A mãe de Demi Lovato, Dianna Hart, impôs regras para ajudar na recuperação da cantora, que foi internada na reabilitação no último fim de semana. “Além de pedir que Demi fique na reabilitação por, no mínimo, trinta dias, ela também disse que a filha deve manter um acompanhante sóbrio por um ano, depois que for liberada do tratamento”, declarou uma fonte ao “Radar Online”.

“Além disso, Dianna quer que Demi restabeleça contato e conserte o relacionamento rompido com seu antigo acompanhante sóbrio, Mike Bayer, assim como o contato com as pessoas da Cast Recovery, que eram como familiares para ela”, completou. As exigências da mãe também incluem um pós-tratamento. Diz a fonte: “Demi terá que encarar o FaceTime com sua mãe todos os dias, após o fim da reabilitação, e ela também tem que concordar em fazer exames aleatórios de drogas a qualquer momento nos próximos anos”.

Dianna passará a tomar cuidado com as pessoas com quem a filha se relaciona: “Demi teve que entregar seu telefone para sua mãe antes de ir para a reabilitação e ela está passando um pente fino para cortar todas as pessoas que são uma má influência sobre sua filha”. (Metro 1)