. Portanto, simplifique!

Ao invés de uma tradicional e enorme lista de desejos, coloque dois ou no máximo três objetivos para o próximo ano. Escolha apenas os que realmente irão fazer a diferença na sua vida. Você pode pensar, por exemplo, em  “abrir uma franquia”, “ser um melhor pai (ou mãe) para seus filhos” ou “mudar para uma cidade mais tranquila”. Enfim, pense no que quer e escolha.

Depois disso, tente colocar um prazo e definir como você irá medir se foi bem sucedido ou não. Essa atitude é simples, mas poderosa!

Vá para ação – agora, é hora de pensar na execução. Faça decisões difíceis se tornarem mais fáceis dando um pequeno passo de cada vez em direção à realização. Para isso,

  • Limite suas escolhas: se você quer abrir uma franquia, por exemplo, ao invés de analisar a fundo várias opções de negócio, faça um filtro e limite sua análise mais aprofundada a, no máximo, três marcas. Muitas vezes, o excesso de opções paralisa.
  • Limite opiniões alheias: sim, é bom sair da bolha e ouvir pessoas que você confia ou que têm experiência prática naquilo que você está buscando. Mas, ao mesmo tempo, ouvir muitas gente só irá gerar ruído nos seus pensamentos e dificultar a ação. E isso, você não pode deixar acontecer, pois, sem ação uma coisa é certa: você nunca irá alcançar nada. Portanto, ouça até três opiniões alheias.
  • Limite o seu tempo: evite objetivos que você quer cumprir até dezembro. Quanto mais tempo você der a si mesmo, mais tempo levará para executar. Quem já foi líder sabe disso. Se você der um mês para uma pessoa preparar um relatório, provavelmente ela irá te entregar no último dia.

E então, quais são suas expectativas para 2017. Você vai se mexer ou continuará complicando as coisas?

Diego Simioni é administrador de empresas e fundador do FranquiAZ, consultoria especializada no segmento de franquias. (InformaMídia Comunicação)

Jucá: PMDB ‘está mobilizado’ para aprovar medidas do governo Temer

Brasília - O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Romero Jucá durante coletiva de imprensa no Palácio do Planalto (José Cruz/Agência Brasil)

O presidente do PMDB, senador Romero Jucá (PMDB-RR), divulgou nota nesta quinta-feira (22), afirmando apoio do partido às medidas anunciadas pelo governo nos últimos dias. “Medidas essas que facilitam o emprego, modernizam as relações de trabalho e devolvem aos trabalhadores recursos para que possam minorar dificuldades atualmente vividas. Ou seja, decisões com grande alcance social e político”, escreveu.

De acordo com Jucá, o partido está mobilizado para aprovar rapidamente as proposições anunciadas que, segundo ele, “representam melhora na qualidade de vida da população brasileira”.

Nesta semana, o PMDB foi o partido que deu o maior número de votos favoráveis à retirada das contrapartidas ao socorro dos Estados no projeto de renegociação das dívidas com a União votado na Câmara, contrariando interesse do governo. (Estadão Conteúdo) (mais…)

Petrobras vende parte de campos do pré-sal à Total

A Petrobras e a Total assinaram um acordo de US$ 2,2 bilhões, que inclui a venda à petroleira francesa de uma parcela dos campos de Iara e Lapa, no pré-sal da Bacia de Santos, e em duas usinas térmicas, com compartilhamento de infraestrutura do terminal de regaseificação, na Bahia.

Em Iara, a Total vai ficar com 22,5% e, em Lapa, com 35%, segundo informações do Globo. Do valor mencionado no acordo, US$ 1,6 bilhão entra no caixa da estatal brasileira e o resto será o chamado “carrego”, com a Total responsável por fazer o investimento da parte da Petrobras e a petrolífera brasileira pagando posteriormente em óleo.

“São recursos que vão entrar no caixa da empresa de uma maneira ou outra. Com esse negócio, chegamos a US$ 13 bilhões de geração de caixa com desinvestimentos”, declarou o presidente da Petrobras, Pedro Parente. (Bahia.ba) (mais…)

Governo anunciará medida que permitirá saque de contas inativas do FGTS

O governo anunciará na quinta-feira (22), a liberação de saque do FGTS para os trabalhadores que têm conta inativa. A medida tem potencial de liberar R$ 30 bilhões no mercado. O valor a ser autorizado ainda está em discussão. As alternativas sobre a mesa são R$ 1 mil e R$ 1,5 mil. A ideia é liberar recursos das contas inativas. Ou seja, para o trabalhador que mudou de emprego por vontade própria e não foi demitido. Como não houve demissão, esse dinheiro fica preso numa conta e não há nenhuma alternativa para o saque.

