Cebola roxa volta a apresentar alta de preço na Bahia

Cebola roxa volta a apresentar alta de preço na Bahia - vale-do-jiquirica, economia

Ficou mais caro preparar uma salada a base de cebola, ingrediente tão comum na culinária. Em Jaguaquara, no Vale do Jiquiriçá, um dos principais centros de distribuição e comercialização de produtos hortifrutigranjeiros do Estado, a cebola voltou a apresentar alta no preço.

Nesta quarta-feira (09/03), conforme informações da gerência comercial do órgão, o saco da cebola roxa chegou a R$ 99 reais, preço considerado alto e que vem refletindo nas férias livres e nos supermercados, levando o consumidor a pagar mais caro pelo  produto. Já a cebola branca, está custando R$ 55 reais, o saco com 20 kg.

O tomate, outro produto que lidera a comercialização na Ceasa, e que chegou a ser o vilão dos preços altos em janeiro, com a caixa de 24 Kg sendo vendida por R$ 12,00, agora é encontrado por até R$ 14,00. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: Marcos Frahm) (mais…)

Apostador acerta sozinho e leva R$ 35 milhões da mega-sena acumulada

Apostador acerta sozinho e leva R$ 35 milhões da mega-sena acumulada - economia, brasil

Uma aposta de Minas Gerais, da cidade de Ipuiuna, acertou as seis dezenas do concurso 1.793 da Mega-Sena e levou o prêmio de R$ 35.196.529,96. O sorteio foi realizado nesta quarta-feira (24) em Caxias do Sul (RS), na Festa da Uva. As dezenas sorteadas foram 13 – 14 – 22 – 54 – 56 – 58. O prêmio acumulado para o próximo sorteio, a ser realizado no sábado (27), é estimado em R$ 3 milhões. A quina teve 80 apostas ganhadoras, que vão levar R$ 37.673,26 cada uma. Outras 5.158 apostas acertaram a quadra e vão levar R$ 834,72 cada uma. (G1) (mais…)

Empresa realiza feirão de imóveis e veículos na cidade de São Felipe

Empresa realiza feirão de imóveis e veículos na cidade de São Felipe - sao-felipe, noticias, economia

A RECON Consórcio Nacional para compras de imóveis e veículos em Lauro de Freitas, Região Metropolitana de Salvador, esteve realizando na cidade de São Felipe, no Recôncavo Baiano, nesta quarta-feira (24/02), o feirão de imóveis e veículos, onde estiverem liberando crédito para a população que tivesse interesse em comprar seu imóvel ou veículo, com parcelas para imóveis a partir R$ 342,93 e parcelas para automóveis a partir de R$ 107,50, podendo dividir em até 180 vezes.

Em entrevista concedida ao Portal Tribuna do Recôncavo, o consultor de vendas da empresa Hugo Marques, contou que estão a três meses realizando esse feirão em algumas cidades do estado da Bahia. “Já passamos por Terra Nova, Amélia Rodrigues, Berimbau, Cruz das Almas e hoje estamos aqui em São Felipe”, contou.

Ainda de acordo com Hugo, o propósito deles terem vindo para São Felipe é trazer desenvolvimento para a cidade. “Viemos para cá pelo fato da cidade ter um comércio forte, e também pela necessidade de mais e mais desenvolvimento da cidade e das localidades próximas”, afirmou o consultor de vendas da RECON.

Para as pessoas que queiram realizar o sonho de ter seu veículo e também a sua casa própria, podem está entrando em contato com a consultoria de vendas da RECON pelo Whatsapp (71) 9.8650-8277, (71) 9.8187-2493 ou também pelo site: (www.consorciorecon.com.br), mas para isso é necessário os seguintes documentos RG, CPF e comprovante de residência. Lembrando que no financiamento o cliente vai esperar a aprovação do crédito e se for pelo consórcio já sai com o crédito aprovado, sendo necessário aguardar a liberação do crédito. (Reportagem e redação: Tribuna do Recôncavo)Empresa realiza feirão de imóveis e veículos na cidade de São Felipe - sao-felipe, noticias, economia (mais…)

Ceasa de Jaguaquara registra oscilação na cotação; tomate tem queda após liderar alta

Ceasa de Jaguaquara registra oscilação na cotação; tomate tem queda após liderar alta - vale-do-jiquirica, economia

Produto considerado vilão da inflação no mês de janeiro, e carro chefe na comercialização do Mercado Produtor Ceasa de Jaguaquara, um dos principais centros de abastecimento do Estado, o tomate voltou a apresentar variações de preços nas últimas semanas.

Em Janeiro, o produto era comercializado a R$ 120,00, a caixa com 24 kg, valor inferior ao verificado na primeira semana de fevereiro, quando o tomate já custava R$ 80,00. Nesta quarta-feira (17/2), o preço já é outro: R$ 35,00, a caixa. De acordo com a gerente da Ceasa, Mara Freitas, após o período de chuvas, agora, a temperatura tem favorecido a produção e a oferta do produto é maior, situação que reflete ao Mercado Produtor, com oscilação no preço e sobra de produtos.

Ainda segundo Mara, a oferta vem aumentando significativamente e o preço tende a cair ainda mais. Ela assegura que a baixa nos preços do tomate pode puxar outros produtos, que também deverão apresentar queda. (Marcos Frahm) (mais…)

Bandeira tarifária fica amarela e cai de R$ 3 para R$ 1,50 a partir de março

Bandeira tarifária fica amarela e cai de R$ 3 para R$ 1,50 a partir de março - economia

O ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, anunciou nesta quarta-feira (3) que, a partir de 1º de março, a cobrança extra da bandeira tarifária, nas contas de luz, vai cair dos atuais R$ 3, da bandeira vermelha, para R$ 1,50, da bandeira amarela.

Essa é a primeira vez desde a entrada em vigor do sistema, em janeiro de 2015, que a bandeira sai do vermelho, que indica que o custo da produção da energia no país está muito alto, para amarelo, que indica melhora nessa situação. Pela regra, a bandeira amarela entra em vigor quando as termelétricas em operação no país têm custo de produção de até R$ 422,56 para cada megawatt-hora (MWh) produzido.

O sistema ainda prevê a bandeira verde, que significa que a situação no setor elétrico está normal e não há necessidade de cobrança adicional nas contas de luz. Braga disse que existe a possiblidade de o rebaixamento para a bandeira verde acontecer em abril, o que implicaria em nova redução das tarifas de eletricidade.

Ao longo de fevereiro, continua valendo a bandeira vermelha patamar 1, com cobrança de R$ 3 para cada 100 kWh consumidos. (Correio da Bahia)

Mega-Sena pode pagar R$ 3 milhões neste sábado

Mega-Sena pode pagar R$ 3 milhões neste sábado - economia

O sorteio do concurso 1.788 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas neste sábado (6). O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) no Espaço CAIXA Loterias, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo (SP).

De acordo com a Caixa Econômica Federal (CEF), se um apostador levar o prêmio sozinho e aplicá-lo integralmente na poupança, receberá cerca de R$ 19 mil por mês em rendimentos. Caso prefira, poderá adquirir 7 imóveis no valor de R$ 400 mil cada, ou 120 carros populares. (iparaiba.com) (mais…)

Mega-Sena deste sábado pode pagar R$ 18 milhões

Mega-Sena deste sábado pode pagar R$ 18 milhões - economia

O sorteio do concurso 1.790 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 18 milhões para quem acertar as seis dezenas neste sábado (13). O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) no Caminhão da Sorte da Caixa, na Praça da Glória, em Fortaleza.

De acordo com a Caixa Econômica Federal(CEF), se um apostador levar o prêmio sozinho e aplicá-lo integralmente na poupança, receberá cerca de R$ 114 mil por mês em rendimentos, o equivalente a R$ 3,8 mil por dia. Caso prefira, poderá adquirir 30 imóveis no valor de R$ 600 mil cada, ou 120 carros de luxo. (G1) (mais…)

Confira o resultado da Mega Sena deste sábado, 06/02

Confira o resultado da Mega Sena deste sábado, 06/02 - economia

O sorteio do concurso 1.788 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado (6), pode pagar um prêmio de R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorreu às 20h (horário de Brasília) no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo (SP). Veja as dezenas sorteadas: 03 – 13 – 42 – 45 – 56 – 59.

