Inscrições para o Fies do segundo semestre de 2019 estão abertas

Inscrições para o Fies do segundo semestre de 2019 estão abertas - educacaoFoto: Reprodução/ Site Fies

Estão abertas as inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) do segundo semestre de 2019. Os estudantes devem se inscrever pela internet, no site do programa, até o dia 1° de julho.

O Fies concede financiamento a alunos de cursos superiores em instituições privadas com avaliação positiva pelo Ministério da Educação.

Pode concorrer quem fez uma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, com média igual ou superior a 450 pontos, e obtido nota maior que zero na redação.

Agência Brasil

De cada 10 professores do fundamental, 4 não têm formação no que ensinam

De cada 10 professores do fundamental, 4 não têm formação no que ensinam - educacaoImagem Ilustrativa | Foto: Carol Garcia/ GOVBA

Cerca de quatro em cada dez professores que davam aula para o segundo ciclo do ensino fundamental (do 6º ao 9º ano) no Brasil em 2018 não tinham formação adequada para o que ensinavam, segundo dados divulgados na última segunda-feira (24), no Anuário Brasileiro da Educação Básica 2019.

O estudo aponta que 37,8% dos docentes dos anos finais do ensino fundamental não tinham licenciatura ou complementação pedagógica na área da disciplina pela qual eram responsáveis. No ensino médio, esse índice ficou em 29,2%.

O anuário é resultado de uma parceria entre o movimento Todos pela Educação e a editora Moderna e se baseia nos microdados do Censo e nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, realizados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Metro1

Fies chega com ‘terrível atraso’ nas Universidades Católicas, diz Dom Murilo

Fies chega com 'terrível atraso' nas Universidades Católicas, diz Dom Murilo - educacaoFoto: Divulgação/ Arquidiocese Salvador

O Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, declarou que o “atraso terrível” nos depósitos de valores do Financiamento Estudantil (FIES) cria um “clima muito pesado” nas instituições de ensino.

Dom Murilo, que é o principal gestor da Universidade Católica do Salvador (Ucsal), disse que o problema atinge todas as faculdades particulares.

“Não são só as faculdades católicas, mas todas as faculdades particulares que estão sofrendo. Eu penso que ainda é uma fase que o governo está se reorganizando e espero que logo se resolva isso”, disse.

Ele detalha como isso prejudica o aprendizado na instituição.

“O governo mesmo aceita que as universidades particulares recebam alunos que faça um convênio com ele, governo, e ir pagando depois. Esses recursos não tem vindo e os professores, com todo direito, querem no fim do mês os seus salários, e os funcionários também. Está havendo, esse ano, um atraso terrível, e isso prejudica todo o andamento, pois cria um clima muito pesado”, afirmou.

Redação: Metro1 | Fonte: Bocão News

Total médio de anos de estudo cresce, diz IBGE

Total médio de anos de estudo cresce, diz IBGE - educacaoFoto: Pixabay

O número médio de anos dedicados ao estudo no Brasil aumentou 0,2 ano a cada 12 meses entre 2016 e 2018, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A média passou de 8,9 anos em 2016 para 9,3 anos em 2018.De acordo com o relatório, as mulheres estudam cerca de seis meses a mais que os homens, mas todas as regiões do país registraram melhoras.

O Nordeste passou de 7,6 anos de estudo para 7,9. Os dados estão na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua Educação 2018 (Pnad Educação), divulgada nesta quarta-feira (19), pelo IBGE.

Metro1

OAB vai ao STF pedir a suspensão do bloqueio das verbas da educação

OAB vai ao STF pedir a suspensão do bloqueio das verbas da educação - educacaoFoto: Ascom/ OAB-BA

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) nacional propôs nesta terça-feira (18), Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) que questiona o contingenciamento de verbas da educação superior no Supremo Tribunal Federal (STF).

A OAB aponta que a medida viola a autonomia das universidades, e que atinge as despesas com a manutenção das instituições. A iniciativa requer a concessão de uma medida cautelar para suspender os bloqueios e proibir a fixação de cotas de orçamento para as universidades pelo governo.

A OAB defende que a educação é um direito garantido pela Constituição, além de ser um dos pilares do Estado democrático de direito por promover a cidadania e o pluralismo político, princípios fundamentais da República.

