A largada para a corrida presidencial já foi dada. O candidato tucano Geraldo Alckmin falou sobre o seu plano de governo em evento nesta terça-feira (07), em São Paulo, mas foi uma gafe que chamou a atenção e virou notícia. O presidenciável pediu a Luciano Huck, responsável por mediar a sabatina, que mandasse um beijo à Eliana, em clara confusão com a atual esposa do apresentador, Angélica. A confusão tem uma justificativa – não tão boa.

Huck e Eliana namoraram de 1997 à 1999, quando terminaram e o apresentador assumiu o relacionamento com a baiana Ivete Sangalo. “Primeiro quero cumprimentar a todos e a todas, Luciano, saudar a Eliana.. e dizer que a nossa proposta é o Brasil voltar a crescer, é simplificar, desburocratizar…”, disse Alckmin no painel “Visão-2019-2022: Conversa com Presidenciáveis”, da GovTech Brasil. Antes de terminar, foi interrompido por Luciano. “Geraldo, eu preciso fazer uma correção, não vai ter jeito. Vamos ter que começar de novo, posso te contar um segredo?”, disse ao se levantar e contar sobre a confusão ao ouvido do tucano.

Alckmin prontamente se levantou e foi abraçar Angélica, que assistia ao evento na primeira fileira.“Essa é imperdoável, viu”, admitiu. Huck revidou:“E não esquece de mandar 1 beijo pra dona Li, tá”, brincou ao trocar o nome da esposa de Alckmin, Lu. Desconcertado, Alckmin se desculpou: “Eu fiquei aqui 2 minutos: é Poliana ou Eliana? E é Angélica. Perdão”, concluiu. (Bahia.Ba)