Após reunião com deputadas da bancada feminina da base aliada e ministros na sala de reuniões do Planalto, o presidente Michel Temer (PMDB) admitiu a possibilidade de as mulheres se aposentarem com tempo mínimo de contribuição menor do que o dos homens. Possibilidade é ventilada entre as mudanças na reforma da Previdência negociadas entre o Executivo e o Congresso.

Temer afirmou ainda que as mudanças na reforma da Previdência vão diminuir em R$200 bilhões o gasto do governo em dez anos. “É melhor reduzir para R$ 600 bilhões ou não fazer nada? É claro que é melhor reduzir o déficit para R$ 600 bilhões”, comentou. (Bahia.ba)