NORDESTE! Berço que acolheu o Brasil!

Exuberante natureza caracteriza o teu perfil!

Indios, negros, caboclos, quilombolas, socializam seus saberes, vivenciam sua fé, demonstram o seu “ser nordestino” que com trabalho e determinação, enfrenta o dia-a-dia na luta árdua pelo pão!

Orgulha-te de construir o progresso desta nação!

O teu povo, canta dança, samba e irradia alegria!

Come jabá com pirão, não nega a tua raiz!

Adoça o cotidiano com rapadura. Êta povo feliz!

Com a diversidade de expressões, preserva a sua cultura!

Dança forró o ano inteiro, dá uma mão de prosa no terreiro!

O NORDESTINO existe, insiste e resiste!

Alegria, solidariedade, sabedoria e resistência, marcam a vida deste povo que com a força de seus braços nosso país sustenta!

Nordestinos! Vítimas do preconceito humano, social, racial, cultural, religioso e político, promovido pelos que insistem em não reconhecê-los como “sujeito    histórico.”

Sonham até em excluir do mapa esta histórica região!

Mas a nossa identidade não vão banir! Ela está cravada no coração nordestino e a discriminação não irá sucumbir!

O Nordeste existe, insiste e resiste!

O Nordeste é o meu quinhão!

Nordestino sou de coração!

Não aceito discriminação!

Sou nativo do Nordeste!

Autêntico nordestino!

Existo, insisto e resisto!

Autoria: Maria do Carmo da Silva Santos/ Colunista do Tribuna do Recôncavo