O artista plástico Mário Cravo Junior morreu nesta quarta-feira (1°). Aos 95 anos, o pintor, escultor e poeta estava internado desde o dia 17 de julho na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Teresa de Lisieux. Na última semana, o artista plástico apresentou uma melhora no quadro renal, mas não resistiu.

Nascido em 1923, Mário Cravo Jr produziu diversas obras que estão espalhadas por todo o mundo. Em Salvador, sua terra natal, vários pontos tem esculturas do artista, como por exemplo a “Fonte da Rampa do Mercado”, no Comércio, e o Memorial a Clériston Andrade, que fica na Avenida Garibaldi.

Mário Cravo Jr também é o autor das 108 esculturas livres localizadas na galeria aberta ao ar livre no Parque de Pituaçu. Nos últimos anos houve muitas denúncias de abandono do local, que refletiu na má preservação das obras do baiano. No ano passado, a galeria Paulo Darzé recebeu uma exposição que homenageou os 70 anos de carreira do escultor, chamada “Cravo – Cabeça de Tempo”. (Bahia.Ba)