De acordo com informações passadas pelo 14º Batalhão de Polícia Militar em Santo Antônio de Jesus, o helicóptero que caiu na tarde desta segunda-feira (21/03) na zona rural de Jaguaripe, no Recôncavo Baiano, fazia ‘manobras arriscadas’ momentos antes da queda.

A aeronave caiu na Fazenda Cavala, perto do povoado Terra Santa, zona rural do município acima citado, deixando quatro pessoas feridas: Jéssica Souza da Silva, 36 anos,  sofreu lesões no quadril e na coluna e seu estado de saúde é estável; Ailton Carneiro, 42 anos, teve um trauma no abdômen; Diego Santos Santana, 43 anos, sofreu politrauma sem evidência de fratura e o piloto Joy Moggi sofreu trauma toráxico e pneumotórax, com fratura exposta nas pernas.

De acordo com o coordenador do Samu do município de Santo Antônio de Jesus, Moacir Figueiredo, três ambulâncias foram enviadas ao local, uma da cidade de Aratuípe, outra de Jaguaripe e uma unidade do suporte avançado de Santo Antônio de Jesus.

Ainda segundo Moacir, as equipes estacionaram as ambulâncias nas proximidades do acidente e foram prestar socorro às vítimas porque o local da queda é de difícil acesso. Contudo, o transporte dos feridos foi feito por três helicópteros do Graer. Não há informações sobre a origem e destino do voo. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: G1)Helicóptero que caiu em Jaguaripe fazia manobra perigosa; divulgado os nomes das vítimas - reconcavo, jaguaripe, destaque, transito

Aproveite e curta a nossa fanpage. Clique Aqui !