Duas mulheres morreram, no sábado passado, depois de terem ficado trancadas numa sauna na cidade de Jicin, no Norte da República Checa, segundo um comunicado da polícia checa à AFP, citado pelo The Guardian.

“A maçaneta na porta da sauna partiu-se e a duas mulheres ficaram presas. Tentaram partir a janela da porta, mas não conseguiram”, afirmou Iva Kormosova, porta-voz da polícia checa.

A mãe e a filha, de 65 e 45 anos respetivamente, estavam em casa de um amiga que ,estranhando a longa demora das duas mulheres, decidiu procurá-las. Encontrou-as caídas no chão. (Noticias ao Minuto)