A FETAG – Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado da Bahia, juntamente com os sindicatos de trabalhadores rurais e agricultores familiares de Nazaré, Maragojipe e São Felipe, e a UFBA – Universidade Federal da Bahia, realizaram no Salão Nobre da Prefeitura de São Felipe, na terça-feira (20/02), a segunda etapa do Seminário Caminhos para a Indicação Geográfica da Farinha de Copioba.

Segundo o Secretário de Agropecuária de São Felipe, Pedro Paulo, a iniciativa é de grande valia para o desenvolvimento comunitário dos produtores rurais. “Estamos trabalhando para enaltecer ainda mais o nome da nossa farinha tão famosa, que é a farinha da copioba. Além disso, estamos buscando em conjunto com os municípios de Maragojipe e Nazaré, a criação de identidade e a indicação geográfica da nossa farinha de Copioba através de encontros com demais entidades em parceria com a Universidade Federal da Bahia”, disse.

Durante o dia, foram realizadas atividades de dinâmicas com a estudante da Ufba Priscila, roda de conversa com o psicólogo Samuel e grande explanação sobre os meios de indicação geográfica da Farinha de Copioba, fortalecimento da agricultura familiar e valorização do produto com o professor e pesquisador da UFBA, Alcides dos Santos Caldas.

O evento contou com a participação do secretário de administração de São Felipe, Professor Silvio; secretário de agricultura de Maragojipe, Eladio Bahia; da representante de Nazaré Tânia Silva; do pesquisador da Empraba, Joselito Motta; do Professor e Pesquisador da UFBA, Alcides Caldas, Nailson do Sindicato de Trabalhadores Rurais de São Felipe e produtores rurais da região.

 

Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: ASCOM-PMSF