web analytics

MEC prorroga prazo para concluir inscrição no Fies até hoje, 25

O MEC prorrogou o prazo para que os estudantes pré-selecionados para a segunda edição de 2015 do Fies concluam a inscrição na internet. A conclusão da inscrição poderá ser feita até hoje (25). O prazo inicial tinha se encerrado no domingo (23).

Ao acessar o site, o estudante deve clicar na opção Conclua sua inscrição. Após a conclusão no SisFies, o estudante precisa validar as informações na Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento da instituição de ensino em até dez dias, contados a partir do dia seguinte ao da conclusão da inscrição.

Por fim, deve comparecer a um agente financeiro do Fies em até dez dias, contados a partir do terceiro dia útil seguinte à data da validação das informações pela Comissão de Supervisão e Acompanhamento.

O Fies financia cursos superiores em instituições privadas de ensino superior. Os estudantes têm até três anos depois de formados para quitar o empréstimo. Ao todo, serão ofertadas 61,5 mil vagas.

Ao longo do curso, os alunos pagam parte da mensalidade de acordo com a faixa de renda familiar. Todos os beneficiados pelo Fies têm 5% de desconto nas mensalidades dos cursos. (G1).

UFRB decide pela suspensão do calendário acadêmico 2015.1

O Conselho Acadêmico (CONAC) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia reuniu-se no dia 12 de agosto de 2015 e deliberou pela suspensão do calendário letivo do semestre de 2015.1, a partir do dia 22 de junho de 2015.

A Comissão criada pela Portaria 672/2015 avaliou os impactos nas atividades acadêmicas e administrativas em decorrência da suspensão ou manutenção do calendário acadêmico 2015.1. Ao apresentar os dados aos membros do CONAC, decidiu-se pela suspensão do calendário acadêmico.

Ficam garantidos todos os atos administrativos referentes à conclusão de curso (colação de grau e diplomação), à realização de estágios obrigatórios, atividades de pesquisa e extensão, assim como o pagamento das bolsas aos estudantes, a exemplo do Programa de Permanência Qualificada (PPQ/PROPPAE), PIBIC e PIBEX. O cumprimento de todos os componentes curriculares ofertados no planejamento acadêmico 2015.1 também está garantido.

De acordo com o CONAC, o novo calendário acadêmico será apresentado após o restabelecimento da regularidade de todas as atividades de ensino, pesquisa e extensão na UFRB. (ufrb.edu)

Ex-vendedor de cocadas conquista cinco diplomas e vira servidor público

Ele é graduado em filosofia, tradução, biblioteconomia, teologia e letras (Língua e Literatura Francesas) pela UnB (Universidade de Brasília). Sua dissertação de mestrado foi premiada no Concurso Latino-americano “Fernando Báez” do Centro Argentino de Informação Cientifica e Tecnológica. A tese doutoral virou um livro e foi indicado para o prêmio Jabuti deste ano.

Todas essas conquistas não foram em vão. O brasiliense Cristian Santos, 38, vendeu cocada dos nove aos 19 anos para comprar livros, materiais escolares, passe de ônibus e ainda ajudar em casa. O pai de Cristian era carpinteiro e a mãe dona de casa. Era ela que preparava os doces para que ele pudesse vender no centro de Brazlândia, região localizada a 32 quilômetros de Brasília. “Sempre estudei em escola pública e mesmo assim sofria preconceito por vender cocadas. Fazer isso explicitava minha condição de mais pobre, acrescido ao fato de nem sempre possuir o material didático exigido pelos professores”.

