web analytics

Meninos presos em caverna na Tailândia terão alta nesta quarta-feira

Foto: Marinha da Tailândia/ Divulgação

Os 12 garotos de um time de futebol, de 11 a 16 anos, que ficaram presos em uma caverna, por mais de duas semanas, em Tham Luang, na Tailândia, terão alta médica amanhã (18). Eles passaram os últimos dias internados em Chiang Rai isolados dos demais pacientes, usaram máscaras por algum tempo e foram submetidos a uma série de exames. Em vídeo, divulgado pelas autoridades tailandesas, as crianças e os adolescentes demonstram recuperação física e psicológica, também fazem brincadeiras e dizem o que estão com vontade de comer.

Todos ainda estão com as roupas hospitalares e no quarto exclusivo para eles. Os depoimentos são rápidos, mas repletos de sorrisos. Perguntados pelo entrevistador o que estavam ansiosos para comer, os jovens mencionaram os mais distintos pratos. Pipat Photi, de 15 anos, disse que gostaria de comer porco crocante e arroz de porco assado; Duangpetch Promtep, de 13, seguiu o colega.

Outros disseram que eestavam querendo sushi e bifes. Em média, os garotos perderam 2 quilos, mas recuperaram parte do peso e apetite, segundo o ministro da Saúde, Piyasakol Sakol. A imprensa tailandesa informa que festas e cerimônias religiosas foram realizadas em celebração ao resgaste dos jovens e do treinador após 17 dias na caverna. Segundo a imprensa tailandesa, a alta médica foi confirmada.

Redação: Noticias ao Minuto | Informações: Deutsche Welle/ Agência Pública de Notícias da Alemanha

Festa do título da França tem dois mortos e quase 300 detidos

Foto: hotos Judith Litvine et Frédéric de La Mure/ Fotos Públicas

A festa que tomou conta das ruas de Paris na comemoração do título da Copa do Mundo teve o registro de duas mortes e quase 300 pessoas detidas. De acordo com o Ministério do Interior, não houve um incidente maior, ligado a ataques terroristas no país. Os casos mais graves foram anotados em pontos diversos da capital francesa, com confronto de policiais e torcedores e atos de vandalismo contra lojas na Champs-Élysées.

As duas mortes aconteceram em Saint-Félix, na região de Oise, quando um motorista que comemorava a vitória bateu contra uma árvore e morreu. A outra vítima foi verificada em Annecy, em Haute-Savoie, onde um aposentado mergulhou em um canal de baixa profundidade e não resistiu aos ferimentos.

Ao todo, 292 pessoas foram detidas e responderão à Justiça, e 45 policiais civis e militares foram feridos, mas nenhum com gravidade. Mais de 12 mil agentes foram mobilizados pelo Ministério do Interior para garantir a segurança em Paris. Em todo o país, o contingente chegou a 80 mil. (Metro 1)

Brasileiro é denunciado por vandalismo ao gravar iniciais no Coliseu de Roma

Foto: Pixabay

Um jovem brasileiro de 17 anos foi flagrado pela polícia italiana ao tentar gravar com uma pedra as iniciais de seu nome na parede interna do Coliseu de Roma, nesta segunda-feira (16). De acordo com informações do Estadão, o turista responderá em liberdade por “dano agravado” ao patrimônio público. Eleito em 2007 como uma das novas sete maravilhas do mundo, o Coliseu começou a ser erguido em 72 d.C., sendo concluído em 79 d.C, quando Roma era comandada por Tito. (Bahia Noticias)

Museu do Louvre ‘veste’ Monalisa com camisa da França e compra briga com italianos

Foto: Reprodução/ Twitter

Uma das obras mundialmente mais conhecidas, a Monalisa do italiano Leonardo Da Vinci ganhou novas cores neste domingo (15). Após a França vencer a Croácia e conquistar o bicampeonato na Copa do Mundo, o Museu do Louvre, que abriga o quadro em Paris, publicou em suas redes sociais uma foto da Monalisa “vestindo” a camisa da seleção francesa de futebol.

“Felicitações à equipe da França pela vitória na Copa do Mundo 2018”, diz a legenda da foto. A iniciativa do museu francês não foi recebida com muita simpatia pelos italianos, que questionaram se não havia uma outra obra para a brincadeira.