“É a pessoa mais prejudicada pela sistemática do FGTS, que fica com o dinheiro mais retido por mais tempo”, explicou uma fonte do governo. “O diferencial de juros que ele paga no mercado e o que ele tem de remuneração do FGTS dura por mais tempo”, acrescentou. O dinheiro do FGTS é corrigido por TR mais 3% ao ano, valor muito abaixo das remunerações mais conservadoras de aplicações financeiras disponíveis no mercado.

Por razões operacionais, não haverá necessidade de comprovação de que o dinheiro será usado para o pagamento de dívidas. As contas inativas têm hoje cerca de R$ 40 bilhões, mas a avaliação é de que nem todos os trabalhadores vão retirar o dinheiro. (Estadão Conteúdo) (mais…)

Fábio Porchat volta a dublar personagem de ‘Frozen’

????????????????????????????????????

Uma boa notícia para os fãs dos filmes “Frozen” e do humorista Fábio Porchat: no próximo dia 14 de janeiro estreará uma série de quatro curta-metragens com os personagens da série em formato de Lego, em “Lego Disney Frozen – Luzes Congelantes”. Porchat dublará o simpático boneco de neve Olaf, assim como no primeiro filme, de 2013.

“É o máximo emprestar novamente minha voz para ele. Está mais falante desta vez, tem frases mais longas, o que deu mais trabalho. Precisei me assistir no YouTube para estar com a mesma voz, pois tem uma entonação específica”, contou o humorista e dublador. O programa estreia no dia 14 de janeiro no Disney Channel e em 21 de janeiro no Disney Junior. (Bahia.ba) (mais…)

Governo não é obrigado a fazer acordo com os Estados, diz senador

O senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) defendeu nesta quarta-feira (21) que o governo federal não implemente o acordo de renegociação das dívidas e recuperação fiscal dos Estados após as contrapartidas terem sido retiradas do texto que foi aprovado na terça-feira (20) na Câmara.

Para o tucano, vetar o projeto não é uma saída, uma vez que o veto também terá de ser analisado pela Câmara e pode ser derrubado. Para ele, a solução é não fazer valer o acordo. “Só tem um caminho para isso, que é o governo não implementar o projeto nesses moldes. O governo não está obrigado a fazer esse acordo. Não adianta vetar, porque se vetar, volta para a Câmara e a Câmara derruba o veto”, afirmou.

De acordo com o senador, o projeto aprovado pela Câmara foi deturpado e é uma irresponsabilidade fiscal. “Depois de um governo que foi afastado justamente pela falta de responsabilidade nos recursos públicos, vem a Câmara fazer uma votação como essa, é como se estivéssemos incentivando a gastança inconsequente que aconteceu no nosso país. Querer dar moratória para Estados sem contrapartida não existe”, disse.

Nesta quarta-feira, o presidente Michel Temer disse que, provavelmente, irá sancionar o projeto como veio da Câmara, sem vetos. Já o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deu sinalizações de que a proposta poderia ser vetada. (Estadão Conteúdo) (mais…)

Supremo suspende lei que proibia manifestações contra “fé cristã”

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli decidiu nesta terça-feira (20) suspender uma lei do município de Novo Gama (GO) que proibia qualquer manifestação pública “que fira ou afronte a fé cristã”. Na decisão, Toffoli entendeu que a norma, aprovada pela Câmara Municipal da cidade, hierarquizou as religiões.

Ao atender a um recurso protocolado pela Procuradoria-Geral da República (PGR), o ministro disse que a proteção à liberdade das crenças não autoriza “sobreposição do credo à descrença”. Além disso, Toffoli entendeu que o município legislou sobre Direito Penal ao criminalizar a conduta e violou a competência do Congresso para tratar da matéria.

“A proteção à liberdade individual de crenças e ao direito de exercê-las desautoriza a criação de sobreposição jurídica de um credo em detrimento de outro, como desautoriza, ainda, a sobreposição do credo à descrença, de forma que são livres todos os cidadãos para crer e exercer seu credo”, decidiu o ministro.

De acordo com a lei, aprovada em 2015, “qualquer movimento ou manifestação pública que fira ou afronte o cristianismo no município de Novo Gama (GO) deverá ser interrompida imediatamente pelas autoridades locais”. (varelanoticias) (mais…)

Voltar à página inicial