Trinta e seis atletas baianos de canoagem viajaram nesta quinta-feira, dia 21, rumo a Brasília, onde participam do Campeonato Brasileiro de Canoagem Maratona, marcado para os dias 23 e 24 deste mês, no Clube Naval da capital federal. O transporte da delegação será feito por ônibus cedido pela Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da Secretaria de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre). Do grupo, 16 integram o projeto social Remando no Litoral Sul, também financiado pela Sudesb, com aulas de iniciação esportiva em núcleos implantados nos municípios de Itacaré, Maraú, Ubaitaba, e Ubatã.

Competindo nas categorias infantil, menor, cadete, junior, sênior, master, paracanoagem (masculino e feminino), parte da delegação baiana já leva experiência na bagagem, a exemplo de Alberto Oliveira, 1º lugar no C2 e 3º lugar no C1, em 2019. Também Paulo Barbosa e Yuri Pinheiro conhecem a emoção de subir ao ponto mais alto do pódium, quando conquistaram o primeiro lugar no C1 e C2 da modalidade, respectivamente, além de Guilherme Nascimento, que conquistou a prata também na prova de C1. Na paracanoagem, Luan Veloso conquistou o 2º lugar no KL1, na prova realizada em Palmas-TO, em 2018. Todos competem novamente, este ano, em suas respectivas categorias.

Apoiado pelo FazAtleta, Programa Estadual de Incentivo ao Esporte Amador Olímpico e Paralímpico, Luan falou sobre a importância do investimento para seu desenvolvimento no esporte: “Em todos os campeonatos que participei na paracanoagem, a Setre e Sudesb se preocuparam com o bem-estar e apoio ao atleta, me dando, assim, condições de manter bons resultados e competir em pé de igualdade com os melhores do mundo, na minha categoria. O Governo também disponibiliza a ida do meu treinador, pois sou cadeirante e preciso de auxílio para acessar e sair do barco”, disse.

Sudesb