Pela primeira vez, a Embrapa Mandioca e Fruticultura realiza uma Rodada Sociotecnológica em um evento. Será na manhã desta sexta (1º/12), na VIII Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Febafes), que acontece como parte da programação da 30ª edição da Feira Nacional da Agropecuária (Fenagro), no Parque de Exposições de Salvador. O objetivo da rodada é promover uma divulgação mais direta dos produtos da Unidade.

Foram selecionadas três tecnologias: a BRS Princesa, que será apresentada pelo pesquisador Edson Amorim, líder do Programa de Melhoramento Genético de Banana e Plátano da Embrapa; os chips desidratados de banana da terra, cuja exposição vai ficar a cargo da pesquisadora Ronielli Reis; e o Reniva (Rede de multiplicação e transferência de materiais propagativos de mandioca com qualidade genética e fitossanitária), que será apresentado pelo supervisor do Setor de Gestão de Transferência de Tecnologia, Herminio Rocha, um dos coordenadores da rede.

A programação terá início às 9h30, com a breve apresentação institucional feita por Aldo. Em seguida, virão as exposições de cada uma das tecnologias. A partir das 11h, na mesa-redonda sobre os produtos, os participantes vão se dividir em três grupos distintos, tendo por moderadores os responsáveis pelas tecnologias.

 

SERVIÇO:

Assunto: Rodada Sociotecnológica da Embrapa Mandioca e Fruticultura

Data: 1º de dezembro (sexta)

Horário: 9h30 às 12h

Local: Parque de Exposições de Salvador – Sala 5.

 

Texto: Alessandra Vale/ASCOM/EMBRAPA