Aconteceu na Praça Renato Machado nesta quarta-feira (17), durante a Semana Acadêmica da Facemp, a 3ª Feira Cultural de Direito Penal. Entre as temáticas trabalhadas, a equipe “Lei Maria da Penha”, do 5º semestre vespetino, explicou para os visitantes e colegas acadêmicos sobre a Lei Maria Maria Penha, o que muda com a Lei, os Mitos e Fatos sobre a violência doméstica, entre outros assuntos.

Em entrevista concedida ao repórter Antônio Carlos, a pedagoga e estudante de Direito, Maria Conceição, residente em Amargosa, falou que a Lei Maria da Penha é algo novo, mas é um sonho acalentado por todas as mulheres desde o século passado, pois estabelece que toda mulher deve ter a proteção social e do Estado, inclusive sobre atos de violência sofridos no ambiente privado ou intrafamiliar”, disse.

Já a graduanda Estela, em entrevista ao repórter Hélio Alves, contou que desde as primeiras conversas e consultas à professora Lucianna Barbosa, percebeu que o trabalho iria se estender. Porém não sabia até onde a temática seria explorada.

-“A cada encontro com o grupo surgiam novas idéias e possibilidades de construir o trabalho da melhor forma possível. Assim, pensamos muito na estética do trabalho para que pudéssemos atrair o público, sem perder a essência da proposta, que é a informação, difusão do conhecimento e sobretudo, ajudar as vítimas de violência doméstica e familiar de alguma forma”, destacou Estela. (Tribuna do Recôncavo)