Santos conta que sempre foi um leitor precoce. Adorava frequentar a biblioteca comunitária de onde morava. O que mais lhe chamava atenção não era apenas a coleção de livros – ele adorava consultar verbetes na Barsa e Larousse –, mas o pequeno jardim de inverno, o mobiliário confortável e as canecas de alumínio areadas. “Tornou-se uma espécie de refúgio frente à pobreza em que vivia”, desabafa. (Tribuna do Recôncavo | Fonte: UOL)

Apesar do fim da greve, professores estaduais não conseguem retomar aulas

Mesmo com o fim da greve, na semana passada, alguns professores das universidades estaduais da Bahia não conseguiram retomar as aulas nesta segunda-feira (10/08). A entrada nas unidades de ensino foi impedida por servidores técnico-administrativos que realizavam manifestações nas Universidades Estaduais do Sudoeste da Bahia (Uesb), de Feira de Santana (Uefs) e de Santa Cruz (Uesc). A previsão é que os técnicos permaneçam realizando paralisações até a próxima sexta-feira (14).

No Campus  da UNEB em Santo Antônio de Jesus só teve aula durante o dia, a noite os portões já estavam fechados por conta da greve dos servidores técnicos. Segundo informações obtidas por alunos, as aulas só serão normalizadas na próxima sexta-feira (14). Alguns alunos ficaram revoltados: “Infelizmente, eu e minha turma que somos concluintes estamos com nossa Formatura comprometida”, disse Joyce França, graduanda em ADM.

Entre as reivindicações da categoria, estão a autorização imediata para abertura de concursos públicos para técnico-administrativo e docente, e o restabelecimento do pagamento do adicional de insalubridade. Segundo informações, o governo estadual fará uma reunião nesta terça-feira (11) com os representantes das manifestações. (Tribuna do Recôncavo | Informações g1). (mais…)

Servidores técnico-administrativos da Uesb param a partir desta segunda

Os servidores técnico-administrativos da Universidade do Sudoeste do Estado (Uesb) param as atividades a partir desta segunda-feira (10) até a próxima sexta (15), nos campi de Vitória da Conquista, Itapetinga e Jequié. A paralisação foi decretada pela categoria em assembleia na última sexta-feira (7) e acontece no mesmo dia de retorno dos professores às aulas após greve.

Os funcionários técnico-administrativos já haviam parado as atividades na semana passada, na quarta-feira (5). De acordo com o Sindicato dos Servidores Técnico-Administrativos da Uesb, os trabalhadores pedem o reestabelecimento do pagamento do adicional de insalubridade, ampliação do quantitativo de vagas para promoção funcional e abertura de concursos públicos para o setor.

A categoria também reivindica o percentual de 7% da Receita Corrente Líquida (RCL) para os orçamentos das universidades estaduais e 1% da RCL para o Programa de Desenvolvimento e Capacitação dos técnico-administrativos. Os servidores ainda querem que seja encaminhada para a Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) o projeto de lei para criação de carreira. (Publicado por G1 Bahia / Editado por Tribuna do Recôncavo). (mais…)

Educadora indígena se destaca na Esplanada dos Ministérios

Quando assumiu a Diretoria de Políticas de Educação do Campo, Indígena e para as Relações Étnico-Raciais no Ministério da Educação, a potiguara Rita Gomes do Nascimento se tornou a primeira mulher indígena a ocupar uma diretoria na Esplanada dos Ministérios.

De acordo com a professora, a educação escolar indígena trabalha numa perspectiva de desenvolver uma educação diferenciada. “Educação para os índios nós temos desde a chegada dos jesuítas, que tinham escolas para índios. A educação para os índios visava a nossa integração na sociedade nacional, tudo era feito para que nós deixássemos de ser índios. Acreditamos que a educação escolar indígena contribui para que nos reafirmemos como indígenas”, disse.

De acordo com o censo do IBGE de 2010, a população indígena no Brasil supera 817 mil índios distribuídos em 305 etnias, que falam 274 línguas. No Censo da Educação Básica de 2014, foram registradas 3.130 escolas indígenas, que reúnem 239.665 alunos e mais de 18 mil professores.

