A rodovia que interliga a BR 101 com a BR 116, de Sapeaçu até a cidade de Castro Alves continua intrafegável. Nesta sexta-feira o senhor Josué Neri, em contato com o portal Tribuna do Recôncavo, contou que é natural de Castro Alves, reside em outra cidade, mas ao visitar sua terra natal foi pego de surpresa com as condições da BA 242.

“O povo não merece isso, senhor governador da Bahia, Rui Costa, uma via que liga as duas BRs naquela situação, quase toda vez que a gente faz uma viagem tem que trocar peças do veículo, um absurdo. O governador prometeu um novo recapeamento asfáltico para o início de 2017, já estamos no mês de março e nada. Os cidadãos desta cidade precisam se manifestar, chega de sofrimento”, disse.

O internauta ainda sugeriu ao prefeito de Castro Alves, Thiancle Araújo, a criação de um monumento na entrada e saída da cidade. “Cidades menores já tem [esse monumento] dando boas vindas aos visitantes. Aí por enquanto está ao deus dará. Acorda pra vida. Pode ter certeza que estamos de olho em você, se não administrar bem, o mesmo povo que lhe colocou tira também”, disse Neri. (Tribuna do Recôncavo)