Por Odemar Lúcio

Contrariando a incoerente fala da direita dando conta de que todos os eleitores de espectro de esquerda possuem “políticos de estimação” aqui estou escrevendo sobre as últimas ações administrativas do governador petista.

Primeiramente, as atitudes do governador reeleito a meu ver são de fato reprováveis. Eu particularmente não acredito nessa ideia de “Bahia quebrada”, isso é e tem sido o argumento usado pelo projeto neoliberal para fazer seus ajustes para favorecer o capital: foi assim com Temer, dizendo que a previdência estava quebrada e que precisa cortar na carne do proletariado; é assim no plano de governo e nas atuações enquanto deputado federal do agora presidente eleito Jair Bolsonaro; e agora Rui Costa se vale do mesmo arpão para golpear o trabalhador.

Não é a primeira vez que eu falo em neoliberalismo e também não é a primeira que cito o neoliberalismo de esquerda – por muitos ignorado. O projeto neoliberal – aquele que prever um Estado maximo para o capital e mínimo para o social – tornou-se algo acima da política, que por sua vez, tem sido um dos meios para a execução e sucesso de tal projeto.

De fato, defendo eu que a função maior do Estado tem que ser sempre em favor dos menos favorecidos. Dessa forma, se já é questionável ações em desfavor do povo quando vindo de um governo de direita é ainda mais abusivo e inaceitável que uma gestão de esquerda enverede por este caminho que vai de encontro ao povo, vai na contramão do projeto societário que as minorias desejam para o Brasil e que os baianos confiaram ao governador Rui Costa. A reeleição de Rui de modo tão veemente quis dizer que em sua expressiva maioria, os baianos queriam-no fazendo trincheira pelo povo e não seguindo a cartilha neoliberal de cabeceira da perversa direita política brasileira. Definitivamente, o governador baiano está golpeando covardemente o povo e traindo seus eleitores.

A cada dia mais os políticos que ai estão se comportam de maneira idêntica, embora em lados diferentes atendem ao um só projeto: o dá elite contra o povo.

ARTIGO: Sobre a famigerada reforma do governador Rui Costa - bahia, artigosSobre o autor:

Natural da cidade de Mutuípe e residente em Elísio Medrado desde 1992, Odemar Lúcio é Graduando em Serviço Social pela Facemp – Faculdade de Ciências e Empreendedorismo; poeta e escritor.