Até as 20h43, o rateio não havia sido divulgado pela Caixa Econômica Federal. Se um apostador levar o prêmio sozinho e aplicá-lo integralmente na poupança, receberá cerca de R$ 19 mil por mês em rendimentos. Caso prefira, poderá adquirir 7 imóveis no valor de R$ 400 mil cada, ou 120 carros populares.

Feriado de Carnaval: Não haverá sorteios nos dias 8 e 9 de fevereiro em decorrência do feriado de Carnaval. Na quarta-feira (10), a partir das 20h serão sorteados os concursos 1.789 da Mega-Sena, 4.005 da Quina, 1.462 da Dupla Sena, 1.321 da Lotofácil e 1.632 da Lotomania, além da extração 5048 da Loteria Federal (sorteio às 19h), de acordo com informações da CEF. (G1) (mais…)

Salário mínimo passa a valer R$ 880 a partir desta sexta; benefícios e serviços são reajustados

Salário mínimo passa a valer R$ 880 a partir desta sexta; benefícios e serviços são reajustados - economia

O reajuste do salário mínimo, que passará de R$ 788 para R$ 880 no primeiro dia do ano, também aumenta o valor de benefícios e serviços que usam o piso como referência. O aumento de R$ 92 (ou 11,6%) refletirá no:

Seguro-desemprego: O aumento do salário mínimo reajusta o valor do seguro-desemprego – cuja parcela mínima passa de R$ 788 para R$ 880.

Abono salarial: O benefício equivale a um salário mínimo vigente, ou seja, sobe de R$ 788 para R$ 880. O abono é pago anualmente aos trabalhadores que recebem remuneração mensal de até dois salários mínimos.

Contribuições ao INSS: Para as empregadas domésticas que recebem salário mínimo e que recolhem 8%, a contribuição passa de R$ 63,04 para R$ 70,40. A parte do patrão, que também contribui com 8% do salário, sobe para R$ 70,40. Se recolher as duas partes, pagará R$ 140,80. No caso de quem aderiu ao plano de contribuição simplificada (para donas de casa e estudantes, por exemplo), o recolhimento ao INSS, que era de R$ 86,68 (11% sobre o mínimo), passa para R$ 96,80.

Seguro-defeso: O seguro-defeso é um benefício de um salário mínimo pago para os pescadores que exercem atividade exclusiva e de forma artesanal. Tem direito ao benefício o pescador com registro de pelo menos um ano. O valor concedido nos períodos em que a pesca é proibida passa de R$ 788 para R$ 880.

Ações nos juizados: O reajuste do mínimo ainda afeta o teto permitido para se ajuizar uma ação. No Juizado Especial Federal, por exemplo, pode entrar com ação, sem advogado, quem tem valor a receber de até 60 salários mínimos. De R$ 47.280, o limite passa a ser de R$ 52.800. No Juizado Especial Cível, o valor das ações também é calculado com base no mínimo. Quem quiser entrar com ação que envolva até R$ 17.600 (ou 20 salários mínimos), sem advogado, está liberado. Em 2015, o teto é de R$ 15.760. (G1)

Comissão aprova Orçamento de 2016 e mantém Bolsa Família

Comissão aprova Orçamento de 2016 e mantém Bolsa Família - economia, brasil

A Comissão Mista de Orçamento (CMO) manteve a dotação de R$ 28,1 bilhões para o Bolsa Família em 2016.  O relator-geral do Orçamento, deputado Ricardo Barros (PP-PR), tinha proposto um corte de R$ 10 bilhões no repasse do programa social.

A manutenção da verba para o Bolsa Família foi possível após a Comissão Mista de Orçamento aprovar a redução de meta de superávit primário para pagar os juros da dívida pública – de R$ 43,8 bilhões para R$ 30,5.

O relatório final de Barros propõe cortes de custeio de 0,5% em relação ao texto original do Orçamento nos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, no Ministério Público da União e na Defensoria Pública da União.

