O vereador João Vitor (PSB) entrou com uma representação no Ministério Público estadual (MP) contra o corte de árvores realizado pela Prefeitura de São Felipe em diversas regiões da cidade. Para o vereador, a retirada brusca das árvores representa um verdadeiro atentado contra o meio ambiente e contra o bem-estar da população do município.

Na semana passada, a prefeitura retirou árvores históricas localizadas no canteiro central da avenida ACM, principal via de acesso ao município. Além disso, a gestão também promoveu o corte de vegetais localizados na rua Góes Calmon, uma das principais da cidade. A justificativa é que estas áreas serão revitalizadas.

João Vitor, contudo, não vê nenhuma revitalização. Para ele, o corte das árvores não passa de uma ação irresponsável feita por uma gestão que não tem conhecimento sobre gestão de meio ambiente. O vereador lembra que, se fosse mesmo uma revitalização, a prefeitura deveria ter encaminhado um projeto à Câmara. Mas isso não ocorreu. “Como representante da população, me sinto no direito de buscar uma solução para este problema ambiental”, afirma.

Na representação, que foi assinada também pelo vereador Jair Araújo, João Vitor pede a intervenção do MP no caso. “É preciso que se apure o possível cometimento de crime ambiental por parte da prefeitura. A supressão de árvores ocorridas em duas das principais vias da cidade é, no mínimo, condenável nesses nossos tempos em que se discute forma de preservação do meio ambiente”, pondera.

ASCOM