Metro1

Inscrições para o Prouni se encerram nesta sexta, 14

Inscrições para o Prouni se encerram nesta sexta, 14 - educacaoFoto: Elza Fiuza/ Agência Brasil

As inscrições para a edição do segundo semestre do Programa Universidade para Todos (Prouni) se encerram nesta sexta-feira (14). Os candidatos têm até as 23h59 para pleitear bolsas de estudo integrais ou parciais em cursos de graduação.

O Prouni oferece cerca de 169 mil vagas, sendo 68 mil de bolsas de estudo integrais e 101,1 mil para bolsas parciais, cobrindo 50% do valor da mensalidade.

As inscrições podem ser feitas no site do Prouni. Podem participar candidatos que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2018 com pelo menos 450 pontos nas provas objetivas e nota acima de zero na redação, e que ainda não tenham diploma do ensino superior.

Metro1

Prazo para participar da lista de espera do Sisu começa nesta terça, 11

Prazo para participar da lista de espera do Sisu começa nesta terça, 11 - educacaoFoto: Elza Fiuza/ Agência Brasil

Começou nesta terça-feira (11) a inscrição para a lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do segundo semestre deste ano. O cadastro pode ser feito pelo portal do Sisu até a próxima segunda-feira (17), pelo link http://sisu.mec.gov.br/

Podem se inscrever candidatos que não foram selecionados na chamada regular em nenhuma das duas opções de curso aplicadas no Sisu.

A inscrição para a lista de espera pode ser feita para a primeira ou a segunda opção de curso. Os estudantes serão convocados a partir do dia 19, e o dia da matrícula para as listas de espera é decidido pelas instituições de ensino.

Metro1

Resultado do Sisu será divulgado nesta segunda, 10

Resultado do Sisu será divulgado nesta segunda, 10 - educacaoFoto: Elza Fiuza/ Agência Brasil

O resultado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2019.2 será divulgado nesta segunda-feira (10), pela internet. A informação foi divulgada pelo MEC através do Twitter. Os aprovados devem realizar a matrícula entre os dias 12 e 17 de junho.

As inscrições para a seleção foram encerradas na última sexta-feira (10), com mais de 575 mil candidatos inscritos.

Três estados representavam 37% dos inscritos até o último dia de inscrição: Rio de Janeiro (74.730 pessoas); Minas Gerais (68.133) e Bahia (52.048).

Metro1

Começa prazo de recurso para quem teve nome social recusado no Enem

Começa prazo de recurso para quem teve nome social recusado no Enem - educacaoFoto: Arquivo/ Agência Brasil

Os estudantes que tiveram a solicitação do uso do nome social negado no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) podem, a partir desta segunda-feira (03), até sexta-feira (07), interpor recurso. Eles devem enviar novos documentos para a análise, pela Página do Participante do Enem. O resultado do recurso será divulgado, também pela internet, no mesmo endereço, a partir do dia 10 de junho.

O atendimento pelo nome social é ofertado para participantes travestis ou transexuais que desejam ser identificados, na aplicação da prova, em consonância com a identidade de gênero. O prazo para solicitar esse atendimento terminou no dia 24 de maio. Os candidatos tiveram que enviar fotografia atual, nítida, individual, colorida, com fundo branco que enquadre desde a cabeça até os ombros, de rosto inteiro, sem o uso de óculos escuros e artigos de chapelaria; e cópia digitalizada, frente e verso, de um dos documentos de identificação oficial com foto válido.

Os documentos somente seriam aceitos caso estivessem nos formatos PDF, PNG ou JPG, com o tamanho máximo de 2MB. De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo exame, ao todo, nesta edição, foram feitos 2.068 pedidos de uso de nome social. O resultado da primeira análise está disponível desde o dia 31, também na Página do Participante.

Agência Brasil

Levantamento aponta que 75,6% dos alunos são negros na Ufba

O perfil da graduação na Universidade Federal da Bahia (Ufba) é de maioria negra, jovem e feminina, de acordo com dados da V Pesquisa Nacional de Perfil dos Graduandos das IFES 2018, realizada pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) e divulgada pela instituição. De um total de 38,6 mil alunos, 5774 estudantes responderam à pesquisa. Quinze anos após o início da política de acesso por cotas sociais e raciais, a Ufba ainda carece de recursos para atender às demandas trazidas por esse novo perfil de comunidade.