Para fortalecer a educação escolar indígena, o MEC vem fomentando a formação de professores indígenas com o Programa de Apoio à Formação Superior e Licenciaturas Interculturais Indígenas, que forma os professores que já estão nas escolas indígenas para atuar nos anos finais do ensino fundamental e no ensino médio. De acordo com a professora Rita, 20 instituições de educação superior ofertam 23 cursos. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: ASCOM-MEC). (mais…)

Professores dão dicas de estudo para o Exame Nacional do Ensino Médio

Estudantes de todo o país vão fazer as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em outubro e estão se preparando para obter boas notas e encarar a disputa acirrada para garantir uma vaga na universidade.   O especialista em educação e CEO da Rede Educacional Alub, Alexandre Crispi, sugere que os estudantes façam uma planilha com o planejamento diário do estudo para organizar o fluxo.

Uma dica é resolver as provas do Enem dos últimos três anos e buscar na internet a correção comentada dos exames. “Isso ajuda o estudante a entender o grau de complexidade que vai encontrar na prova do Enem. E ele vai conseguir também organizar o tempo de resolução do exame.”

materia_livro - Copia

Ler revistas, jornais e assistir a noticiários na televisão é outro ponto importante para ter sucesso no Enem, alerta Crispi. Além de ser uma forma de preparo para a redação, questões envolvendo atualidades sempre estão presentes nas provas. “O estudante tem que estar mais ligado para ter base para fazer a redação. Ler revistas e jornais com atualidades”, recomenda.

Tão importante quanto ter uma jornada diária de estudos é reservar tempo para o descanso. “Quem corre muito, cansa”, diz Crispi. Ele aconselha os candidatos a estudar com constância, mas reservando em tempo para o descanso e as atividades físicas e de lazer. O professor destaca ainda a importância de dormir bem para o processo de aprendizado. “É preciso manter pelo menos seis horas diárias de sono, pois o sono é fundamental para a síntese do conhecimento.”

Na hora do estudo, concentração é palavra-chave, destaca o diretor de Ensino e Tecnologia Educacional do sistema Ari de Sá, Ademar Celedônio. Ele recomenda que o estudante evite estudar em casa, por ser um ambiente mais disperso, e procure, por exemplo, as bibliotecas.

USO-DE-CELUALR-PROIBIDO-EM-SALA-DE-AULA

Ficar longe do celular com internet e das redes sociais também é fundamental. “Hoje em dia, o smartphone é uma grande fonte de distração, assim como o WhatsApp e as demais redes sociais. O estudante precisa se concentrar, ter foco, ficar longe dos celulares, e o ambiente da biblioteca é adequado para estar em contato com os livros.”

Outra boa opção é estudar em grupo, indica Celedônio. É uma forma de se trocar conhecimento e discutir temas da atualidade. Ele alerta que o ideal é que sejam grupos pequenos, com no máximo três pessoas, para evitar distrações na rotina de estudo. (mais…)

Coelba abre inscrições para 31 vagas em programa de estágio

Estão abertas as inscrições para o Programa de Estágio 2015 da Coelba. Serão disponilizadas 31 vagas para estudantes que cursam nível superior. As inscrições para o programa devem ser efetuadas até o dia 28 de agosto. Além de Salvador, as vagas estão disponíveis para Feira de Santana, Barreiras, Guanambi, Juazeiro e Vitória da Conquista.

Os candidatos deverão possuir conhecimentos em inglês e pacote Office. Como pré-requisito, os estudantes de Administração, Comunicação Social, Direito, Economia e Engenharias devem estar, no mínimo, a quatro semestres da conclusão do curso em uma dessas graduações.

Após a inscrição, os candidatos deverão passar por provas online, dinâmicas de grupo e entrevistas individuais. Entre as características dos futuros estagiários, estão colaboração em equipe, comprometimento com resultados, perfil inovador e autoconfiança. A previsão é que os selecionados comecem o estágio em novembro.

A vigência do contrato dos estagiário será de até dois anos. Como benefícios, o contratado terá uma bolsa de valor compatível com a do mercado, além de auxílio transporte e vale alimentação e/ou refeição. (Reportagem G1 Bahia / Editado por Tribuna do Recôncavo)         Inscreva-se aqui !

