No final do mês de março nossa equipe esteve no Anel Rodoviário, trecho da BR 101 em Santo Antonio de Jesus, próximo ao Posto Uirapuru, ouvindo alguns chapas que reclamaram sobre motoristas e motociclistas que estão dando contramão para se livrar do radar.

Nesta sexta-feira (15) ouvimos moradores do Barro Vermelho e Loteamento Mirante do Andaiá, que estão passando pelo mesmo problema. Em entrevista concedida ao Portal Tribuna do Recôncavo, a senhora Dalva Mota contou que após a implantação do radar em frente ao antigo Posto da Polícia Rodoviária Federal a situação piorou para os moradores.

Após implantação de radar, motoristas não param para pedestres em S. A. de Jesus - destaque“Quando tinha o quebra mola era melhor, tiraram e botaram o radar, agora os carros não param. Se você vier no horário de meio dia, quando chega aí tem dois, três ônibus, descem mais de 100, 150 crianças para atravessar a pista e enquanto não acontecer um acidente grave e matar meio mundo de gente eles não vão tomar providencia. A gente quer uma passarela ali”, reivindicou.

Dalva do Cunha, como é conhecida, concluiu ressaltando que no Brasil o pessoal não dar vez ao pedestre. “Primeiro eles com o carro porque parece que nunca vão chegar e o pessoal leva um tempo esperando para atravessar [a pista]. Isso não existe!”, concluiu Dalva. (Hélio Alves/Tribuna do Recôncavo)

Após implantação de radar, motoristas não param para pedestres em S. A. de Jesus - destaque

Aproveite e curta a nossa fanpage. Clique Aqui !