O presidente americano Donald Trump defendeu a possibilidade de compartilhar informações da Casa Branca com o governo russo. O republicano se posicionou por meio de mensagem em seu perfil no Twitter, uma semana depois de se reunir com autoridades russas na Casa Branca.

“Como presidente eu quis compartilhar com a Rússia (em uma reunião aberta planejada na Casa Branca), o que eu tenho o direito absoluto de fazer, fatos relativos a terrorismo e à segurança de voos. Razões humanitárias e, além disso, eu quero que a Rússia aumente sua luta contra o Estado Islâmico e o terrorismo”, escreveu o presidente dos Estados Unidos.

De acordo com a Reuters, duas autoridades do país disseram nesta segunda (15), que Trump revelou informações altamente secretas para o ministro de Relações Exteriores da Rússia sobre uma opração planejada do Estado Islâmico.  (Bahia Noticias)