Chega ao fim a greve nas universidades estaduais da Bahia

Os professores  das universidades baianas Uneb, Uesb, Uefs e Uesc decidiram, na manhã desta quinta-feira (6), encerrar a greve, após 86 dias de paralisação. A decisão aconteceu após a assinatura de um acordo entre os representantes das secretarias da Educação, Administração e Relações Institucionais e os dirigentes das Associações de Docentes das quatro universidades.

Em greve desde o último dia 13 de maio, o retorno das aulas será decidido por cada universidade em reunião que discutirá também o calendário letivo. A reunião dos docentes da Uneb acontecerá na manhã desta sexta-feira (7), na sede da instituição, no Cabula, segundo informou a assessoria da Associação dos Docentes da Universidade do Estado da Bahia (Aduneb). As aulas devem ser retomadas na segunda-feira (10).

No acordo, o Governo da Bahia se comprometeu a enviar um Projeto de Lei à Assembleia Legislativa revogando a Lei 7176/97 que, segundo os professores, interfere na autonomia da gestão universitária. Os professores pediam a extinção dessa lei há cerca de 18 anos.

O Governo vai encaminhar à Assembleia também um Projeto de Lei para garantir a efetivação do remanejamento do quadro de vagas por universidades. Assim, os processos de promoções podem começar ainda em 2015.  Além disso, foi acertada a devolução das cotas mensais do orçamento, retiradas por Rui Costa no primeiro trimestre de 2015. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: g1).

Aulas recomeçam na Uneb após 86 dias de paralisação

Os professores da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) voltaram às salas de aula nesta segunda-feira (10). O fim da paralisação foi anunciado na semana passada, depois que a categoria e representantes do governo assinaram termo de acordo, que prevê um orçamento sem cortes este ano e a implantação das promoções que estavam paradas.

De acordo com a pró-reitora da Uneb, todas as atividades são retomadas a partir desta segunda. “Nos cursos de graduação, todas iniciam hoje. Nos cursos de pós-gradação, os programas vão convocando os alunos paulatinamente para aquelas atividades que estiveram suspensas e isso também para os cursos de extensão”, informou Khatia Sales.

Até o momento, foram 49 dias de aulas em 2015. No entanto, pela lei, devem ser 100 dias em cada semestre. Com isso, faltam 51 dias para que o primeiro semestre do ano seja concluído, o que deve acontecer em outubro. As férias devem ocorrer no mês de janeiro. O calendário só vai ser divulgado depois da reunião do Conselho Superior de Ensino e Pesquisa, que deve ocorrer até a próxima semana.

A greve das estaduais: A paralisação foi iniciada no dia 13 de maio. De acordo com os professores, o governo do estado assinou acordo proposto pelos docentes. As assembleias dos professores das Universidades: Uneb, Uesb, Uefs e Uesc autorizaram, no dia 6 de agosto, os representantes das Associações Docentes a assinar o termo de acordo, informou o sindicato dos professores. (Publicado por G1 Bahia / Editado por Tribuna do Recôncavo).

(mais…)

Curso de corte e costura beneficia moradores de Elízio Medrado

A Prefeitura Municipal de Elísio Medrado através da Secretaria de Ação Social, deu início nesta segunda  feira (02/08), na Escola Ranulfo de Sousa Bittencourt, as aulas do Curso de Corte e Costura oferecido pelo Senac. A maioria dos professores que irão ministrar as aulas são profissionais da área do próprio município.

Os alunos terão aulas de Relação Sócio Profissionais e ambientais, Gestão Profissional, Noções de Segurança no Trabalho, Matemática Instrumental, Fundamentos de Moda, Modelagem Básica de Corte e Costura.

