Em contato com a redação do Tribuna do Recôncavo, na manhã desta quinta-feira (28/12), a senhora Rita Cristina agradeceu a todos pelas homenagens e carinho prestados a sua irmã Rosângela Quadros, a qual faleceu no Hospital São Rafael em Salvador, na quinta-feira(21/12), e foi sepultada em Santo Antônio de Jesus na sexta-feira, dia 22.

Rita explicou que sua irmã já estava curada do Linfoma, e que o motivo da morte foi a rejeição do transplante. “O transplante foi feito com apenas 50 por cento de compatibilidade e os médicos falavam [que ia] dar certo”, afirmou.

Ainda de acordo com Rita, a revolta de sua irmã foi grande. “Em seus últimos dias conosco ela falou por várias vezes que estava arrependida e que não queria ter feito o transplante. Disse também que o sofrimento foi tamanho e que não aconselharia ninguém a fazer. A nossa dor e revolta é tamanha, mas nada vai traze-la de volta”, concluiu Rita.

“Rosa”, como era conhecida, era natural do município de Varzedo, da localidade de São Roque dos Macacos, e há 19 anos era professora da Escola Municipal Cefira Baylão Diniz em Santo Antônio de Jesus.

Fonte: Tribuna do Recôncavo