A Prefeitura de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano, iniciou mais um processo de corte e, nesta semana, 40 servidores municipais comissionados foram exonerados, segundo revela as últimas edições do Diário Oficial do Município (DOM).

Segundo apurou a reportagem do Portal Infosaj, os atos têm o intuito de “enxugar” a folha de pagamento da máquina administrativa para que o prefeito Humberto Leite consiga equilibrar as contas municipais antes de deixar o cargo ao fim de dezembro deste ano. Conforme a edição do Diário Oficial desta última terça (25), a maior parte das exonerações ocorreram na Secretaria de Administração.

As outras exonerações ocorreram em pastas diversas como a de Saúde, Educação, Cultura, Ação Social e Esporte. Os servidores demitidos, em sua maioria, integravam equipes de lideranças políticas e de aliados da atual gestão municipal. A apuração da reportagem também indica que cada secretaria do Executivo municipal ficou com a responsabilidade de indicar os funcionários que deveriam ser demitidos. Ou seja, outras exonerações podem acontecer até o final de dezembro.

Vale lembrar que alguns dos demitidos há alguns dias atrás, tiverem seus decretos revogados e voltaram para os seus respectivos cargos. Humberto Leite ficou em segundo lugar na eleição com 40,11% dos votos perdendo para o deputado estadual Rogério Andrade (PSD). (Fonte: Portal Infosaj). Confira AQUI  a lista de exonerados:

Humberto volta a exonerar mais servidores; número de demissões chega a 300 - saj, destaqueHumberto volta a exonerar mais servidores; número de demissões chega a 300 - saj, destaqueHumberto volta a exonerar mais servidores; número de demissões chega a 300 - saj, destaqueHumberto volta a exonerar mais servidores; número de demissões chega a 300 - saj, destaqueHumberto volta a exonerar mais servidores; número de demissões chega a 300 - saj, destaqueHumberto volta a exonerar mais servidores; número de demissões chega a 300 - saj, destaque

*Fonte: Portal Infosaj