O padre Natael Costa, ordenado no último dia (23/12), celebrou nesse sábado (29/12) na sua comunidade natal, Xangó, paróquia São Felipe e São Tiago, Diocese de Amargosa.

Em entrevista ao Tribuna do Recôncavo, Natael contou que foi um momento de grande alegria poder celebrar na comunidade onde deu seus primeiros passos na vida religiosa. “A gente sempre aprende que voltar ao primeiro amor é necessário, e começar a celebrar missa por aqui é descobrir a essência da própria vocação no sentido próprio que é servir, inclusive esse é o lema que tomei como referência para minha vida, para me colocar a disposição para o serviço sempre”.

Para o neo-sacerdote, foi um momento de muita emoção, “onde prometi que não seria um momento marcado pelas lágrimas, mas pelo sorriso, pela felicidade de alguém que é muito grato a Deus por tudo que ele fez e faz em meu favor e em favor da minha família. Então, é um momento de gratidão e alegria, de reconhecimento e agradecimento, e ao mesmo tempo de recuperar as essências da minha vocação, estando no lugar onde me encontrei com Jesus, onde pude viver a experiência que me levou a ser Padre e servir a Diocese de Amargosa”.

Natael será empossado pároco da paróquia de São Vicente Ferrer em Ubaíra, no dia 14 de fevereiro de 2019. Ele falou sobre as suas expectativas. “Como todo padre jovem a gente tá feliz e ao mesmo tempo preocupado porque é uma paróquia  grande, uma paróquia que tem história, que já tem uma longa caminhada. Nossas expectativas são as maiores e melhores, mas ao mesmo tempo [o temor de um jovem] de assumir uma tamanha responsabilidade diante de tanta gente, mas estou com o coração cheio de confiança de fazer uma boa e excelente caminhada junto com todo povo de Deus.

Texto: Jéssica Santos

Foto: Jéssica Santos