O público presente na Feira Chic de Mutuípe, neste último domingo (08/07), acompanhou uma bonita apresentação do Grupo de Capoeira Mutum. Em entrevista ao repórter Hélio Alves, Mestre Nego Doi falou que seus alunos apresentaram um pouco sobre o que é feito na academia, para o público ter ciência dos ensinamentos que são passados para os seus praticantes.

Ainda de acordo com o Mestre Nego Doi, não tem idade limite para praticar a Capoeira. “Todos podem praticar, da criança ao idoso, só basta a pessoa querer. A Capoeira tá na mente, tá no corpo, no gingar e no saber”, disse. Mestre Nego Doi dá aula gratuitamente na Escola Ana Lúcia no Centro de Mutuípe, e na Escola Maria Júlia no Alto da Cajazeira.

Para Joelma, que pratica Capoeira há 2 anos, a Capoeira é um meio para livrar o jovem do mundo das drogas. “O que a gente mais cobra na Capoeira é a educação, disciplina e comportamento. Muitos jovens só pensam no mundo das drogas, a gente tenta mudar o pensamento e o jeito de agir dele, para ser um cidadão de bem na vida”, disse.

Fonte: Tribuna do Recôncavo

Confira o vídeo: