Segundo o tenente PM José Arlindo de Jesus Junior, Comandante do 3° Pelotão/ Jequié da CIPRV/ Itabuna, que também abrange os municípios de Brejões, Jaguaquara, Santa Inês, Maracás dentre outros municípios, será usado em rodovias da área de abrangência do 3º Pelotão, no período de festejos juninos, o etilômetro ou alcoolímetro. Também conhecido pelo nome popular bafômetro, é o aparelho que mede a concentração de álcool etílico na corrente sanguínea de uma pessoa mediante a análise do ar pulmonar profundo.

Sua principal aplicação é identificar condutores de veículos que estejam sob efeito de bebidas alcoólicas. “Essas operações serão intensificadas nesse período de festas, quando nós iremos convidar e submeter os motoristas para aferição, com o objetivo de constatar a taxa de alcoolemia de quem estiver conduzindo veículos e vamos aplicar as sanções administrativas legais para os que não observarem o cumprimento da lei”, argumenta o Tenente José Arlindo.

‘Lei Seca’, na Lei 12.760/12 do Código Brasileiro de Trânsito (CTB), denominada de “Nova Lei Seca”, se o motorista for parado em uma blitz e o teste acusar de 0,05 mg/l até 0,33 mg/l, não será dada voz de prisão, mas haverá arbitramento de multa no valor de R$ 2.934,70, bem como o motorista deverá responder a processo administrativo, tendo a suspensão do direito de dirigir pelo período de 12 meses. (Criativa On line)