Barros também propôs cortar em R$ 10,2 bilhões os gastos com o funcionalismo federal, mas sugeriu aumento de 5,6% nos investimentos, que subirão de R$ 134,5 bilhões para R$ 142 bilhões, para acomodar emendas apresentadas por parlamentares. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: Terra) (mais…)

Banco Central lança moeda comemorativa de Salvador no valor de R$5,00

Banco Central lança moeda comemorativa de Salvador no valor de R$5,00 - economia, brasil

O Banco Central lançou nesta quinta-feira (03/12) a moeda comemorativa da cidade de Salvador (BA) no valor de R$ 5 reais. A mesma apresenta, em um lado, o Elevador Lacerda, com vista para o Mercado Modelo na Cidade Baixa, enquanto no outro lado exibe a Baiana do Acarajé e seu tabuleiro.

Cunhada em prata, a moeda é parte da série numismática Cidades Patrimônio da Humanidade no Brasil, que já homenageou Brasília, Ouro Preto, Goiás, Diamantina e São Luís, todas agraciadas com o título da Unesco. Inicialmente serão cunhadas 3 mil moedas pela Casa da Moeda do Brasil, podendo alcançar a tiragem máxima de 10 mil unidades.

As moedas podem ser adquiridas pelo site do Banco do Brasil na internet, por meio de boleto bancário ou, no caso de correntistas da instituição, débito em conta. Na Bahia, as moedas estão à venda para pagamento em dinheiro em Salvador na Avenida Anita Garibaldi, 1211 – Ondina. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: Correios 24h) (mais…)

Salário Mínimo deverá ser reajustado a partir da próxima sexta-feira, 1º de janeiro

Salário Mínimo deverá ser reajustado a partir da próxima sexta-feira, 1º de janeiro - economia

A partir da próxima sexta-feira (1º), o valor do salário mínimo no Brasil deverá ser reajustado para R$ 871 reais. O aumento ainda depende de um decreto da presidente Dilma, mas se confirmado subirá R$ 83 em relação ao valor pago atualmente que é R$ 788 reais.

O valor proposto pela União era de R$ 865,50, mas foi aumentado pelos deputados devido à nova previsão da inflação (INPC), que deverá fechar 2015 em 10,37%. Com a confirmação do aumento do salário, os empregados já devem receber o pagamento com reajuste no mês de janeiro.

De acordo com o Banco Central, cerca de 30% dos trabalhadores brasileiros recebem um salário mínimo e mais da metade ganha de um a três salários. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: Bahia Notícias) (mais…)

Prazo para pagar primeira parcela do 13º termina nesta segunda, 30/11

Prazo para pagar primeira parcela do 13º termina nesta segunda, 30/11 - economia

Termina nesta segunda-feira (30/11) o prazo para que as empresas paguem aos seus funcionários o adiantamento da primeira parcela do 13º salário. A segunda parcela, por sua vez, precisa ser depositada na conta dos trabalhadores até o dia 18 de dezembro. Aqueles que pediram o adiantamento do 13º nas férias, contudo, não recebem a primeira parcela agora (pois já receberam), apenas a segunda. A primeira parte representa metade do salário que o funcionário ganha.

A primeira parcela tem como base a última remuneração do empregado. Já a segunda usa como referência o mês de dezembro. Em caso de empregados que recebem salários variáveis, por meio de comissões ou percentagens, o 13º deve perfazer a média anual de salários. Cabe ao empregador a decisão de pagar em uma ou duas parcelas. No caso de ser apenas em uma única vez, o pagamento deve ter sido feito até esta segunda.

O pagamento do 13° salário deve injetar R$ 173 bilhões na economia, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). O número de pessoas com direito ao benefício soma 84,4 milhões, dos quais 60,2% (50,8 milhões de pessoas) são empregados formais, sendo destes 2,3% empregados domésticos (1,9 milhões), e 38,6% (33,6 milhões) são aposentados ou pensionistas da Previdência Social. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: G1) (mais…)

Crise Nacional afeta feirantes em Santo Antonio de Jesus

Crise Nacional afeta feirantes em Santo Antonio de Jesus - tribuna-do-povo, saj, noticias, economia, destaque, bahia

Os produtores rurais e feirantes que comercializam produtos na feira livre de Santo Antonio de Jesus começaram sentir a crise financeira que atinge todos os setores da sociedade brasileira. Para a senhora Maria José, que comercializa verdura e tempero, após a crise nacional os feirantes estão tomando um grande prejuízo, pois muitos produtos apodrecem rápido, a exemplo do tomate e pimentão que são jogados fora quando não são vendidos.

