Um assalto ousado, digno de um roteiro de cinema, ou melhor, de uma série, foi interceptado pela polícia do bairro de Maipú, em Santiago, capital do Chile na última semana. Na ocasião, um grupo de dez elementos, vestindo macacões vermelhos e máscaras do seriado da Netflix La Casa de Papel, tentou explodir um caixa automático. Os criminosos se inspiraram na ficção e se deram mal. Segundo o jornal La Cuarta, eles não conseguiram levar o dinheiro pois o sistema de segurança foi acionado e a polícia chegou em menos de um minuto.

Após uam troca de tiros durante a fuga, um dos bandidos foi baleado e foi encaminhado para um hospital. Dois suspeitos foram presos. O caso ganhou repercussão internacional e o canal Antena 3, que transmite a série, noticiou o caso. “A influência de La Casa de Papel chega a níveis impensáveis”, comentou o canal de televisão espanhol. La Casa de Papel se tornou um fenômeno no Brasil após ser lançada sem muito alarde pela Netflix, e conquistou pela trama cheia de drama e suspense sobre oito assaltantes e um plano genial.

A minissérie espanhola foi eleita como a “melhor série espanhola da história” pelos veículos especializados espanhóis, além de ter sido considerada uma “obra-prima” pela Variety. Ganhou ainda inúmeros prêmios, entre eles, o troféu pela Melhor Direção no Festival da Série MiM no ano passado; Melhor Roteiro dos Prêmios IRIS e Melhor Direção e Melhor Ficção para os críticos da FesTVal Television e Radios de Vitoria 2017. (Correio)