“Se tirarmos do Louvre todas as nossas obras ele pode fechar”, comentou uma internauta italiana. O revide veio inclusive com montagens em cima do quadro “A liberdade conduzindo o povo”, de Eugène Delacroix, que representa a Revolução Francesa. (Bahia Noticias)

Facebook marca carta de independência dos Estados Unidos como discurso de ódio

Foto: Divulgação

Os Estados Unidos se tornou um país no dia 4 de julho de 1776 e o documento que oficializou a separação das Treze Colônias foi assinado pelos representantes no que ficou conhecida como a ‘Declaração de Independência’, considerada um dos pilares da formação da nação americana. Mas, ao que parece, o Facebook viu o documento de outra forma.

Segundo a CNN, o conteúdo da declaração foi alvo da fiscalização do Facebook e acabou sendo enquadrada como ‘discurso de ódio’, após o jornal do Texas The Liberty County Vindicator postar trechos da carta. As frases que foram alvo da censura foram os parágrafos 27 e 31, apagadas logo em seguida pelo algoritmo do Facebook. A plataforma vem aplicando medidas que visam impedir que este tipo de conteúdo se espalhe na rede social. Após perceber que havia cometido um erro, a rede social recuperou o post e enviou um e-mail pedindo desculpas pelo ocorrido.

“Parece que nós cometemos um erro e removemos algo que você postou no Facebook que não ia contra nossos Padrões de Comunidade. Nós queremos nos desculpar e que você saiba que restauramos seu conteúdo e removemos quaisquer bloqueios impostos à sua conta relacionados a essa ação incorreta.” Casey Stinnet, editor do jornal, acredita que a remoção ocorreu por conta da expressão “indian savages” (índios selvagens, em tradução livre). Ele acredita que o documento foi excluído de forma automática. “Se qualquer humano trabalhando no Facebook tivesse que revisá-lo (o post), ele seria permitido sem sombra de dúvidas”. (Noticias ao Minuto)

Mulher é enterrada viva ao lado do marido na Ucrânia

Imagem ilustrativa | Foto: Pixabay

As ossadas de um casal, apaixonadamente abraçados, há mais de três mil anos, foram encontradas em uma sepultura na Ucrânia. A história que escondem é de amor, mas também inacreditável. O grupo de arqueólogos que fez a descoberta, crê que a mulher foi enterrada viva por sua vontade para poder acompanhar o seu amado para além da morte.

O casal, que pertenceria ao grupo pré-histórico de Wysocko, foi encontrado perto da cidade de Petrykiv. “É um enterro único, um homem e uma mulher ali, abraçados um ao outro. Ambos os rostos se olhando, as suas testas se tocando”, disse o professor Mykola Bandrivsky , responsável pelos trabalhos de escavação.

O corpo da mulher surge de lado, envolvendo o marido, com o queixo no seu ombro e os joelhos dobrados e em cima das suas pernas. Especialistas dizem que seria impossível o corpo da mulher se posicionar desta forma, caso já estivesse morta. ( Noticias ao Minuto)

Mergulhador cita falha de bomba e gritos na caverna da Tailândia

Foto: Pixabay

Uma nova e surpreendente informação foi recentemente divulgada sobre o resgate dos 12 garotos e de seu treinador da caverna inundada de Tham Luang, na Tailândia. A energia elétrica e as bombas para retirar água pararam de funcionar no momento que o time foi retirado, mas tornou imperativo aos últimos resgatistas deixassem a caverna às pressas, conta o último mergulhador a sair do local. Na terça-feira (10), assim que as últimas cinco pessoas resgatadas tinham acabado de serem resgatadas, ouviu-se um grito partindo do lugar mais delicado do trajeto de saída, uma galeria tubular por onde se passava com muita dificuldade.

“O australiano que supervisionava a passagem começou a berrar dizendo que a bomba d’água tinha deixado de funcionar”, disse à AFP Chaiyananta Peeranarong, de 60 anos, ex-comandante da Marinha tailandesa. Ele relatou os últimos momentos da dramática evacuação: “Se não se bombeasse a água nesse lugar, só seria possível sair com um cilindro de oxigênio”. Por causa disso, os últimos mergulhadores “correram” para passar por esse lugar “T”, um pesadelo por sua estreiteza.