Três a cada quatro alunos são negros e de baixa renda, mas somente um tem ou já teve acesso a políticas de assistência estudantil. O setor, apesar de não ter sido incluída no bloqueio anunciado pelo Ministério da Educação, acaba sendo afetado na medida em que o funcionamento geral da universidade fique comprometido. Atualmente o perfil racial dos estudantes da universidade corresponde quase plenamente à composição racial da Bahia. Hoje 75,6% dos alunos são negros na Ufba, diante de 76,7% de negros da população do estado, segundo a PNAD/IBGE de 2018.

A pesquisa permite estimar ainda que 62,3% dos alunos são mulheres, acima do percentual nacional (54,6%). O percentual de ingressantes por cotas também supera o percentual nacional (45,1% x 41,9%), muito embora o total de alunos que vêm de escolas públicas seja um pouco menor na comparação com o conjunto das federais (57,7% x 64,7%). Outro dado indica que 69,1% dos estudantes da Ufba têm renda familiar média per capita de até um salário mínimo e meio. Além disso, 15,7% dos graduandos têm renda entre 1,5 e 3 salários mínimos, e apenas 12,3% vêm de famílias que têm renda acima disso. (mais…)

UFRB abre concurso para vagas de professor efetivo

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) abriu inscrições para o concurso público de professor efetivo para trabalhar nos campi de Amargosa e Feira de Santana. São oferecidas seis vagas: duas para o Centro de Formação de Professores (CFP), em Amargosa; e quatro para o Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade (CETENS), em Feira de Santana.

As duas vagas em Amargosa são para área de conhecimento Língua Inglesa e Estágio Supervisionado de Língua Inglesa; e Educação do Campo e Produção Animal em Bases Agroecológicas. O vencimento básico é de R$ 4.463,93, com retribuição por titulação de R$ 2.204,27 e auxílio alimentação de R$ 458,00.

Em Feira de Santana, as quatro vagas são para a área de conhecimento Engenharia de Energia (01 vaga); Dispositivos de Potência/Transmissão e Distribuição da Energia Elétrica (02 vagas); e Engenharia de Produção/Engenharia Organizacional (01 vaga). O vencimento básico é de R$ 4.463,93, acrescidos de retribuição por titulação de R$ 5.136,99 e auxílio alimentação de R$ 458,00. As inscrições estarão disponíveis apenas por meio da internet, no site da UFRB, até às 23h59min do dia 21 de junho.

Metro1

UFRB abre inscrições de aluno especial de graduação para o semestre 2019.2

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) abre inscrições para os interessados em cursar componentes curriculares na condição de aluno especial de graduação, com ingresso no semestre 2019.2. O período de inscrição segue até o dia 06 de junho. É possível o interessado cursar até cinco componentes curriculares em cursos de graduação, sem constituir vínculo com o curso e sem necessidade de participação em processo seletivo. O aluno especial receberá uma certidão, com o registro do desempenho obtido no componente cursado, que poderá ser aproveitado quando ingressar na instituição.

Os interessados devem se dirigir o Núcleo de Gestão Técnico-Acadêmico do Centro de Ensino responsável pela oferta do componente, preencher o formulário de solicitação com os nomes dos componentes que deseja cursar e entregar cópia do RG, CPF e o documento que comprove sua condição acadêmica. Podem se inscrever quaisquer alunos que estejam cursando o terceiro ano, mediante apresentação da declaração da Unidade Escolar, ou que concluíram o Ensino Médio, com a cópia do certificado de conclusão; alunos regulares de cursos de graduação de outras instituições, com a cópia do histórico escolar atualizado; e portadores de diploma de cursos de graduação, mediante cópia do diploma e do histórico escolar.

