Na ùltima quinta-feira (23), os vereadores do município de São Félix aprovaram numa sessão extraordinária, sem o conhecimento da população a primeira votação do projeto que cobra dos cidadãos a iluminação pública através de um imposto conhecido como TIP (Taxa de Iluminação Pública).

Mas a notícia da assembleia secreta vazou e revoltou a comunidade que manifestou-se com diversos protestos como o ocorrido nesta manhã de terça feira (27) após realização de uma sessão de 9 minutos de duração os parlamentares tiveram que deixar a Câmara Municipal escoltados pela Policia Militar, após ameaças de manifestantes que lotaram o auditório da Casa. Uma montagem com nomes dos vereadores que aprovaram a taxa circula na intenert como forma de protesto e crítica ao grupo que aprovou a proposta do Executivo.

O projeto segue para a sanção do prefeito Alexandro Aleluia de Brito ( PMDB). O Voz da Bahia ouvirá o Governo afim de saber as razões para a implantação do imposto que recairá sobre as contas de energia da comunidade sanfelixta. Somente dois vereadores votaram contrário, Patricia de Souza Almeida – PC do B e Edvando Nunes de Almeida (PSB). (Voz da Bahia)