MEC tira “identidade de gênero” e “orientação sexual” do curriculo

Sem alarde, o Ministério da Educação alterou o texto da nova versão da base nacional curricular e retirou todas as menções às expressões “identidade de gênero” e “orientação sexual”. O recuo ocorreu após divulgar a jornalistas uma versão prévia do documento que servirá como referência sobre o que deve ser ensinado em todas as escolas públicas e privadas do país. A mudança aparece em versão atualizada do documento divulgada na tarde desta quinta-feira (06), no site oficial da base.

Uma versão anterior, onde as expressões ainda apareciam, havia sido divulgada com embargo a jornalistas na terça (04). Com a alteração, ao menos três trechos da proposta final da base, entregue oficialmente nesta quinta ao Conselho Nacional de Educação, excluíram a referência inicial à necessidade de respeito à “identidade de gênero” e “orientação sexual”. A primeira mudança aparece em um capítulo que fala sobre a importância da base para que o país tenha “equidade” e “igualdade” no ensino.

Dizia o trecho do documento inicial, na página 11: “A equidade requer que a instituição escolar seja deliberadamente aberta à pluralidade e à diversidade, e que a experiência escolar seja acessível, eficaz e agradável para todos, sem exceção, independentemente de aparência, etnia, religião, sexo, identidade de gênero, orientação sexual ou quaisquer outros atributos, garantindo que todos possam aprender.” (mais…)

Antecipação da alfabetização na base curricular levanta debate sobre o ensino infantil

A antecipação da idade prevista para que as crianças brasileiras estejam plenamente alfabetizadas em todas as escolas brasileiras, anunciada junto com a terceira versão da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) pelo Ministério da Educação nesta quinta-feira (6), levantou um debate sobre como o Brasil deve formar seus estudantes na primeira infância.

Até a segunda versão da Base, a idade considerada “certa” para a alfabetização plena era por volta dos oito anos, durante o 3º ano do ensino fundamental. Na terceira versão, esse cronograma foi antecipado para os sete anos, quando as crianças estão matriculadas no 2º ano do fundamental.

A mudança vai exigir mudanças em pelo menos 146 mil escolas públicas, onde estudam 7,5 milhões de alunos de 6 a 8 anos, além das pré-escolas, para alunos de 4 e 5 anos. (mais…)

Bahia não bate metas de 2015 para a educação

O cenário de educação na Bahia segue fora dos trilhos. Abaixo da média brasileira em todos as metas propostas pelo movimento Todos Pela Educação (TPE), o estado tem cerca de 211 mil crianças e adolescentes fora da escola e apenas 47% de jovens conseguem concluir o ensino médio. Atualmente, 94% dos baianos de 4 a 17 anos estão na rede de ensino. Para chegar à meta de 100% em 2022, o índice deveria ter chegado a pelo menos 96,2% em 2015.

De acordo com o estudo, que analisou dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad) de 2015, demonstra ainda que o acesso à escola até melhorou nos últimos dez anos, mas a qualidade ainda deixa a desejar, o que afasta ainda mais os alunos com problemas sociais que não veem na conclusão do ensino uma oportunidade de vida melhor.

No cenário nacional, o país também conseguiu aumentar o acesso de parcelas mais vulneráveis da população à escola. De 2005 a 2015, o acesso daqueles que têm de 4 a 17 anos aumentou principalmente entre a população parda e negra, entre os de baixa renda e moradores do campo. Os avanços foram maiores do que os registrados entre brancos, ricos e moradores da zona urbana. Mas os especialistas do Todos Pela Educação chamam a atenção para o número de crianças e adolescentes fora da escola. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: Bahia.ba)

UFRB prorroga até esta quarta (05) as inscrições para os editais do PIBIC, PIBIC AF e PIBITI

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio de sua Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação, Criação e Inovação (PPGCI), prorroga o prazo dos editais do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica (PIBIC e PIBIC AF) e do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI) 2017-2018. As propostas podem ser apresentadas até às 23h59min do dia 05 de abril, por meio do sistema online.

A submissão dos projetos deve ser realizada pelo orientador. Os documentos exigidos estão listados nos editais, conforme os modelos disponíveis no endereço www.ufrb.edu.br/pibic. Os programas concederão bolsas com duração de 12 meses, podendo se candidatar os discentes regulares dos cursos de graduação da UFRB. Estas bolsas terão início em 1º de agosto de 2017 e término em 31 de julho de 2018.