Chaiyananta relata que deixou os colegas passarem e saiu por último, tendo tempo apenas de passar antes de o lugar ficar totalmente submerso. O comandante explica que, para evitar que os meninos entrassem em pânico na hora do mergulho, alguns foram sedados e adormecidos. A mídia havia noticiado que eles apenas teria tomado pílulas para controlar o estresse. “Disseram à imprensa que os garotos deveriam aprender a mergulhar. Esses garotos não comiam, ou dormiam, há dias, como teriam encontrado energia para praticar? Isso era absurdo”, revelou. (Noticias ao Minuto/ G1)

Gruta se tornará museu sobre resgate, dizem autoridades da Tailândia

Foto: Marinha da Tailândia/ Divulgação

O complexo de cavernas onde o time de futebol ficou preso será transformado em um museu dedicado ao resgate, disse o chefe da operação nesta quarta-feira (11). “Essa área vai se tornar um museu vivo para mostrar como foi a operação de resgate”, disse Narongsak Osottanakorn, que liderou a operação. “Uma base de dados interativa será criada, e essa será uma grande atração turística para a Tailândia.” Mas o primeiro-ministro da Tailândia, Prayuth Chan-och, havia dito na terça (10), que era necessário aumentar a segurança dentro e fora da caverna para proteger turistas que visitassem o local.

Moradores do vilarejo próximo dizem que a caverna é conhecida por ter tendência a ficar inundada e disseram que já pediram às autoridades que coloquem avisos mais claros no local. A gruta será fechada nesta quinta por tempo indeterminado, disse Chongklai Worapongsathorn, diretor-adjunto do Departamento de Parques Nacionais, Vida Selvagem e Conservação de Plantas. Ele afirmou que há planos de recuperar o parque em torno da caverna.

O nome inteiro do complexo é Tham Luang Nang Non, ou “caverna da moça reclinada”. O nome diz respeito a uma lenda relacionada ao local, segundo a qual uma linda princesa fugiu para a caverna com seu amante plebeu. Seu pai mandou soldados para matar o homem, e a princesa se suicidou; as montanhas no entorno teriam então adquirido o contorno do corpo dela. (Bahia Noticias)

Polícia prende pastor que anunciou “profecia” contra governador

Foto: Pixabay

Policiais do Estado de Imo, Nigéria, prenderam um pastor da Assembleia de Deus em Owerri, por ter profetizado contra o governador do estado, Rochas Okorocha. Segundo a polícia o pastor Chukwuma Okezuo havia “ameaçado” o governador durante o culto na igreja no último domingo. Em determinado momento, o líder da igreja disse diante dos presentes que o governador estava sequestrando crianças entre zero e 10 anos para realizar rituais de magia.

O objetivo seria fortalecer suas chances na eleição de 2019. Para a polícia, a “falsa profecia” poderia “causar pânico” no estado. Andrew Enwerem, o porta-voz da polícia, afirmou: “Apresento a vocês um pastor conhecido, Chukwuma Okezuo, da Igreja Assembleia de Deus. Ele foi preso durante o culto no último domingo em Owaelu Urratta por falsas profecias contra a pessoa do governador do estado de Imo, Rochas Okorocha”.

Acrescentou ainda que “esta falsa profecia é muito maliciosa e capaz de causar rancor, pânico, ansiedade e desintegrar o estado. Os líderes religiosos devem estar atentos às coisas que dizem. Vamos levar o suspeito ao tribunal onde responderá uma ação judicial”. Por sua vez, o pastor Okezuo, 40 anos, justifica que só pediu à congregação para orar contra a “manipulações espirituais” no estado, algo que estava “vendo”, mas não teria mencionado o nome do governador, que sentiu-se atingido.

Redação: Jarbas Aragão/ Gospel Prime |Fonte: Today

Ataque contra edifício da educação deixa 10 mortos no Afeganistão

Imagem Ilustrativa | Foto: Abo Haitham/ OXFAM/ Fotos Públicas

Nesta quarta-feira (11), dez pessoas morreram e 10 outras ficaram feridas em um ataque ao departamento de educação em Jalalabad, no leste do Afeganistão, disse o porta-voz do governo provincial. Attaullah Khogyani adiantou que entre os 10 mortos se encontra um guarda de segurança.

O ataque começou cerca das 09:00 (04:30 em Brasília) com duas ou três explosões, segundo testemunhas, seguidas de tiroteio e durou mais de quatro horas, não tendo ainda sido reivindicado. Trata-se de mais um ataque visando o sistema educativo em pleno período de exames. Jalalabad é a capital de Nangarhar, província montanhosa do leste do país que faz fronteira com o Paquistão e onde se refugiam talibãs e combatentes do grupo extremista Estado Islâmico (EI).

A cidade é frequentemente alvo de atentados, o último dos quais ocorreu na terça-feira (10), quando 12 pessoas morreram em um ataque suicida reivindicado pelo EI, que afirmou visar os serviços de informações afegãos, embora as vítimas tenham sido majoritariamente civis. O departamento de educação de Jalalabad foi alvo de um ataque há um mês, que causou pelo menos 10 feridos.

