O deputado estadual Capitão Alden (PSL), aliado do presidente Jair Bolsonaro na Bahia, defendeu a medida do governador Rui Costa (PT) de enviar tropas para o Ceará e Brumadinho, durante seu primeiro discurso no plenário da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira, dia 5.

“É importante sim colaborar com os demais governadores de Estado, seja do PT, do PSDB, do DEM, mas é preciso primeiramente observar o cuidado, o zelo com a tropa, com nosso efetivo que vai ser disponibilizado a outros estados. Destaco a importância e relevância do apoio do nosso efetivo, dos nossos recursos para outros estados”, disse.

No entanto, ele cobrou da administração estadual mais zelo com os policiais, principalmente por, segundo ele, não terem cobertura nacional com o Planserv – plano de saúde para servidores estaduais. “O Planserv não tem cobertura nacional. Caso o PM ou bombeiro venha sofrer acidente, dano pessoal, venha perder sua vida, ele infelizmente não terá cobertura em caso de morte, do seguro contra acidentes pessoais ou morte, e não terá cobertura de plano de saúde caso venha sofrer algum tipo de acidente”, afirmou Alden. (Bahia Noticias)