Para identificar os componentes curriculares que deseja cursar, basta acessar o Projeto Pedagógico de cada curso, que está disponível nos sites dos Centros de Ensino: Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB) e Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CETEC), em Cruz das Almas; Centro de Formação de Professores (CFP), em Amargosa; Centro de Ciências da Saúde (CCS), em Santo Antônio de Jesus; Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL), em Cachoeira; Centro de Cultura, Linguagens e Tecnologias Aplicadas (CECULT), em Santo Amaro; e Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade (CETENS), em Feira de Santana. (mais…)

UFRB faz concurso para professor efetivo em Feira de Santana e Amargosa

UFRB faz concurso para professor efetivo em Feira de Santana e Amargosa - feira-de-santana, educacao, amargosaArte: Divulgação

Um concurso oferece vagas para professor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). Ao todo são seis vagas, quatro para os campi de Feira de Santana [Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade (Cetens)] e duas para o de Amargosa [Centro de Formação de Professores (CFP)].

As inscrições para o campus de Amargosa ocorrem, apenas pela internet, até as 23h59min do dia 21 de junho. Mais informações de horário e local são obtidas pelo endereço www.ufrb.edu.br/concursos. O valor da taxa de inscrição é de R$ 150, e o vencimento básico é de R$ 4.463,93, com retribuição por titulação de R$ 2.204,27 e auxílio alimentação de R$ 458,00.

Para concorrer as quatro vagas para o campus de Feira de Santana, o candidato deve se inscrever também até as 23h59min do dia 21 de junho. A taxa de inscrição é de R$ 200. O postulante deve acessar o endereço eletrônico www.ufrb.edu.br/concursos para saber mais informações do certame.

Redação: Bahia Noticias | Fonte: Acorda Cidade

Prazo para pagar taxa de inscrição do Enem acaba nesta quinta-feira

Prazo para pagar taxa de inscrição do Enem acaba nesta quinta-feira - educacaoFoto: Marcello Casal Jr./ Arquivo Agência Brasil

Termina nesta quinta-feira (23), o prazo para pagar a taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. O valor é R$ 85 e pode ser pago em agências bancárias, casas lotéricas e Correios. A inscrição só é confirmada após o pagamento.

As inscrições para o Enem foram encerradas na última sexta (17), com mais de 6,3 milhões de inscritos. O total de participantes confirmados será divulgado no dia 28 deste mês.

Quem conseguiu a isenção do pagamento da taxa e concluiu a inscrição no prazo tem participação garantida. As provas do Enem serão aplicadas em dois domingos, 3 e 10 de novembro.

Metro1

UFSB diz que vai reduzir investimento em pesquisa para pagar energia e água

UFSB diz que vai reduzir investimento em pesquisa para pagar energia e água - educacaoFoto: Divulgação/ UFSB

Por causa do contingenciamento do Ministério da Educação (MEC), a Universidade Federal do Sudoeste da Bahia (UFSB) informou que será obrigada a reduzir investimento em pesquisa e extensão para pagar contas de energia e água.

A instituição informou que o chamado orçamento discricionário – referente aos recursos que a gestão da universidade pode decidir como utilizar a partir de suas demandas próprias – é de R$ 31.529.663,00 para a UFSB em 2019.

Do total, que inclui tudo o que pode ser aplicado em termos de custeio e investimento, foram bloqueados R$ 17.014.631,00, o que equivale ao percentual de 54% — não fazem parte do orçamento discricionário o pagamento de salários, encargos trabalhistas, aposentadorias e pensões.

Redação: Bahia Noticias | Fonte: G1

Universidade do Sul da Bahia é a instituição com maior corte de verbas do MEC

Universidade do Sul da Bahia é a instituição com maior corte de verbas do MEC - teixeira-de-freitas, porto-seguro, itabuna, educacao, economiaFoto: Divulgação/ UFSB

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) foi a instituição superior que sofreu o maior corte anunciado pelo governo federal. A entidade sofrerá bloqueio de 53,96%, segundo levantamento da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes).

Em nota nesta quinta-feira (16), a UFSB informou que dos R$ 31.529.663 referente ao orçamento discricionário de 2019, R$ 17.014.631 foram bloqueados. No comunicado, a universidade disse que busca dialogar com o Ministério da Educação (MEC) sobre “os impactos e suas implicações na continuidade das atividades institucionais”. A instituição conta com cerca de 4,5 mil estudantes.

Depois da UFSB, a universidade federal que mais sofreu corte de verbas foi a Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB). Foram 36,5% de bloqueio de verbas. Em terceiro, com corte de 31,98%, está a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB).

Bahia Noticias

Voltar à página inicial