Informações: Lusa

Governo japonês anuncia 179 mortes devido a chuva

Imagem Ilustrativa | Foto: Arquivo/ RNW.org/ Fotos Públicas

O Governo nipônico divulgou novo balanço nesta quarta-feira, elevando para 179 o número de mortos relacionados com as chuvas torrenciais no oeste do Japão, para onde o primeiro-ministro, Shinzo Abe, viajou esta manhã para visitar as zonas mais afetadas. De acordo com o porta-voz do Governo, Yoshihide Suga, o premiê se encontra em Kurashiki, na província de Okayama, uma das mais devastadas pelas inundações, a par de Hiroshima.

O governante cancelou as viagens à Europa e Médio Oriente, agendadas para esta semana. Além das 179 mortes confirmadas, as autoridades apontam para pelo menos nove desaparecidos. A imprensa japonesa fala em mais de 50. “Este é o pior desastre relacionado com as chuvas torrenciais no arquipélago desde 1982”, recordou Suga, na terça-feira. As chuvas intensas registradas desde sexta-feira (06), provocaram grandes inundações, deslizamentos de terra e outros danos, deixando isoladas muitas pessoas, que não puderam ou não quiseram abandonar as suas casas.

De acordo com Suga, o governo mobilizou 75 mil militares e equipes de emergência e quase 80 helicópteros para os esforços de busca e resgate. “Estamos sem água, comida, nada chega aqui”, disse ao jornal Mainich o japonês Ichiro Tanabe, que mora na cidade portuária de Kure. “Vamos ficar todos secos se continuarmos isolados”, advertiu. No início da manhã desta quarta (11), milhares de casas ainda não tinham água potável ou eletricidade.

Informações: Lusa

Resgate dos meninos na Tailândia vai virar filme de produtora cristã

Foto: Reprodução/ Redes Sociais

O incrível resgate dos garotos e do treinador do time de futebol juvenil na Tailândia, presos por 18 dias nas cavernas de Tham Luang, vai virar filme. A produtora cristã Pure Flix irá contar a sua versão da história nos cinemas em um longa que deve custar entre US$ 30 milhões e U$S 60 milhões.

“A bravura e o heroísmo que testemunhei foram incrivelmente inspiradores”, contou o diretor geral e cofundador da Pure Flix, Michael Scott, no local do resgate – ele mora na Tailândia parte do ano. Scott, contudo, não confirmou um possível viés religioso no filme. O seu objetivo é “fazer um filme que inspire as pessoas”.

“Não é necessariamente para fazer um filme cristão sobre isso”. Para o diretor, a produção é uma forma de “honrar a vida dos envolvidos”, inclusive o mergulhador morto na tentativa de retornar à saída da caverna, após levar suprimentos para as garotos presos. (Bahia.Ba/ UOL)

Produtores de Hollywood foram à Tailândia interessados em rodar filme sobre resgate

Foto: Divulgação/ Marinha da Tailândia

Dois produtores de Hollywood foram ágeis e já estão na Tailândia para acompanhar o resgate dos garotos que passaram 18 dias presos com o treinador de futebol em uma caverna no norte do país. De acordo com informações do jornal Extra, os americanos Michael Scott e Adam Smith querem rodar um filme sobre o incidente.

“Haverá outras empresas de produção chegando, por isso temos que agir muito rapidamente”, disse Smith ao site australiano “News”. A dupla acompanhou todo o processo enfrentado pela equipe de mergulhadores para resgatar os garotos com segurança e aproveitou para, além de registrar imagens, realizar entrevistas e conseguir direitos exclusivos para explorar a história.

“Eu vejo isso como um grande filme de Hollywood com os maiores astros do Cinema”, disse Scott à AAP, acrescentando que a produtora cristã Pure Flix, da qual é sócio-direitor, pretende enviar também um roteirista ao local. (Bahia Noticias)

General iraniano diz que tropas estão “aguardando ordens” para destruir Israel

Foto: Pixabay

Em um discurso inflamado, o vice-comandante do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica do Irã, afirmou que “o exército islâmico na Síria” nas Colinas de Golã está só aguardando a ordem para erradicar “o regime maligno” de Israel. O general de brigada Hossein Salami insiste que o grupo terrorista libanês Hezbollah, financiado por Teerã, mantém 100.000 mísseis apontados para Israel.