As bolsas serão distribuídas por Centro de Ensino, em função do número de projetos apresentados e aprovados. O resultado do julgamento das propostas será divulgado até o dia 10 de maio no site do PIBIC da UFRB. (mais…)

Estado inicia recadastramento de inativos da Educação

Está em curso a terceira etapa do recadastramento da Previdência Estadual, que irá contemplar 54.855 servidores inativos da Secretaria da Educação (SEC). O grupo será convocado a regularizar seus dados funcionais por meio de escalonamento, programado para os meses de abril a junho.

Devem se recadastrar inativos da capital e interior, de acordo com as letras iniciais de seus nomes: para o mês de abril, serão convocados servidores cujos nomes iniciem com as letras de A a I; em maio, será a vez dos aposentados com iniciais de J a M; por último, no mês de junho, serão recadastrados servidores inativos das iniciais de N a Z.

O recadastramento pode ser feito em uma das 59 unidades de atendimento do Ceprev da capital e interior, localizadas nos postos SAC e nos Pontos Cidadão. Os inativos devem apresentar os originais da carteira de identidade (ou outro documento de identificação oficial), com foto atual e em bom estado de conservação; CPF e comprovante de endereço, como contas de água, luz ou telefone. (Bahia.ba)

MEC vai divulgar nesta quinta a terceira versão da Base Nacional Comum Curricular (BNCC)

O Ministério da Educação vai divulgar, nesta quinta-feira (6), a terceira versão da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), o primeiro documento do Brasil que vai servir como base obrigatória para a elaboração dos currículos das escolas públicas e privadas do ensino infantil e fundamental.

Além de atrasada, já que a previsão inicial era de que a BNCC fosse homologada em junho de 2016, a Base será fatiada. O texto a ser apresentado se refere apenas aos anos escolares do ensino infantil e do fundamental. O MEC diz que pretende finalizar a terceira versão da Base do ensino médio no segundo semestre.

De acordo com o MEC, o documento deve ser apresentado ao público a partir das 11h desta quinta, durante um evento em Brasília. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: G1)

Professores e alunos do Olavo Galvão fazem manifestação durante visita do governador em SAJ

Na última sexta-feira (31) durante a visita do governador Rui Costa em Santo Antônio de Jesus, professores e alunos do Colégio Estadual Antônio Olavo Galvão realizaram uma manifestação contra a desativação do Colégio e o remanejamento de alunos e docentes para o Colégio Municipal Luís Viana.

Em entrevista à Rádio Clube, professores e alunos assinalaram que a desativação do Colégio prejudicará muita gente, pois, toda a comunidade escolar está com o destino incerto. Além disso, eles alegam que o Colégio foi projetado para atender um público específico (jovens e adultos), logo, uma escola que atende o Ensino Fundamental não está preparada para atender a demanda, especialmente porque a estrutura física não é apropriada para receber os alunos que serão remanejados.

O professor, Ednaldo Oliveira, informou que aproveitaram a visita do governador para solicitar que ele interceda para que o Colégio não seja desativado. Segundo ele, até o momento eles não receberam uma justificativa razoável para que ocorra essa desativação.

Para o professsor Eliezer Geraldo, essa desativação do Colégio vai causar prejuízos aos alunos, professores e a sociedade, pois, muitos alunos já falaram da possibilidade de abandonar os estudos. “Recebemos informações de que a estrutura do Luís Viana não está funcionando a contento, então, a gente sairia de uma estrutura que está funcionando plenamente bem para uma que não está”, assinalou.

O aluno Leandro de Jesus manifestou sua revolta: “Nós somos jovens e adultos que trabalhamos o dia todo e não temos como estudar durante o dia e de uma hora para outra chega essa notícia. Como vamos ficar? Sem estudar não temos uma direção certa para nossas vidas. Nos reunimos aqui para mostrar para o governador que não queremos parar de estudar. Não queremos o fim da escola. Tem pessoas que há 9 anos estavam sem estudar e agora que voltaram a escola vai fechar. Isso não tem cabimento”, destacou.

(Reportagem Tiago Ferreira | Foto Uanderson Alves | Redação Maíra Oliveira/Tribuna do Recôncavo) (mais…)

MEC extingue programa Ciências sem Fronteiras

O programa Ciências sem Fronteiras, que pagava cursos de graduação para estudantes no exterior acaba de chegar ao fim. O Ministério da Educação (MEC) teria avaliado que o programa não trouxe resultados satisfatórios.

Um dos pontos considerados para por fim ao Ciências sem Fronteiras foi a deficiência dos estudantes na língua inglesa. Além disso, para o MEC, faltavam diretizes claras para definir o perfil do estudante que deveria ser beneficiado com o programa.

Os recursos disponibilizados também foram avaliados. Com o que seria gasto para o enviar 30 mil estudantes ao exterior, seria possível pagar a merenda escolar para 40 milhões de alunos do ensino básico.

