Itapé: Vice-prefeito desmente Fake News sobre rompimento de barragem

Itapé: Vice-prefeito desmente Fake News sobre rompimento de barragem - itape, bahiaFoto: Reprodução/ Vídeo - Redes Sociais

Uma fake new sobre o rompimento de uma barragem no município de Itapé, no sul da Bahia, causou pânico, nesta terça-feira, dia 28, em moradores ribeirinhos e na população de Itabuna, cidade que fica a cerca de 30 quilômetros do local.

A notícia falsa gerou um caos em Itabuna e um longo congestionamento tomou conta das ruas. Em um vídeo registrado por moradores, é possível ver longas filas de veículos que se formaram no local. Além disso, algumas pessoas aparecem correndo assustadas.

Para desmentir a informação que circulava em grupos de mensagens na internet, o vice-prefeito de Itapé, André Jatobá, gravou um vídeo na própria barragem. “O nível do rio está elevado, a barragem está sangrando, mas está tudo sob controle”, afirmou. “A água baixou, já dá para ver nossa ponte. É uma fake news, fiquem tranquilos”, disse.

G1/ Bahia

Bahia registra 4 mortes por coronavírus nesta terça; já são 26 óbitos no estado

A Bahia registrou nesta terça-feira, dia 14, 26 mortes por coronavirus. O 26º óbito é de uma mulher de 62 anos com histórico de cirrose, hepatite B e cardiopatia. Ela morava em Itapé, no litoral sul, estava internada em um hospital público de Ilhéus desde 3 de abril e morreu na última sexta-feira, dia 10. O resultado confirmatório foi divulgado no dia 12, mas a investigação epidemiológica foi concluída nesta terça, dia 14.

O 25º óbito ocorreu em 10 de abril e refere-se a uma mulher de 84 anos residente na capital baiana, com histórico de hipertensão, dislipidemia e tuberculose pleural, que estava internada em um hospital público em Salvador. O resultado laboratorial confirmando o diagnóstico positivo de Covid-19 foi divulgado em 11 de abril e a investigação epidemiológica concluiu a análise nesta terça (14).​

O 23º óbito foi de uma paciente de 82 anos, residente em Belmonte, que estava internada em um hospital de Porto Seguro, desde o dia 4 de abril, e veio a óbito nesta terça-feira (14). A paciente era portadora de diabetes e hipertensão arterial.

O 24º óbito foi de uma mulher de 95 anos, residente em Salvador, que era portadora de diabetes, doença cardiovascular crônica e doença neurológica crônica. Ela estava internada desde o último dia 11, em um hospital da capital e veio a óbito no último domingo (12).​

Redação: Tribuna do Recôncavo | Informações: SESAB