Na manhã desta quinta-feira (11), manifestantes voltaram a bloquear a BR- 116 sul, próximo ao posto São Caetano, em Santo Estêvão. Após 29 dias da primeira manifestação, o grupo ainda reivindica a instalação de “quebra molas” e redutores de velocidade no trecho da rodovia.

“Tivemos que fazer isso de novo porque a Via Bahia havia sinalizado em audiência pública que não colocaria o quebra molas,  então, interditamos”, disse um dos líderes da manifestação.

Em 19 de dezembro de 2017 o grupo interditou a pista com a mesma reivindicação. Na ocasião, a Polícia Rodoviária Federal dispersou a manifestação com balas de borracha e bombas de gás. (Trombone News)