A reforma administrativa do município de Santo Antônio de Jesus (BA) foi aprovada na Câmara de Vereadores na noite desta segunda-feira (30). Em entrevista a Rádio Andaiá FM, o Vereador Délcio Mascarenhas (PP), oposição à gestão atual, disse que o prefeito Humberto Leite “é digno de pena”, pois uma estrutura administrativa que não tem função e pré-requisito para o preenchimento dos cargos é esdrúxula, “cria 395 cargos, aumentando para  200 cargos de confiança.  Serão 395 empregos, cada um com salários de R$ 3mil a R$ 5mil reais mensais. (Redação/Tribuna, com informações do vozdabahia)