No ano de 2015, o programa gastou R$ 3,2 bilhões com o envio de estudantes a universidades americanas e europeias. As bolsas de pós-graduação não serão afetadas e permanecerão como eram antes. (O Globo)

Programa Mais Futuro prorroga inscrições

O Governo do Estado prorrogou até as 23h59 deste domingo (2) o prazo para  inscrição no Programa Mais Futuro, que se encerraria nesta sexta-feira (31). A decisão foi anunciada pelo governador Rui Costa por meio de sua página oficial no Facebook. O programa é voltado para estudantes das universidades estaduais da Bahia (Uesc, Uefs, Uneb e Uesc) em condições de vulnerabilidade socioeconômica.

São oferecidos estágio e auxílio permanência para estudantes de baixa renda participantes do CadÚnico. O auxílio varia de R$ 300 a R$ 600 mensais. O primeiro valor é destinado a universitários que estudam a até 100 quilômetros da sua cidade de origem.

Já o segundo é para aqueles que moram em cidades a mais de 100 quilômetros de distância do campus onde estão matriculados. Estando dentro do perfil do programa, o estudante poderá receber o auxílio desde o primeiro semestre até completar dois terços do curso. (mais…)

Alunos da UNEB promovem “Exposição Heroínas Negras do Brasil” em Santo Antônio de Jesus

Na última quinta-feira (30/03), aconteceu a 1ª Exposição Heroínas Negras do Brasil na Praça Padre Mateus em Santo Antônio de Jesus, realizada pelos alunos do curso de Letras, Língua Portuguesa e Literaturas da Universidade do Estado da Bahia – Campus V (UNEB). O objetivo da exposição foi que as pessoas conhecessem histórias de mulheres negras que realizaram feitos heroicos, mas que são silenciadas pela História oficial. O portal Tribuna do Recôncavo prestigiou o evento e conversou com algumas das organizadoras.

Uma das entrevistas foi Jaciane Santana, aluna do VI semestre do curso que contou como surgiu a ideia da exposição e como foi a preparação. De acordo com ela, a ideia surgiu no componente Literatura e relações étnicos raciais, ministrado pela professora Suely Santana. “A princípio tínhamos a ideia da exposição ficar apenas na UNEB, mas achamos que seria mais viável que essa exposição saísse dos muros da Universidade e viesse para a comunidade, para que as pessoas prestigiassem.”

Outra aluna entrevistada foi Isadora Silva, aluna do II semestre do mesmo curso. Segundo ela, a exposição foi desenvolvida a partir dos cordéis de Jarid Arraes, uma escritora negra, cearense e feminista que produz cordéis que desconstroem estereótipos. “Nós produzimos banners com imagens e biografia dessas mulheres para que se conheça não só o perfil físico, mas também o perfil histórico.” Além disso, ela falou sobre a participação da comunidade. “As pessoas foram chegando e nós íamos apresentando. Alguns alunos das escolas também participaram”, contou. (mais…)

SAJ: IFBA abre inscrições para 25 vagas gratuitas em curso de fotografia

O IFBA, campus de Santo Antônio de Jesus informa que estão abertas as inscrições para o Curso Básico de Fotografia a partir desta quinta-feira, 30 de março até o dia 04 de abril. Para participar é necessário ser maior de 18 anos, possuir o Ensino Fundamental II completo e ter disponibilidade de tempo para atender às exigências do curso.

O Curso Básico de Fotografia é parte integrante do Projeto Tecendo Histórias e traz a imagem fotográfica como uma nova forma de representar o cotidiano de Santo Antônio de Jesus.

As aulas acontecerão no período de 12 de abril a 09 de junho de 2017, com encontros presenciais sempre às quartas e sextas-feiras, das 08h às 12h, no IFBA. O curso terá uma carga horária de 60 horas e fornecerá certificado ao concluinte que tenha, no mínimo, 60% de aproveitamento acadêmico e 75% de frequência. Inscreva-se Aqui: (Ascom)

Santo Antônio de Jesus: Pais reivindicam volta de ex-diretora de creche

Na manhã desta segunda-feira (27) aconteceu uma manifestação em frente à Creche Asa São José, no bairro Renato Machado, conhecido como Alto Santo Antônio. A creche atende crianças dos 9 meses aos 4 anos de idade e é mantida pelo NISSA, mas a Prefeitura que é responsável pelos funcionários.

A manifestação foi organizada por pais de alunos que reivindicam a volta da antiga diretora, a Sr. Márcia que, de acordo com os pais desenvolveu um excelente trabalho na unidade. A diretora que há 4 anos trabalha na creche foi substituída, entretanto, os pais não aceitaram a mudança e se mobilizaram. Na ocasião, o portal Tribuna do Recôncavo ouviu alguns manifestantes.