O Curso terá uma carga horária total de 200 horas com aulas de segunda a sexta, com final previsto para o dia 29 de outubro de 2015. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: criativaonline).

img_20150803_184150000

UFRB de Santo Antônio de Jesus poderá ter cursos noturnos

O novo reitor da UFRB (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia), Silvio Soglia, comentou a respeito dos avanços da universidade em Santo Antônio de Jesus com os cursos de Psicologia, Nutrição, Enfermagem e Medicina, todos na área de saúde.

A UFRB dispõe apenas de cursos durante o dia, o que tem gerado uma série de cobranças da população, principalmente dos trabalhadores do comercio que ficam impossibilitados de ingressar na faculdade, já que em determinados cursos o estudante fica praticamente o dia inteiro na faculdade.

Vale lembrar que nos campus de Amargosa, Cachoeira e Cruz das Almas já existem cursos no turno da noite. O reitor não deu previsão, mas deixou claro que a UFRB de Santo Antônio de Jesus terá cursos noturnos. (Hélio Alves/Tribuna do Recôncavo).

Professores da Uneb decidem manter greve após assembleia

Os professores da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) decidiram manter a greve, que começou no dia 13 de maio. Durante assembleia realizada na tarde de segunda-feira (3), os docentes informaram que a situação só deverá ser negociada após a assinatura do termo de acordo pelo Governo do Estado. A próxima reunião com o governo está pré-agendada para esta quinta-feira (6).

De acordo com a Associação dos Docentes da Universidade do Estado da Bahia (Aduneb), quando o termo de acordo for assinado pelo governo, a greve será dada por encerrada. As outras três universidades estaduais que também estão em greve – Uefs, Uesb e Uesc – farão assembleias gerais nesta quarta-feira (4) para decidir os rumos do movimento.

A categoria exige a garantia do orçamento deste ano sem cortes, a devolução dos cortes financeiros que foram feitos no primeiro trimestre, a revogação da Lei 7176/97, e a implantação de todas as promoções, progressões e mudanças de regime de trabalho, que, segundo o sindicato, estavam represadas desde 2012. (Editado por Tribuna do Recôncavo com informações do *Correio)

(mais…)

Conheça as novas regras para o FIES 2015; as inscrições começaram nesta segunda

Começaram nesta segunda-feira (3) as inscrições para o Fies. Ao todo, serão ofertadas 61 mil vagas. O período de inscrição vai até o dia 6, pela internet. A partir desta edição, passam a valer as novas regras do Fies. Os juros passarão dos atuais 3,4% para 6,5% e os estudantes pagarão parte da mensalidade, de acordo com a renda. Como contrapartida, os participantes do Fies terão um desconto de 5% nas mensalidades.

Para concorrer, os estudantes precisam ter tirado pelo menos 450 pontos na média das provas do Enem. São aceitas todas as edições do Enem a partir de 2010. O candidato também tem que ter tirado nota maior que 0 na redação. Além disso, precisa ter renda familiar por pessoa de até 2,5 salários mínimos por mês, ou seja, R$ 1.970.

Com as novas normas, os financiamentos não serão concedidos por ordem de inscrição, mas por concorrência. Dessa forma, os candidatos não precisam ter pressa para acessar o sistema. O resultado da pré-seleção será divulgado no dia 10 de agosto, em chamada única.

Os estudantes pré-selecionados deverão concluir a inscrição na internet e completar o processo no estabelecimento de ensino e na instituição financeira. Quem não for pré-selecionado passa a integrar a lista de espera.

Confira aqui mais detalhes sobre o aditamento (renovação do FIES). (mais…)

UFRB realiza transmissão de cargo de Reitor e posse da Vice-Reitora

A UFRB (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia), que está comemorando 10 anos de sua fundação, realizou nesta sexta-feira (31/07) às 15h, a cerimônia de transmissão do cargo de Reitor, do professor Paulo Gabriel Nacif  para o professor Silvio de Oliveira Soglia e posse da Vice-Reitora Georgina Gonçalves dos Santos.

