Um comerciante de 62 anos foi morto a tiros na noite de quarta-feira, dia 03, em Barro Preto, cidade na região sul da Bahia. Agnaldo Assis dos Santos foi atingido pelos disparos na frente do próprio estabelecimento, um mercado que, segundo informações da polícia civil da região, ele adquiriu há poucos dias. O delegado responsável pelo caso, Izael Fiterman, não soube informar a data em que a compra foi feita, mas reforçou que foi este ano e há poucos dias. Ainda não há informações sobre a motivação do crime.

De acordo com o delegado, Agnaldo estava na frente do estabelecimento quando homens armados chegaram, atiraram e fugiram. “Ele era um empresário na cidade e tinha um mercado na Rua D. Chegaram, atingiram nele e foram embora. Estamos ainda no início da investigação, mas vamos seguir as diligências para tentar elucidar esse crime”, comentou Fiterman.

Agnaldo ainda era dono de um restaurante no centro da cidade e servidor público. Algumas testemunhas foram ouvidas e outros depoimentos serão colhidos na tentativa de identificar os suspeitos. O corpo do comerciante foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Itabuna e até a manhã desta quinta-feira, nenhum suspeito havia sido localizado.

G1/ Bahia