Uma das pessoas ouvidas foi a senhora Patrícia da Silva. “Márcia é uma diretora que tem desenvolvido um bom trabalho aqui no Alto, não só como profissional, mas como amiga.” Outra pessoa ouvida pelo portal foi a senhora Nilzete de Jesus, para ela, “o trabalho de Márcia é maravilhoso. Não é só uma diretora é uma mãe.”

Os manifestantes solicitam que a Prefeitura Municipal e a Secretaria de Educação atendam as reivindicações. (Maíra Oliveira/Tribuna do Recôncavo)

Idoso de 81 anos conclui 3° curso superior em Salvador, após se aposentar

Morador de Salvador, Valter Ferreira, de 81 anos, é um exemplo e tanto de que baiano preguiçoso é lenda. Ele concluiu a terceira graduação no ensino superior, em Direito, tendo iniciado o curso após se aposentar. O idoso colou grau na noite desta sexta-feira (24), cheio de animação e entusiasmo. Ele já era formado em Turismo e Metodologia de Ensino.

Valter Ferreira trabalhou como servidor público até os 52 anos. Aposentado, ele resolveu se dedicar aos estudos e, ao longo de 29 anos, concluiu três graduações. Em entrevista ao G1, o homem contou que estudar sempre foi um de seus hobbys preferidos. “Eu sempre gostei de estudar. E gosto mesmo. Faço com que todo o pessoal da minha família estude. Eu estudava em uma base de 4h a 5h. Às vezes, eu chegava da faculdade às 22h, 22h30. Eu não ia dormir, eu ia estudar, até umas 2h da manhã”, contou.

Durante a cerimônia de formatura em Direito, filhas e netas do idoso se emocionaram mais uma vez com sua força de vontade. Uma das filhas o acompanhou até o palco para a entrega do canudo. As netas falaram sobre como é tê-lo como exemplo de vida. “Que homem poderoso. Ninguém diz que ele tem 81 anos”, refletiu Bárbara Almeida, uma das netas. (mais…)

Rui regulamenta Bolsa Permanência e nome social na administração pública

O governador Rui Costa regulamentou, nesta sexta-feira (24), a lei que instituiu a Bolsa de Estímulo à permanência em atividade de classe para os professores do Magistério Público do Ensino Fundamental e Médio, da rede estadual de ensino. A bolsa é uma maneira de tentar manter o professor aposentado em sala de aula.

Segundo a lei, para entrar no projeto, o professor tem de ter completado as exigências para aposentadoria voluntária, encontrar-se lotado em unidade escola, ter optado por permanecer em efetiva regência de classe, ter desempenho individual satisfatório aferido pelo chefe imediato, comprovado mediante Certidão de Desempenho Individual e não possuir em seu registro funcional mais de seis faltas injustificadas no ano letivo imediatamente anterior ao do início da percepção da vantagem.

Segundo o texto, a Bolsa de Estímulo poderá ser revogada um ano após sua concessão ou prorrogação, e não será incorporada aos vencimentos ou aos proventos da inatividade, bem como não servirá de base de cálculo para contribuição previdenciária ou quaisquer outras vantagens, inclusive para fins de cálculo dos proventos da aposentadoria e das pensões. (mais…)

Livros didáticos são encontrados no chão de centro de reciclagem no ES

Imagens mostram centenas de livros didáticos, sendo alguns lacrados, jogados no chão do Centro de Reciclagem de Marechal Floriano, na região Serrana do Espírito Santo.

Há livros de matemática, história e outras disciplinas, em bom estado de conservação e que poderiam ser usados em pesquisas, atividades em grupo, mas foram descartados.

A secretária de Educação de Marechal Floriano, Edia Klipper, explicou que são livros doados por várias editoras como propaganda, para escolher de qual será usado. Os que não são escolhidos são doados e oferecidos para as escolas e bibliotecas que queiram, mas os que sobram são descartados e encaminhados para reciclagem.

Edia reforçou que não tem nenhum custo para o município, mas vai investigar se algum livro que ainda poderia ser usado em escolas de Marechal foi descartado incorretamente. (Bahia.ba)

Servidores administrativos da UEFS protestam e aulas são suspensas

Em protesto, servidores administrativos da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), no centro norte baiano, impediram a realização das aulas na Instituição na manhã desta quarta-feira (22).

Os trabalhadores, que estão com atividades paralisadas desde a segunda-feira (20), fecharam os portões da universidade e não permitiram a entrada dos estudantes.

A categoria protesta contra a reforma da Previdência do governo federal. Segundo o sindicato da categoria, a paralisação segue até esta sexta-feira (24). (Bahia.ba)

Voltar à página inicial