“Quando o tomate tá no tempo dele dura até cinco dias, mas nesse período só dura 3 dias. Toda semana a gente perde mercadoria aqui na feira”, disse Maria.

Crise Nacional afeta feirantes em Santo Antonio de Jesus - tribuna-do-povo, saj, noticias, economia, destaque, bahiaA feirante Cleuza Alves vende pimenta e também está sofrendo os impactos da crise. “Depois que tiraram as topiques aqui da feira e agora com essa crise ninguém vende mais nada. A gente só vende o total de pagar os fornecedores”. Dona Cleuza comercializa pimentas malaguetinha, malaguetão, de cheiro, doce e saco de velho. Questionada pelo repórter Hélio Alves sobre o por quê do nome saco de velho, ela respondeu: “Chamamos assim por ser uma pimenta feia”, (risos).

No Mercado de Farinha a situação não é diferente. O senhor Humberto Rodrigues comercializa farinha há 24 anos e segundo ele, nunca houve uma crise como essa. “O movimento caiu 100%. A gente bota os políticos no poder, eles roubam, e o povo que paga por isso”. Segundo Humberto, a farinha copioba produzida no Recôncavo está custando R$ 4,00, mas tá em falta, a que vem de fora custa R2,50 e o pacote do beiju está sendo vendido por R$5,00. (Hélio Alves/Tribuna do Recôncavo)Crise Nacional afeta feirantes em Santo Antonio de Jesus - tribuna-do-povo, saj, noticias, economia, destaque, bahia (mais…)

Falta de chuva causa redução na produção do cacau na Bahia

Falta de chuva causa redução na produção do cacau na Bahia - economia

Na última semana as entradas de cacau de todas as regiões produtoras diminuíram. Segundo dados da TH Consultoria, a safra principal da Bahia sofreu perdas em várias regiões devido ao clima desfavorável, mas outras partes reportam que as colheitas aumentarão nas próximas semanas.

“As últimas previsões foram reduzidas  entre 1,0 e 1,2 milhão de sacas, mas estão sujeitas a novas revisões para baixo dependendo do retorno das chuvas. Informações recebidas do Pará indicam que as plantações de cacau naquele estado também começaram a sofrer com a falta de chuva”, diz o relatório.

Entre os dias 02/11 a 08/11 os recebimentos de cacau em amêndoas da Bahia, somaram 33.387 sacos (60 Kg), e os demais estados juntos chegaram a 16.801 sacos. A arroba do cacau em Ilhéus e Itabuna, na última sexta-feira (13/11), foi cotada em R$ 146 reais. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações Mercado do Cacau) (mais…)

Preço do gás na Bahia fica mais caro a partir desta quarta, 4/11

Preço do gás na Bahia fica mais caro a partir desta quarta, 4/11 - economia

Os consumidores serão pegos de surpresa quando forem comprar seu botijão de gás na Bahia a partir desta quarta-feira (4/11). Segundo Edgar Moura, presidente do Sindicato dos Revendedores de Gás, o produto ficará mais caro e o valor adicional será de R$ 2.

O preço foi fixado após o  reajuste da base de dados chamada de Pauta Fiscal, apresentada pela secretaria da Fazenda às empresas revendedoras. “Esse valor implica nas empresas que acaba respingando no bolso do consumidor”, afirmou.

No estado este é o segundo ajuste neste ano. No fim de agosto, o valor do gás foi reajustado em 15%. O reajuste foi aplicado após o dissídio coletivo dos trabalhadores do setor. Em Santo Antônio de Jesus o valor do botijão de 13 kg, que ficava em torno dos R$ 5o reais, com o novo aumento, chegará a custar R$ 55 reais ou mais. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: Bocão News)

Voltar à página inicial