Na próxima sexta-feira (25), às 20h, o palco do Centro de Cultura Olívia Barradas será ocupado pelo espetáculo “Ziriguidum – Ideias Abertas para Tocar e Dançar”, criado pelo Grupo de Dança Contemporânea da UFBA (GDC-UFBA) , em parceria com o Núcleo de Percussão da UFBA. As pesquisas para criação desse espetáculo envolveram os dois grupos, formados por alunos e conduzidos por professores. A apresentação abrirá a turnê do projeto por espaços culturais administrados pela Secretaria de Cultura da Bahia (SecultBA) no interior do estado. Os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$5 (meia) com classificação livre.

A turnê do Grupo de Dança Contemporânea da Escola de Dança da UFBA (GDC), com o projeto Ziriguidum, vai acontecer em oito espaços culturais. O projeto é formado pelo espetáculo homônimo Ziriguidum, além de oficinas de dança com o elenco da companhia. Em Valença, a oficina acontece a partir das 14h.

De maio até agosto, o GDC estará em Valença (25) no Centro de Cultura Olívia Barradas, na Casa de Cultura de Mutuípe (08 e 09/06), no Centro de Cultura de Alagoinhas (16/06), em Feira de Santana no Centro de Cultura Amélio Amorim (14/07), no Centro de Cultura João Gilberto em Juazeiro (19, 20 e 21/07), no Centro de Cultura de Porto Seguro (04/08), no Centro de Cultura ACM em Jequié (16, 17 e 18/08) e no Teatro Dona Canô, que fica em Santo Amaro (25/08). 

A inspiração para a criação coreográfica partiu das peças de percussão das obras do repertório do Núcleo de Percussão da UFBA, onde as músicas foram disponibilizadas e cada coreógrafo pesquisou sobre a movimentação corporal relacionada com o universo de alguns sucessos musicais do carnaval “axé”, trazendo reflexões sobre coreografias de massa como fenômeno de controle e produção de “folias momescas”. O espetáculo simboliza um novo momento da Escola de Dança da UFBA, através da quebra de paradigmas com o protagonismo das Danças Populares, fazendo assim, do “Ziriguidum”, um espetáculo versátil.

 

Espaços Culturais da SecultBA – A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia mantém 17 espaços culturais geridos pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), e localizados em diversos Territórios de Identidade. Destes, cinco encontram-se em Salvador – Cine Teatro Solar Boa Vista, Espaço Xisto Bahia, Casa da Música de Itapuã, Centro de Cultura de Plataforma e Espaço Cultural Alagados – e 12 nos municípios de Alagoinhas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Mutuípe, Porto Seguro, Santo Amaro, Valença e Vitória da Conquista.

Para mais informações, acesse: www.espacosculturais.wordpress.com.