Um homem identificado como Reginaldo Pereira da Silva Júnior, acusado de praticar mais de 20 homicídios em Feira de Santana e São Gonçalo dos Campos, foi morto na noite deste domingo (25) na cidade de Muniz Ferreira, no Recôncavo baiano. Reginaldo era conhecido como “Coentro” e estava foragido. De acordo com o delegado da cidade de Feira de Santana, Gustavo Coutinho,  Reginaldo era envolvido com facções criminosas e praticou diversos crimes nos anos de 2013 e 2014.

“Ele dava muito trabalho à polícia e era um dos mais procurados. Muita gente queria matá-lo. Tanto da facção a qual ele pertencia, como da rival. Já estava jurado de morte”, comentou o delegado. “Coentro” foi morto com tiros e o delegado acredita que a autoria do crime pode estar relacionado a algum desafeto da vítima.

“Ele atuava principalmente na região do Aviário em Feira de Santana e região de São Gonçalo dos Campos. Foi preso por porte de arma várias vezes e estava sendo procurado pela polícia por cometer vários homicídios. Ele era muito perigoso e estava em Muniz Ferreira. De vez em quando vinha à Feira para praticar homicídios. Comandava a parte operacional da facção e a prática de assassinatos”, completou Coutinho.

Reportagem: Acorda Cidade | Redação: Bahia Notícias