“Estamos aumentando nosso poder de fogo no Líbano porque planejamos lutar contra nosso inimigo a partir dali, com toda nossa força”, ameaçou Salami. Ele acredita que Israel não teria condições de se defender de um ataque em massa. Recentemente ele havia feito ameaças similares, declarando que o perigo que Israel está prestes a enfrentar é maior do que em qualquer outro momento de sua história. “Há um exército islâmico internacional formado na Síria, e as vozes dos muçulmanos são ouvidas perto de Golã… Iremos acabar de vez com a existência desse regime sionista maligno.”

Ainda segundo o general Salami, “Israel representa uma ameaça para todo mundo islâmico. Esta é a filosofia por trás do estabelecimento desse regime [sionista]”. As tensões entre os governos de Israel e do Irã aumentaram recentemente, com denúncias que os aiatolás estão recebendo apoio de Bashar Al Assad para aumentar sua presença militar na Síria, especialmente no sul. As colinas de Golã estão divididas desde o final da Guerra de 1967, com os israelenses tendo o controle de sua maior parte. Em várias ocasiões, as Força de Defesa de Israel entraram em território sírio para bombardear instalações militares iranianas.

Redação: G-Prime | Fonte: Times of Israel

Após 17 dias, os 12 meninos e técnico são retirados da caverna na Tailândia

Foto: Pixabay

Nos últimos dias, a notícia dos 12 meninos e do seu treinador de futebol que ficaram presos em uma gruta na Tailândia causou comoção mundial. A operação de resgate foi realizada durante dias, e o que poderia ter sido uma tragédia, acabou com um final feliz para familiares, amigos e comunidade internacional.  Nesta terça-feira (10), os últimos meninos foram resgatados, por isso, todos os membros dos ‘Javalis Selvagens’ foram retirados com vida do local, afirma a AFP. Eles estavam encurralados desde 23 de junho, após terem ficado diversos dias sem comer, e cerca de 4 quilômetros da entrada da caverna, que teve a saída bloqueada pelas inundações das chuvas.

Ekapol Chanthawong, de 25 anos, é o treinador e quase um herói. Como foi noticiado pelo “The Washington Post”, órfão e já tendo estudado para ser monge budista, ele ficou muito debilitado por ter comido pouco para dar o alimento aos menores, que tem entre 11 e 16 anos. A operação de resgate era bastante arriscada e foi feita via mergulho com máscara. O jornal The Telegraph noticiou que pílulas contra a ansiedade foram usadas nos garotos. Vale ressaltar que um mergulhador morreu no começo das atividades de salvamento. Durante os dias angustiantes, os parentes ficaram todos juntos em um acampamento montado na entrada da caverna. Como as crianças foram resgatadas aos poucos, diversos cuidados foram tomados pelas autoridades.

A identidade dos jovens que iam saindo, por exemplo, não foram reveladas nem mesmo para os familiares, pois o governo não queria que, enquanto alguns celebravam a alegria de ver suas crianças salvas, outros viviam a agonia de seguir minuto a minuto o restante das operações. Além desta questão, as autoridades tailandesas também quiseram estabelecer um “cordão sanitário” para evitar o vazamento de informações que pudessem prejudicar o resgate ou atingir a sensibilidade das famílias. Havia ainda um fator cultural. Existe um ditado tailandês que diz: “Evitarás ofender a quem te ajuda pedindo mais do que este lhe dá.” Pensando nisso, de acordo com profissionais do serviço tailandês da BBC, os pais que aguardavam o resgate dos filhos não pediam mais informações do que as que lhes eram oferecidas, conscientes dos esforços empreendidos pelas autoridades e equipes de resgate. (Noticias ao Minuto)

Chuva no Japão deixa pelo menos 112 mortos e 78 desaparecidos

Imagem Ilustrativa | Foto: Arquivo/ RNW.org/ Fotos Públicas

Uma forte chuva registrada no sudoeste do Japão desde o fim da última semana já deixou pelo menos 112 mortos e 78 desaparecidos. A informação foi confirmada por autoridades locais nesta segunda-feira (09). De acordo com informações da agência EFE, as chuvas atingiram especialmente as cidades de Hiroshima e Ehime, onde aconteceram deslizamentos de terra e inundações que deixaram diversos locais completamente isolados.

O primeiro-ministro Shinzo Abe cancelou uma viagem à Europa e ao Oriente Médio prevista para esta semana com o objetivo de coordenar pessoalmente as tarefas de ajuda às vítimas. Autoridades japonesas chegaram a recomendar a retirada de 5,9 milhões de pessoas de 19 cidades durante o fim de semana. (Bahia Noticias)

Voltar à página inicial