O novo reitor foi nomeado pelo decreto de 1º de julho de 2015, publicado no Diário Oficial da União, para exercer o cargo no quadriênio 2015 – 2019. A cerimônia aconteceu no Anfiteatro da Reitoria, localizado no campus de Cruz das Almas e contou com a presença de vários políticos e autoridades da Bahia.

O prefeito de Santo Antônio de Jesus Humberto Leite esteve presente a cerimônia de posse juntamente com o vereador Chico de Dega, as secretárias de educação e cultura Ely Meire Bitencourt e Zeliane Santos. Os assessores Gildásio Cavalcante e Abílio Neto também marcaram presença. (Tribuna do Recôncavo | Redação: Infosaj).

ufrb1

UFRB completou 10 anos de criação nesta semana

Texto alternativoLegenda

10 anos de história. Esta é a marca que a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) alcançou na última quarta-feira, dia 29 de julho de 2015. Criada a partir da Lei Nº 11.151, a primeira universidade federal do interior da Bahia já nasceu grande: com cinco centros de ensino em quatro cidades do Estado: Amargosa, Cachoeira, Cruz das Almas e Santo Antonio de Jesus. Um resultado da ampla mobilização da sociedade baiana e em especial da população do Recôncavo.

Os números da evolução da UFRB surpreendem. Sua trajetória é marcada por conquistas no Ensino, na Pesquisa, na Extensão e, principalmente, vem ganhando destaque no cenário nacional pela sua política de Inclusão Social, sendo a primeira universidade do país a ter uma Pró-Reitoria de Políticas Afirmativas. Foi o sucesso do programa de inclusão da UFRB, que teve início já no primeiro ano da universidade, que levou o ex-reitor Paulo Gabriel Soledade Nacif a assumir em 2015 a Secretaria de Alfabetização, Educação Continuada, Diversidade e Inclusão (SECADI) do Ministério da Educação (MEC).

“Não tenho dúvidas que hoje, todos, mesmo aqueles que se colocaram sistematicamente contrários a qualquer expansão, consideram que os campi e centros da UFRB, com suas conquistas e desafios, constituem-se em patrimônios inestimáveis para o Recôncavo e para o Brasil”, disse Nacif, em sua mensagem de despedida, após ter ocupado o cargo de reitor pro tempore e ter sido eleito reitor por duas vezes consecutivas desde a criação da universidade.

Para a estudante de Psicologia e integrante da gestão do Coletivo Central de Estudantes (CCE), Alanie Ramos, os discentes dispõem de um sentimento de pertencimento. “Uma característica forte da UFRB é o seu compromisso com a comunidade do Recôncavo. Nossos processos de aproximação com a lógica acadêmica se dão em imersão na cultura e nas referências do lugar, isso é a prova do respeito da instituição pela comunidade do entorno. Eu me orgulho profundamente de fazer parte dessa história. A UFRB é sem dúvidas a minha segunda casa”, conta.

A universidade já conta com 16 convênios internacionais e mais de 130 grupos de pesquisa, sendo premiada pela inserção de egressos do Programa de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) na pós-graduação. Foi a primeira instituição de ensino superior da Bahia a ganhar em 2013 o Prêmio Destaque do Ano na Iniciação Científica e Tecnológica, categoria Mérito Institucional, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e mantém pelo 4º ano consecutivo a nota 4 no Índice Geral de Cursos (IGC), pontuação que a coloca entre as melhores do Brasil.

O técnico-administrativo, ex-militante do movimento estudantil e membro da seção local do sindicato de sua categoria, Elielson Aquino, também destaca o impacto da UFRB na interiorização do ensino superior. “Nestes 10 anos da UFRB, aqueles que tiveram oportunidade de acompanhar seu crescimento, reconhecem que ela representa a possibilidade de mais acesso ao ensino superior para a população do interior de nosso Estado, que tanto sofreu com a falta de instituições deste tipo”, disse.
(Reportagem: AmargosaNews/ Editado por Tribuna do Recôncavo).

Voltar à página inicial